Evolução do pensamento pedagogico

Get Started. It's Free
or sign up with your email address
Rocket clouds
Evolução do pensamento pedagogico by Mind Map: Evolução do pensamento pedagogico

1. Sócrates

1.1. ensinava através do dialogo

1.2. Auto conhecimento

1.3. Realismo e Idealismo

1.3.1. Despertar e elevar o interlocutor a expor suas ideias

1.3.2. Gnosiologia

1.3.2.1. Essência do conhecimento

1.4. Realismo

1.4.1. Fator determinante para conhecimento

1.4.1.1. objeto

1.4.2. A realidade independe do sujeito

1.5. Idealismo

1.5.1. Fator determinante para conhecimento

1.5.1.1. Sujeito

1.5.2. Realidade a partir do sujeito durante a interação com o sujeito

2. Abordagem Pedagógica Tradicional

2.1. Fundamentada em teorias empiricamente validas e em práticas educativas

2.2. Paulo Freire

2.2.1. Educação bancaria

2.2.1.1. Professor deposita conhecimento no aluno

2.2.1.2. Aluno visto como conta vazia

2.3. Rigidez

2.3.1. Centrada no professor

2.3.2. Concepção de homem inacabado = aluno um adulto em miniatura precisa ser atualizado

2.3.3. Os padrões são muitos respeitados

2.4. 3 características próprias

2.4.1. 1- Exigências de hierarquia Professor x aluno

2.4.2. 2- Conhecimento definitivo sem cotestação

2.4.3. 3- Não considera conhecimento do aluno e produção de massa

2.5. RAIO X

2.5.1. HOMEM

2.5.1.1. Receptor passivo das informações

2.5.2. MUNDO

2.5.2.1. Externo ao individual compreensão de mundo a partir do modelo

2.5.3. SOCIEDADE - CULTURA

2.5.3.1. O objetivo do ensino estar relacionado aos valores morais, culturais da sociedade na qual estar inserido

2.5.4. CONHECIMENTO

2.5.4.1. Inteligência faculdade acumular e armazenar informações

2.5.5. EDUCAÇÃO

2.5.5.1. Como produto modelo a serem alcançado são pré estabelecido

2.5.6. ESCOLA

2.5.6.1. Ênfase na situações em sala de aula, onde os alunos são instruídos e ensinados pelos professores

2.5.7. PROFESSOR - ALUNOS

2.5.7.1. Prof. agente - Aluno ouvinte

2.5.8. METODOLOGIA

2.5.8.1. Professor traz o conteúdo pronto e o aluno limita-se passivamente a aceita-lo

2.5.9. AVALIAÇÃO

2.5.9.1. Visa a exatidão da reprodução do conteudo visto em sala

3. Abordagem Pedagógica Montessoriana

3.1. Idealizada por Maria Montessori

3.2. O ponto mais importante é a possibilidade criada pela utilização dele de se libertar a verdadeira natureza do índividuo

3.3. Escola ativa ou escola progressiva

3.4. O desenvolvimento se dá em cada época da vida

3.5. Considera a individualidade do aluno

3.6. Vertente pedagógica

3.6.1. IDEALISMO

3.7. 3 PILARES GERAIS ( TEÓRICO )

3.7.1. Autoeducação

3.7.2. Educação como ciência

3.7.3. Educação cósmica

3.8. 3 pilares gerais ( práticos )

3.8.1. Ambiente Preparado

3.8.2. Adulto Preparado

3.8.3. Criança equilibrada

3.9. Materiais de desenvolvimento

3.9.1. Multisserial

3.9.2. Meio preparado e material didatico

3.9.2.1. Função de estimular e desenvolver o intelecto da criança de forma espontanha

3.9.3. Material único em sala

4. Abordagem Pedagógica Woldof

4.1. Antroposofia

4.1.1. Estuda o ser humano em seus três aspectos, o físico, a alma e o espírito

4.1.1.1. o pensar, o sentir e o querer

4.2. Foi criada em 1919 na Alemanha

4.2.1. Escola para filho de operários da fabricas de cigarros Waldorf-Astório

4.3. Característica marcante

4.3.1. Não exigir um pensar abstrato intelectual muito cedo

4.4. Ensino teórico sempre acompanhado pela pratica

4.5. Enfoque nas atividades corporais, artisticas e artesanais de acordo com a idade dos estudantes

4.6. O foco principal é DESENVOLVER SERES HUMANOS CAPAZES DE POR SI PRÓPRIOS DAR SENTIDO E DIRECÇÃO AS SUAS VIDAS

4.7. O currículo - ciclos de sete anos

4.7.1. 0 -7 Ênfase no desenvolvimento psicomotor

4.7.1.1. Actividades lúdicas não inclui o processo de alfabetização

4.7.2. 7 -14 Corresponde ao ensino fundamental

4.7.2.1. Alfabetização

4.7.2.2. Educação dos sentimentos para que os alunos adquiram maturidade emocional

4.7.3. Não tem professor especifico mas um tutor que acompanha a turma por sete anos

4.7.3.1. Tutor referencia de comportamento e disciplina para o aluno se espelhar

4.7.4. 14 -21 O estudante estar pronto para exercitar o pensamento e fazer analise critica do mundo

4.7.4.1. Disciplina dividida por época estudante passa quatro semana vendo uma matéria

4.7.4.2. Professor especialista

4.7.4.3. Classe continua com o tutor

4.7.5. Avaliação baseadas em atividades diarias

4.7.6. Boletins descritivos - mencionadas as habilidades sociais e virtudes como perseverança, interesse, auto motivação e força de vontade

5. Abordagem Pedagógica Construtivita

5.1. Relação sujeito- meio

5.1.1. Relação entre o objeto e o sujeito

5.2. Ênfase no aspecto cognitivo

5.2.1. Estágio de desenvolvimento genético-cognitivo

5.2.1.1. Sensório-motor ( 0 - 2 anos ), percepções e ações

5.2.1.2. Pré-operatório ( 2 - 7 anos ), linguagem, desenho, imitação, dramatização

5.2.1.3. Operatório concreto ( 7 - 12 anos ),

5.2.1.4. Operatório formal 11/12 fase adolescente, raciocínio hipotético-dedutível

5.2.1.4.1. Elabora e testa suas hipóteses

5.2.1.4.2. Importância da linguagem

5.3. Principal premissa:

5.3.1. Reflexão das próprias experiências

5.4. Professor

5.4.1. Mentor

5.4.2. Facilitador de experiencia

5.4.3. Apresentador do conhecimento

5.4.4. Encorajar e estimular o aluno a buscar novos desafios

5.4.5. Missão de criar situações de aprendizagem que facilite a construção individual

5.5. Aluno

5.5.1. Ativo

5.5.2. Participa de forma direta na construção do conhecimento

5.5.2.1. Através da formulação de hipóteses e da resolução de problemas

5.5.3. Autonomo

6. Abordagem Sóciointeracionismo

6.1. Vigotisky

6.1.1. Conhecimento é construído através das relações com o meio

6.1.2. A aprendizagem gera o desenvolvimento

6.1.3. Duas forma de funcionamento mental

6.1.3.1. 1ª Processos mentais elementares

6.1.3.1.1. Sensório motor ( Piaget )

6.1.3.2. 2ª Funções psicológicas superiores

6.1.3.2.1. Construída ao longo da historia social do homem

6.1.3.2.2. 3 princípios fundamentais

6.1.4. ZDP

6.1.4.1. Plano de desenvolvimento real

6.1.4.2. Plano de desenvolvimento potencial

6.2. Grande importância ao meio

6.2.1. Sujeito é reflexo do meio reelaborado

6.3. Professor

6.3.1. Agente mediador do processo

6.3.1.1. Contribui para o fortalecimento das funções não consolidadas ou para abertura de novas ZDP's