Meio de transmissão

Get Started. It's Free
or sign up with your email address
Rocket clouds
Meio de transmissão by Mind Map: Meio de transmissão

1. Par trançado

1.1. Dois fios trançados um ao redor do outro para reduzir a interferência elétrica

1.2. Tipos

1.2.1. UTP

1.2.1.1. Sem blindagem

1.2.1.2. Baixo Custo

1.2.1.3. facilidade de instalação

1.2.2. STP

1.2.2.1. possuir uma malha blindada global

1.2.2.2. blindagem interna envolvendo cada par trançado

1.2.2.3. Alcança uma largura de banda de 300 MHz em 100 metros de cabo

1.2.3. FTP

1.2.3.1. apresenta escudos folha cobrindo os pares trançados de fios dentro do cabo

1.3. Propensa a interferências elétricas e ruídos

1.4. Categorias

1.4.1. CATEGORIA 1: Não é mais reconhecida pela TIA (Associação da indústria de telecomunicação). Foram utilizadas em instalações telefônicas e redes antigas. CATEGORIA 2: Também não é mais reconhecida pela TIA. Foi projetado para antigas redes token ring, assim como a categoria anterior. CATEGORIA 3: Primeiro padrão desenvolvido especialmente para redes. É certificado para sinalização de até 16 MHz. CATEGORIA 4: Não é mais reconhecida pela TIA. Utilizado para transmitir dados a uma frequência de até 20 MHz e dados a 20 Mbps. Substituído pela categoria 5. CATEGORIA 5: É a mais utilizada, pois possui com qualquer placa de rede. A categoria reconhecida pela TIA atualmente é a CAT5e, que pode ser usado para frequências até 125 MHz. CATEGORIA 6: Trabalha com a frequência de 250 MHz, mas seu alcance é de apenas 55 metros (a CAT6a permite até 100m). Suportam frequências de até 500 MHz e com maior poder de reduzir interferências e perda de sinal. CATEGORIA 7: Ainda está em desenvolvimento, visto que está sendo criada para permitir a criação de redes de 100G.bps em cabos de 15m usando fio de cobre.

1.5. U (Unshielded): Sem blindagem. F (Foil): Fita plástica aluminizada. S (Screened): Malha de fios metálicos (cobre, alumínio, etc), outro tipo de blindagem.

2. Coaxial

2.1. Um fio condutor central envolto por uma camada isolante e blindagem metálica

2.2. Comumente usado para conectar a TV a cabo

2.3. todos os computadores ligados por meio de um único cabo.

3. Simplex

3.1. Um sinal flui sempre da estação de origem para estação de destino.

4. Half-duplex

4.1. A transmissão ocorre nos dois sentidos, ou seja, é bidirecional, porém não simultaneamente, transmitindo em um sentido de cada vez.

5. Full-duplex

5.1. Os dados podem ser transmitidos e recebidos ao mesmo tempo, em ambos os sentidos, por meio de dois canais simultâneo.

6. Fibra Óptica

6.1. filamento flexível e transparente fabricado a partir de vidro ou plástico que é utilizado como condutor de elevado rendimento de luz, é lançado um feixe de luz numa extremidade da fibra e, pelas características ópticas do meio (fibra), esse feixe percorre a fibra por meio de reflexões sucessivas.

6.2. Tipos

6.2.1. Monomodo

6.2.1.1. apresenta um caminho possível de propagação

6.2.1.2. é a mais utilizada em transmissão a longas distâncias

6.2.2. Multimodo

6.2.2.1. permite a propagação da luz em diversos modos

6.2.2.2. é a mais utilizada em redes locais

6.3. Vantagens

6.3.1. Largura de banda muito maior do que a dos outros cabos

6.3.2. Imune a interferências elétricas

6.3.3. Usar a luz em vez de eletricidade para enviar dados

6.4. Desvantagens

6.4.1. instalação tem um custo mais elevado.

7. WIFI

7.1. tecnologia de interconexão entre dispositivos sem fio

7.2. Vantagens

7.2.1. - Qualquer dado e informação pode ser transmitida rapidamente e com alta velocidade - Manutenção e instalação de baixo custo A internet pode ser acessada de qualquer lugar sem fio, desde que tenha sinal - Maior grau de mobilidade durante a comunicação - Capacidade de atender um maior número de usuários sem necessidade de mais equipamento (no caso de uma comunicação com fio, seriam necessários mais cabos para mais usuários)

7.3. Desvantagens

7.3.1. - Um pessoa desautorizada pode facilmente capturar os dados sendo transmitidos através da captura dos sinais no ar. Por isso, é necessário o uso de tecnologias de encriptação dos dados transmitidos para manter o sigilo e proteção do que está sendo transmitido - Sinais de transmissão suscetíveis a interferência que estão além do controle do administrador da rede. Coisas como metais, água, outros sinais e outras ondas podem causar interferência na comunicação e ocasionar perda de dados - Instalação da infraestrutura de uma rede de comunicação sem fio pode ser complexa - A velocidade de transmissão de dados uma rede sem fio é menor do que a velocidade de uma rede com fio. - O alcance do sinal pode ser insuficiente dependendo da distância que se quer cobrir. Quanto maior a distância, maior será o número de repetidores ou pontos de acesso que deverão ser utilizados.