MACRONUTRIENTES

Get Started. It's Free
or sign up with your email address
Rocket clouds
MACRONUTRIENTES by Mind Map: MACRONUTRIENTES

1. CARBOIDRATOS

1.1. SIMPLES

1.1.1. MONOSSACARÍDEOS

1.1.1.1. GLICOSE

1.1.1.1.1. Fonte imediata de energia para as células

1.1.1.1.2. Unica fonte de energia para o cérebro

1.1.1.1.3. Armazenado no fígado e músculos na forma de glicogênio

1.1.1.2. FRUTOSE

1.1.1.2.1. Encontrado nas frutas e mel

1.1.1.2.2. É o mais doce dos açúcares

1.1.1.2.3. Convertido em glicose no fígado, antes de ser utilizado como fonte de energia

1.1.1.3. GALACTOSE

1.1.1.3.1. Não ocorre sobre a forma livre da natureza

1.1.1.3.2. Leites e derivados

1.1.2. DISSACARÍDEOS

1.1.2.1. MALTOSE

1.1.2.1.1. GLICOSE+GLICOSE= Componente do malte

1.1.2.2. SACAROSE

1.1.2.2.1. GLICOSE+FRUTOSE= Açúcar da mesa

1.1.2.3. LACTOSE

1.1.2.3.1. GLICOSE+GALACTOSE= Açúcar do leite

1.2. COMPLEXO

1.2.1. POLISSACARÍDEOS

1.2.1.1. AMIDO

1.2.1.1.1. Formado por: Amilopectina e Amilose

1.2.1.1.2. Amilopectina dificulta o acesso das enzimas responsáveis pela degradação

1.2.1.1.3. Presente no trigo, arroz, tubérculos e legumes

1.2.1.2. GLICOGÊNIO

1.2.1.2.1. Polissacarídeo de reserva animal

1.2.1.2.2. Auxilia na regulação do metabolismo proteíco

1.2.1.2.3. Armazenado no fígado e musculos

1.2.1.2.4. Ajuda a manter o equilíbrio glicêmico durante períodos de jejum

1.2.1.3. FIBRAS

1.2.1.3.1. Atuam na regulação do funcionamento do sistema gastrointestinal

1.3. FUNÇÃO

1.3.1. Reserva de energia

1.3.2. Sustentação

1.3.3. Sistema Imunológico

1.3.4. Fonte energética para neurônios

1.4. FONTES

1.4.1. Arroz,massas, farinhas, pães e biscoitos..

1.5. DIGESTÃO

1.5.1. Boca

1.5.1.1. Trituração e umidificação

1.5.1.2. Glândulas salivares quebra amido

1.5.2. Estômago

1.5.2.1. HCI bloqueia ação da amilase salivar

1.5.3. Duodeno

1.5.3.1. a-amilase completa degradação amido

1.6. ABSORÇÃO

1.6.1. GLICOSE

1.6.1.1. Absorvida ativamente pelo enterócito

1.6.1.1.1. sangue

1.6.2. GALACTOSE

1.6.2.1. Absorvida ativamente

1.6.3. FRUTOSE

1.6.3.1. Absorvida por difusão facilitada (sem gasto de energia)

1.7. METABOLISMO

1.7.1. GLICÓLISE

1.7.1.1. Degradação de glicose em piruvato

1.7.2. GLICOGENÓLISE

1.7.2.1. Degradação do glicogênio em glicose

1.7.3. GLICOGÊNESE

1.7.3.1. Síntese de glicogênio a partir de glicose

1.7.4. GLICONEOGÊNESE

1.7.4.1. Síntese de glicose a partir de outros substratos

2. PROTEÍNAS

2.1. ESSENCIAIS

2.1.1. São os que o corpo não consegue produzir naturalmente e por isso precisam ser consumidos diariamente

2.1.1.1. Leucina, lisina, triptofano, isoleucina, fenilalanina, valina, metionina, treonina, histidina

2.2. NÃO-ESSENCIAIS

2.2.1. São os que o nosso corpo produz naturalmente, sem a necessidade de uma dieta especial

2.2.1.1. Alanína, arginina, asparagina, ácido aspártico, cisteína, ácido glutâmico, glutamina, glicina, prolina, serina e tirosina

2.3. PROTEÍNAS ESTRUTURAIS

2.3.1. Colágeno, queratina, elastina

2.4. PROTEÍNAS CONTRÁTEIS

2.4.1. Actina e miosina

2.5. PROTEÍNAS DO SISTEMA IMUNOLÓGICO

2.5.1. Anticorpos, fibriogênio

2.6. PROTEÍNAS TRANSPORTADORAS

2.6.1. Hemoglobina, mioglobina, albumina, lipoproteínas

2.7. PROTEÍNAS COMO HORMÔNIOS

2.7.1. Insulina e Glucagon

2.7.2. Tiroxina

2.7.3. Calcitonina e paratormônio

2.8. FONTES

2.8.1. Origem Animal

2.8.2. Origem vegetal

2.8.3. Suplementação

2.9. Digestão

2.9.1. Boca

2.9.1.1. Trituração e umidificação

2.9.2. Estômago

2.9.2.1. HCI desnatura proteínas e ativa pepsinogênio

2.9.3. Duodeno

2.9.3.1. Presença do quimio ácido estimula liberação de secretina

3. LIPÍDIOS

3.1. SIMPLES

3.1.1. ÁCIDOS GRAXOS

3.1.1.1. AGCC, AGCM, AGCL

3.1.1.2. SATURADOS

3.1.1.2.1. São ácidos monocarboxílicos constituídos de uma cadeia hidrocarbonada saturada

3.1.1.3. INSATURADOS

3.1.1.3.1. São ácidos monocarboxílicos que contêm em suas cadeias uma ou mais ligações duplas

3.1.2. TRIGLICERÍDEOS

3.1.3. CERAS

3.2. COMPOSTOS

3.2.1. GLICOLIPÍDEOS

3.2.2. FOSFOLIPÍDEOS

3.2.3. LIPOPROTEÍNAS

3.3. DERIVADOS

3.3.1. ESTEROIDES

3.3.2. NÃO-ESTEROIDES

3.4. FUNÇÕES

3.4.1. Reserva de energética

3.4.2. Isolante térmico

3.4.3. Síntese da bile

3.4.4. Hormonal

3.4.4.1. Esteroides, andrógenos, estrogênio e progesterona

3.4.5. Transporte das vitaminas A D E e K

3.5. FONTES

3.5.1. Origem animal

3.5.2. Origem vegetal

3.5.3. Suplementação

3.6. METABOLISMO

3.6.1. VIAS CATABÓLICAS

3.6.1.1. Degradação dos triglicerídeos em acidos graxos + glicerol - citoplasma

3.6.2. VIAS ANABÓLICAS

3.6.2.1. Síntese de triglicéridos

3.6.2.2. Síntese do colesterol

3.6.2.3. Síntese de corpos cetônicos