DESPESA ADMINISTRATIVA 2017

Get Started. It's Free
or sign up with your email address
Rocket clouds
DESPESA ADMINISTRATIVA 2017 by Mind Map: DESPESA ADMINISTRATIVA 2017

1. Motivação

1.1. PREVIC - Necessidade normativa divulgação despesas administrativas (Resolução 29)

1.1.1. acompanhamento e controle execução orçamentária e indicadores de gestão despesas

1.2. EFPC - equilíbrio/eficiência operacional na gestão administrativa

1.2.1. gastos com pessoal

1.2.2. serviços de terceiros

1.2.3. outros encargos administrativos

1.3. EFPC - Orientar elaboração Orçamento Anual

1.3.1. critérios quantitativos e qualitativos

1.3.1.1. necessidade e adequação dos gastos x resultados obtidos

1.3.2. Metas e indicadores - avaliação gestão administrativa

1.4. Participantes - Transparência e aproximação na gestão das entidades

2. Metodologia

2.1. Amostra do estudo

2.1.1. 261 EFPC (total 304)

2.1.1.1. excluídas: migração, saldamento, transferência recursos, encerramento e outros casos que inviabilizam tratamento contábil

2.1.1.1.1. Seq. EFPC Situação 1 AEROS LIQUIDAÇÃO 2 AERUS LIQUIDAÇÃO 3 ARUS INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS 4 BCO. SUMITOMO INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS 5 BOMPREV INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS 6 BP PREV INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS 7 CABEA INEXISTÊNCIA DE PLANOS ATIVOS 8 CAEMI INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS 9 CARBOPREV INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS 10 CENTRUS/MT LIQUIDAÇÃO 11 CEPLUS LIQUIDAÇÃO 12 CRYOVAC INEXISTÊNCIA DE PLANOS ATIVOS 13 DAREXPREV SEM BALANCETE 14 FUCAE LIQUIDAÇÃO 15 FUMAC LIQUIDAÇÃO 16 FUNASA INEXISTÊNCIA DE PLANOS ATIVOS 17 FUNPADEPAR INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS 18 FUNTERRA INEXISTÊNCIA DE PLANOS ATIVOS 19 GAROTO SEM BALANCETE 20 GZM PREVI INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS 21 IAJA INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS 22 MAIS VIDA PREV INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS 23 MAPPIN LIQUIDAÇÃO 24 MERCAPREV INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS 25 MÚTUOPREV INEXISTÊNCIA DE PLANOS ATIVOS 26 PARSE LIQUIDAÇÃO 27 PEIXOTO INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS 28 PREVHAB INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS 29 PREVI - FIERN INEXISTÊNCIA DE PLANOS ATIVOS 30 PREVI-BANERJ LIQUIDAÇÃO 31 PREVILLOYDS INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS 32 PREVINOR INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS 33 PSS INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS 34 SANPREV INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS 35 SEGURIDADE INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS 36 STEIO INEXISTÊNCIA DE PLANOS ATIVOS 37 UASPREV INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS 38 UNIPREVI INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS 39 URANUS LIQUIDAÇÃO 40 UTCPREV INEXISTÊNCIA DE PLANOS 41 VULCAPREV INEXISTÊNCIA DE PLANOS 42 VWPP INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS 43 WYETH PREV INSUFICIÊNCIA DE DADOS POPULACIONAIS

2.1.2. 1.039 planos de benefícios

2.2. Plano Gestão Administrativa (PGA) - demonstrativo contábil

2.2.1. “patrimônio” administrativo EFPC - receitas e despesas exclusivamente administrativas

2.2.1.1. Conta contábil 4.2: Total despesas / pessoal e encargos / serviços terceiros / demais despesas

2.2.1.2. Conta 4.1: Total Receitas Administrativas

2.2.1.2.1. CUSTEIO ADMINISTRATIVO

2.3. Estatísitica Populacional/AtivoTotal

2.4. Passo a passo - Metodologia

2.4.1. Resumo dos passos para o realização do estudo: 1- Levantamento das contas contábeis por EFPC no INFGER: NUM_CONTA NM_CONTA 1000000000 ATIVO 1400000000 GESTÃO ASSISTENCIAL 4100000000 RECEITAS 4130000000 GESTÃO ASSISTENCIAL 4200000000 DESPESAS 4211010000 PESSOAL E ENCARGOS 4211040000 SERVIÇOS DE TERCEIROS 4212010000 PESSOAL E ENCARGOS 4212040000 SERVIÇOS DE TERCEIROS 4221010000 PESSOAL E ENCARGOS 4221040000 SERVIÇOS DE TERCEIROS 4222010000 PESSOAL E ENCARGOS 4222040000 SERVIÇOS DE TERCEIROS 4230000000 GESTÃO ASSISTENCIAL 4240000000 REVERSÃO DE RECURSOS PARA O PLANO DE BENEFÍCIO 2 - Dados da população: INFGER: Página Inicial > RELATÓRIOS > 3 - ANALÍTICOS > 3.2 - CONFORMIDADE > 3.2 - DADOS CADASTRAIS > Controle de Envio - Informações Consolidadas - EPB 3 – Levantamento de planos ativos na época do estudo: Tabela fornecida pela Mariana H. Pregnolatto, porque deve-se fazer um trabalho de estimação para se reproduzir os planos ativos na época uma vez que nosso cadastro não é estático. 4 - Fazer o cruzamento dos dados dos balancetes(item 1) com os planos ativos (item 3); 5 – Incluir os dados populacionais (item 2) no resultado do cruzamento do item 4; 6 – Conferir se o número de EFPC levantado bate com o relatório de Estatísticas da Previdência Complementar do INFGER: Página Inicial > RELATÓRIOS > 5 - ESTATÍSTICAS > Estatísticas da Previdência Complementar Fechada 7 – Conferir se as EFPCs do item 5 batem com a listagem oficial do INFGER: Página Inicial > RELATÓRIOS > 5 - ESTATÍSTICAS > Listagem de EFPC na Data7 8 – Confecção do ANEXO I, no qual serão retiradas do estudo entidades em situação especial (liquidação etc.), sem balancetes entregues, sem dados populacionais ou sem planos ativos. 9 – Retirar as EFPCs do ANEXO I dos dados do item 5, as entidades resultantes serão objeto do estudo. 10 – Com a listagem do item 9, calcular as informações quantitativas: ATIVO TOTAL 1000000000-1400000000 Total de Despesas Administrativas A=4200000000-4230000000-4240000000 Total de Despesas Pessoal e Encargos B=4211010000+4212010000+4221010000+4222010000 Total de Despesas Serviços Terceiros C=4211040000+4212040000+4221040000+4222040000 Total das Demais Despesas Administrativas A-B-C Receita Administrativa Total 4100000000-4130000000 Despesas / Ativo Total (%) A / ATIVO TOTAL Despesas/Receita Despesa per Capita Desp.Terc>Desp.Pess. 11 - Classificar as EFPCs do item 10 por Grupo de Ativo ( grupos A, B, C, D, E); 12- Com base nas tabelas do item 10 e 11, criar a tabela consolidada que dará origem aos ANEXOS III dos grupos: EFPC UF Patrocínio Predominante Quant. de Planos População Grupo Ativo Total Despesas Administrativas Receita Administrativa Total (R$) Indicadores (1) Pessoal e Encargos (2) Serviços de Terceiros (3) Outras Total (1+2+3) (1) % Despesas/ Ativo Total (2) Despesa sobre Receita (3) Despesa per capita 2017 % Evolução 2017/2014 No estudo de 2017, para se comparar as despesas per capita, os dados de 2014 foram atualizados pelo IPCA do período: Resultado da Correção pelo IPC-A (IBGE) Dados informados Data inicial dez/14 Data final dez/17 Valor nominal R$ 100,00 ( REAL ) Dados calculados Índice de correção no período 1,2204433 Valor percentual correspondente 22,04% Valor corrigido na data final R$ 122,04 ( REAL ) BCB - Calculadora do cidadão 13 – Cálculo das médias aparadas: a) Despesa per capita média aparada b) Média Aparada Despesas sobre o Ativo Total c) Média Aparada Despesas sobre Receitas 14 – Com os dados obtidos cálculo das tabelas: TABELA 2: Distribuição do número de fundos de pensão segundo critério de volume de recursos no ativo total. TABELA 3: Dados consolidados para os grupos de entidades segundo volume total de ativos, despesas e receitas administrativas em 2017. TABELA 4: Composição das Despesas Administrativas (em milhões) TABELA 5: Dados consolidados para os grupos de entidades segundo média da população, do ativo, despesas e receitas administrativas. TABELA 6.1: Média de despesas per capita, médias % de despesas sobre o ativo total e média das despesas sobre receita (médias aparadas1) TABELA 6.2: Média aparada de despesas per capita de acordo com a quantidade de participantes das entidades. TABELA 7: Despesas administrativas per capita por Patrocínio Predominante. TABELA 8: Dados comparativos para os grupos de entidades abrangidos nos Estudos (em relação a 2014) TABELA 9: Dados comparativos para os grupos de entidades abrangidos no estudo. TABELA 10: Variação percentual das Despesas Administrativas per Capita - 2014/2017 TABELA 11: Preponderância de Terceirização por Grupo

3. Grupos de EFPC Classificação Ativo Total (R$) Quantidade de EFPC Quantidade Planos População (mil) Volume Ativo Total (Bilhões R$) Grupo E Até 100 milhões 35 49 46 1.3 Grupo D 100 milhões a 500 milhões 77 117 389 21.9 Grupo C 500 milhões a 2 bilhões 86 217 738 89.3 Grupo B 2 bilhões a 15 bilhões 53 550 1.295 241.6 Grupo A Acima de 15 bilhões 10 106 786 476.2 TOTAL 261 1039 3.257 830.3

4. Grupos de EFPC Classificação por Ativo Total (R$) Qtde EFPC Qtde Planos População Volume Ativo Total Acumulado (Bilhões R$) Total Despesas Adm (Milhões R$) Total Receitas Adm (Milhões R$) Grupo E Até 100 milhões 35 49 46.336 1.3 47.8 43.8 Grupo D 100 milhões a 500 milhões 77 117 389.675 21.9 180.6 182.9 Grupo C 500 milhões a 2 bilhões 86 217 738.844 89.3 578.5 570.9 Grupo B 2 bilhões a 15 bilhões 53 550 1.295.747 241.6 1.160.7 1.261.3 Grupo A Acima de 15 bilhões 10 106 786.943 476.2 1.111.9 984.3 TOTAL 261 1039 3.257.545 830.3 3.079.5 3.043.3

5. Desafios

5.1. Aprimorar a metodologia

5.1.1. Utilizar “desvio padrão”, "medianas", “médias ponderadas”, etc.

5.1.2. Atualizar valores comparativos ano x anos anteriores (calculadora BACEN)

5.2. Inserir comparativos e indicadores de rentabilidade, riscos, modelos de gestão das EFPC (aferir eficiência operacional)

5.2.1. Correlação Despesa x Ativo x Solvência x Rentabilidade

5.3. Inserir gastos específicos investimentos

5.4. Consolidação de EFPC

5.4.1. Baixo número participantes

5.4.2. Baixo Ativo

5.4.3. Alta despesa per capta e relação Despesa/Ativo

5.4.4. Indicador de viabilidade (existência) de plano e EFPC

6. Diagnóstico

6.1. Heterogeneidade sistema brasileiro

6.1.1. Portes distintos

6.1.1.1. volume recursos

6.1.1.2. número participantes

6.1.2. Estrutura e modelo de gestão

6.1.2.1. Terceirização

6.1.2.1.1. Total x Parcial

6.1.2.2. Centralizado (quadro próprio)

6.1.3. Maturidade dos planos de benefícios

6.1.3.1. planos jovens e maduros (em extinção)

6.1.4. Modalidade dos planos de benefícios

6.1.4.1. Contribuição definida x benefício definido

6.1.5. Patrocínio

6.1.5.1. Público

6.1.5.1.1. Natureza Pública União/Estados/DF/Municípios

6.1.5.1.2. Empresas Públicas

6.1.5.2. Privado

6.1.5.2.1. Empresas

6.1.5.2.2. Instituidor (associação/sindicato)

7. Apresentação TABELAS

8. Quadro Geral EFPC

9. Estudo Despesas 2017

10. Consolidado Estatístico 2018