Terapia Nutricional

Get Started. It's Free
or sign up with your email address
Terapia Nutricional by Mind Map: Terapia Nutricional

1. EMTN

1.1. Médico

1.1.1. Indica e prescreve a TNEP

1.2. Enfermeiro

1.2.1. A prescrição, a administração e a atenção dos cuidados de enfermagem na TNE e administração da NP (observando o que é preconizado nos protocolos).

1.3. Nutricionista

1.3.1. Avalia o estado nutricional dos pacientes, necessidades nutricionais, para NE e para a NP e pela prescrição dietética da TNE.

1.4. Farmacêutico

1.4.1. Adquire, armazena e distribui, criteriosamente, a NE industrializada. Orientar a administração de medicamentos por cateter de nutrição enteral aos indivíduos sob TNE. Realiza todas as operações referentes à compra, ao desenvolvimento, à preparação da NP, atendendo às recomendações estabelecidas pela legislação vigente.

2. Terapia Nutricional Oral

3. Terapia Nutricional Enteral (TNE)

3.1. Se associa ao funcionamento do TGI

3.2. Ingestão via oral insuficiente

3.3. Grau de desnutrição, catabolismo, percentual de perda de peso

3.4. Presença de disfagia

3.5. Para indivíduos com IVO <60% da recomendação

3.6. Em bolus:

3.6.1. Seringas de 20 ou 50 mL

3.6.2. Volume total deverá ser fracionado e administrado com seringa ao longo de 30 minutos

3.6.3. Volume total correrá em 1 hora

3.6.4. Haverá repetição do processo de acordo com o horário

3.7. Gotejamento gravitacional

3.7.1. Dieta ocorre por gravidade a partir de frascos de 300 a 500 mL

3.7.2. Dieta deve ser administrada ao longo de uma hora

3.7.2.1. Frasco ligado o equipo com controle das gotas

3.7.3. Ocorre de modo intermitente

4. Terapia Nutricional Parenteral (TNP)

4.1. Em caso de contraindicação absoluta para o uso do TGI por:

4.1.1. Obstrução intestinal

4.1.2. Insuficiência intestinal

4.1.3. Fístulas enterocutâneas de alto débito

4.1.4. Desnutrição moderada ou grave e após 24-72h após insuficiência de via enteral

5. Triagem Nutricional

5.1. Deve ser de acordo com a rotina do ambiente hospitalar ou ambulatorial

5.2. Identifica fatores de risco para desnutrição

5.2.1. Aumenta susceptibilidade à infecções

5.2.2. Aumenta complicações pós-operatórias

5.2.3. Aumenta tempo de permanência hospitalar

5.2.4. Aumenta custos hospitalares

5.2.5. Aumenta taxa de mortalidade

5.2.6. Diminui a qualidade de vida

5.3. Possibilita intervenção nutricional precoce