Arquitetura e Organização de Computadores

Esse Mapa foi concluído por Cristiane de Sales Cunha Augusto Cesar e Nivaldo dos Santos

Get Started. It's Free
or sign up with your email address
Rocket clouds
Arquitetura e Organização de Computadores by Mind Map: Arquitetura e Organização de Computadores

1. MEMORIA FÍSICA É AQUELA QUE VEM COM O COMPUTADOR EM FORMATO DE UMA PEQUENA PLACA QUE CHAMAMOS DE PENTES DE MEMÓRIA

1.1. MEMÓRIA VIRTUAL:É UMA TÉCNICA QUE USA A MEMÓRIA SECUNDÁRIA COMO UMA CACHE PARA ARMAZENAMENTO SECUNDÁRIO

2. MEMÓRIA DE MASSA: É UTILIZADA PARA GUARDAR GRANDES QUANTIDADES DE DADOS.

2.1. MEMÓRIA CENTRAL:E A MEMÓRIA QUE NOS GARANTE A CAPACIDADE DE ARMAZENAMENTO DAS INFORMAÇÕES

3. DISPOSITIVO DE ENTRADA ,EX:MAUSE,TECLADO,LEITOR DE CD-ROM, LEITOR DE DVD, SCANNER, DATA GLOVE,ETC...

3.1. DISPOSITIVO SAÍDA:MONITOR, IMPRESSORA, PLOTTER, CAIXAS DE SOM, MD, ETC...

4. GERAÇÃO ZERO (século XVII),Máquina de Pascal (Pascaline),calculadora de leibinitz,Placa perfuradora , Arithmometer , Máquina de Diferenças(diferencial),Máquina Analítica e Máquina de Hollerith.

5. –Conjunto de valores {Falso, Verdadeiro} - raciocínio humano – {Desligado, Ligado} - circuitos de chaveamento – {0, 1} - sistema binário – {0V, +5V} - eletrônica digital

6. PRIMEIRA GERAÇÃO (1940 - 1959)GERAÇÃO ZERO (século XVII),Máquina de Pascal (Pascaline),calculadora de leibinitz,Placa perfuradora , Arithmometer , Máquina de Diferenças(diferencial),Máquina Analítica e Máquina de Hollerith.

7. GNU/Linux (e outros sistemas Unix)

7.1. DEBIAN E UBUNTU

8. Master Boot Record – O MBR contém 512 bytes de informação da estrutura organizacional do disco (partições, código de arranque do sistema operativo, e assinatura desse código).

8.1. Windows:

9. Tipos de portas:Porta lógica AND (E)s,Porta lógica OR (OU,Porta lógica NOT (NÃO),Porta lógica XOR (OU Exclusivo)Porta lógica NAND (porta AND invertida) e a porta NOR (porta OR invertida)

10. Dividido em 3 grandes grupos: a) Barramento de dados. b) Barramento de endereço. c) Barramento de controle.

11. EQUIPAMENTO DE REDE

11.1. PORTAS LÓGICAS

11.1.1. Uma operação lógica qualquer (ex.: soma ou multiplicação de dígitos biná-rios) sempre irá resultar em dois valores possíveis: 0 (falso) ou 1 (verdadeiro).

11.1.1.1. Conjunto de valores:

11.1.1.1.1. TOPOLOGIAS DE REDES:TICAPONTO-A-PONTO,BARRAMENTO,ANEL E ESTRELA.

11.1.2. A lógica é a base da eletrônica digital e da informática. Esta surgiu na Grécia antiga com a contribuição de três filósofos: Sócrates, Platão e Aristóteles.

11.1.2.1. Conjunto de oparações:Complementação – Multiplicação lógica – Adição lógica.

11.1.2.1.1. Álgebra Booleana

12. TIPOS DE CABOS:CABO COAXIAL,CABO DE FIBRA ÓTICA.

13. Modem

14. DIAL-UP,ADSL,PAN,LAN,M\N,CAN,TAN,WAN,WPAN,WLAN,MAN,WWAN

15. DISQUETES

16. conceito :interface serve para padronizar e facilitar a comunicação entre dois sistemas ou um sistema e o usuário.

17. Componentes de Hardware Os diversos componentes de hardware do computador são responsáveis por prover os mecanismos de interação entre o usuário e o sistema, além armazenar informações.  Componentes de entrada;  Componentes de saída;  Componentes de armazenamento;  Componentes de processamento

18. MEMÓRIA CACH:A relação entre o que existe na memória cache e o que existe na memória principal é chamada de mapeamento e pode ser feito de 3 diferentes formatos:

18.1. Computador O computador é uma máquina programável capaz de realizar processamento sobre uma massa de dados, torná-los em uma informação útil e armazená-los.

19. Definição:Read Only Memory (memórias de apenas leitura), como o próprio nome sugere, memórias do tipo ROM não permitem mais de uma escrita nos seus endereços, elas já saem do fabricante com os códigos já inseridos nela por meio de um processo de escrita do circuito, ou seja, as memórias ROM guardam sempre a mesma informação por toda a sua vida, permitindo apenas o acesso e leitura às suas informações.

19.1. PROM,EPROM,EEPROMEA,EAROM,FLASH,CD-ROM, DVD-ROM

19.1.1. MEMORIA RAM

19.1.1.1. Definição:Random Access Memory(memórias de acesso aleatório)permitem tanto a escrita quanto a leitura a qualquer instante e a qualquer endereço que pertença a ela. Como em um computador você está sempre escrevendo e apagando informações, as memórias do tipo ROM possuem um uso mais restrito,face a sua limitação deatualização.

19.1.1.1.1. memórias estáticas e as memórias dinâmicas., earmazém pouca quantidade de dados e são muito caras

20. PROCESSADOR:MEMORIA,CPU E ALU:

21. Projetos foram implementados, baseados na utilização de transistores. Computadores menores, mais baratos, consumiam menos energia, possuíam maior confiabilidade, eram mais rápidos (a velocidade passou para milionésimos de segundos) e eliminavam quase que por completo oproblema do desprendimento de calor.

22. ENTRADA / SAÍDA Entrada: permitem ao computador acessar informações do mundo externo. Saída: permitem a saída de informações para meios externos e possibilitam sua visualização, armazenamento ou utilização por outro equipamento

23. Unidade Central de Processamento (CPU) Componente vital do sistema de computação Responsável pela realização das operações de processamento (cálculos matemáticos, cálculos lógicos, etc) e de controle, durante a execução de um programa

23.1. Componentes da CPU,Unidade Aritmética e Lógica,unidade de controle

23.1.1. MEMÓRIARAM (Random Access Memory) - Memória principal do computador,MEMÓRIA CACHE - Mais rápido e mais caro. Serve para acelerar o processamento. Armazena as instruções e os dados mais requisitados,ROM (Read Only Memory) - Guardadas informações para iniciar o computado. Memória de leitura e não volátil com pequena capacidade de armazenamento. Geralmente, depois de gravada a ROM não pode ser mais gravada pelo usuário.e MEMÓRIA SECUNDÁRIA,armazena em siscos.

24. SISTENA COMPUTACIONAL

25. A definição de Sistema Computacional provem da interação existente entre os diversos componentes de hardware, software e peopleware que trabalham de forma conjunta sobre uma determinada massa de dados de forma a produzir nformações/resultados de interesse para outros sistemas/usuários.

26. SEXTA-GERAÇÃO:Sexta geração: - inteligência artificial; - robôs; - Computadores capazes de entender a linguagem natural do homem.

27. GERAÇÃO ZERO (século XVII),Máquina de Pascal (Pascaline),calculadora de leibinitz,Placa perfuradora , Arithmometer , Máquina de Diferenças(diferencial),Máquina Analítica e Máquina de Hollerith.

28. Pré -História:Os bastões de Napier,multiplicação e divisão

29. Pré-história:Logaritmo de régua e cálculo

30. A evolução dos computadores

31. Visão geral(Conjunto de instrução,numeros de bits,os mecanismo , as técnicas endereçamentos de memórias.

32. Pré-História:Ábaco:a primeira ferramenta utilizada pelo homem para realizar contagem foram os dedos da mão, dando início ao sistema decimal.

33. válvulas eletrônicas,Velocidade de milésimos de segundo e memória de 2K

34. Conceito: Conhecer de dominar um sistema computacional para otimizá-lo ou corrigir falhas.

35. Objetivo: Reconhecer as diferentes fases históricas do desenvolvimento do computador e seus principais marcos.Compreender o conceito de Máquina de Von Neumann.

36. PRIMEIRA GERAÇÃO (1940 - 1959)MARK I:Construído em 1944 pelo professor Howard Aiken da Universidade de Harvard em Cambridge U.S.A. Durante a II Guerra Mundial, era considerado uma calculadora eletromecânica muito grande e o primeiro projeto de computador.

37. PRIMEIRA GERAÇÃO (1940 - 1959)OLOSSUS: Projeto britânico, que estava sob a liderança do matemático Alan Turing em 1941,apresentou o Colossus. O Colossus foi criado para quebrar códigos alemães ultrasecretos em 1943. Inglês Thomas Flowers

38. PRIMEIRA GERAÇÃO (1940 - 1959)COLOSSUS:Projeto britânico, que estava sob a liderança do matemático Alan Turing em 1941,apresentou o Colossus. O Colossus foi criado para quebrar códigos alemães ultrassecretos m 1943. Inglês Thomas Flowers

38.1. PRIMEIRA GERAÇÃO (1940 - 1959)COLOSSUS:Projeto britânico, que estava sob a liderança do matemático Alan Turing em 1941,apresentou o Colossus. O Colossus foi riado para quebrar códigos alemães ultrasecretos em 1943.Inglês Thomas Flowers

39. SEGUNDA GERAÇÃO (1959 - 1965)Transistor.

40. TERCEIRA GERAÇÃO (1965 – 1970)Circuitos Integrados

40.1. Circuitos integrados (CIs). Esses circuitos consistiam em dezenas de transistores entre outros componentes montados em uma única pastilha de silício (chip).

41. QUARTA GERAÇÃO (1970 - ATUALMENTE.

41.1. Nasceu também a Apple, três jovens da Califórnia, Steve Jobs,Stephen Wozniak e Ron Wayne criam aquele que seria o marco da computação pessoal: o Apple I em 1976.Foi lançado em 1979 - Apple II,Lisa - 1983 e Macintosh -1984, foram os primeiros a usarem o Mouse e possuírem a interface gráfica.

42. QUINTA GERAÇÃO:Em transição: - Múltiplos núcleos; - Processamento verde; - Biochips;

43. O COMPUTADOR É UMA MÁQUINA PROGRAMÁVEL CAPAZ DE REALIZAR PROCESSAMENTO SOBRE UMA MASSA DE DADOS, TORNÁ-LOS EM UMA INFORMAÇÃO ÚTIL E ARMAZENÁ-LOS.

44. GABINETE,FONTE,PLACA MÃE,PROCESSADOR,CLOCK,PLACA DE EXPANSÃO:PLACA DE SOM;PLACA DE PLACA ÍDEO,PERIFÉRICOS:TELADOS;MOUSES;MONITORES;JOYSTICKS.

44.1. CMOS - Armazena as informações relativas configuração do hardware do micro. ● BIOS (Basic Input- Output System) - Responsável por “acordar “ o computador contar e verificar a memória RAM, inicia dispositivos e dar início ao processo de boot. ● BOOT - É a operação de passagem do sistema operacional do disco onde se encontra para a memória do computador.

45. CHIPSET Circuitos de apoio ao computador que gerenciam praticamente todo o funcionamento da placa-mãe.

46. Barramento - Caminhos que permitem o transporte de dados entre os vários elementos: CPU memória, placas de expansão, sistema de entrada e saída, etc...

47. MEMÓRIA DE UM COMPUTADOR

47.1. MEMÓRIAS VOLÁTEIS SÃO AS QUE REQUEREM ENERGIA PARA MANTER A INFORMAÇÃO ARMAZENADA. SÃO FABRICADAS COM BASE EM DUAS TECNOLOGIAS: DINÂMICA E ESTÁTICA.

48. MEMÓRIA ROM

48.1. A MEMÓRIA ROM:AQUELES QUE NUNCA OUVIRAM FALAR DA ROM CERTAMENTE CONHECE UM PRIMO PRÓXIMO DESSE TIPO DE MEMÓRIA, O CD-ROM, UMA MÍDIA ÓTICA QUE PERMITE APENAS A LEITURA DE DADOS. OU SEJA, VOCÊ NÃO PODE GRAVAR ARQUIVOS EM UM CD-ROM, APENAS EXECUTAR OU VISUALIZAR O QUE JÁ ESTIVER NELE.

48.1.1. A MEMÓRIA RAM É UM TIPO DE TECNOLOGIA QUE PERMITE O ACESSO AOS ARQUIVOS ARMAZENADOS NO COMPUTADOR

49. ESTRUTURA A HIERARQUIA DAS MEMÓRIAS

50. SISTEMAS DE ARQUIVOSDefinição:Sistema de Arquivos – É um conjunto de estruturas lógicas e de rotinas, que permitem ao sistema operacional controlar o acesso ao disco rígido.

50.1. Definição:Sistema de Arquivos – É um conjunto de estruturas lógicas e de rotinas, que permitem ao sistema operacional controlar o acesso ao disco rígido.

51. INTERFACE

52. SISTEMAS DE TELECOMUNICAÇÕES