FitoBenzimento_Mód_04

Get Started. It's Free
or sign up with your email address
Rocket clouds
FitoBenzimento_Mód_04 by Mind Map: FitoBenzimento_Mód_04

1. 05. Fundamentos Energéticos

1.1. Os caminhos neurais x A contra-partida energética corpórea

1.1.1. Início do equilíbrio entre as energias mais densas e as mais sutis

1.2. Chacra cardíaco (4o Chacra)

1.3. Síntese Corporal

1.3.1. Localizado na região peitoral / próximo ao coração

1.3.2. Conexão com o sistema respiratório, cardíaco, braços e mãos;

1.4. Síntese Criacional

1.4.1. A partir deste chacra constituído, passamos a harmonizar todos os nossos aspectos materiais e imateriais - traz o equilíbrio

1.4.2. Harmoniza os 03 primeiros chacras e com isto os deixa funcionando em linha com os 03 próximos chacras, sutis;

1.4.3. Quando ativado, nos dá a identidade de sociabilizar

1.5. Síntese Funcional

1.5.1. Nos dá a sensação de paz - deixamos de ter necessidades . . . pelo amor incondicional a nós mesmos e aos demais . . .

1.5.2. Liberdade

1.5.2.1. Sentido advindo com o AR

1.6. Síntese Sentimental

1.6.1. Sede do sentido de AMAR

1.6.2. Sede do sentimento de MÁGOA

2. 02. Transformações

2.1. Equilíbrio - Equilíbrio entre o MATERIAL e o IMATERIAL

2.2. PAZ

2.2.1. AMOR

2.2.1.1. AUTOACEITAÇÃO

2.3. Sociabilização

2.3.1. Visão Social da Existência

2.3.1.1. Solidariedade

2.4. Conexão com o amor incondicional exige . . .

2.4.1. . . . ultrapassas as barreiras do EGO

2.4.1.1. Assim, é uma força maior que a individualidade;

2.5. Unificação

2.5.1. Amar é unir, fazer-se UM

2.5.1.1. Aproxima e Unifica

3. 03. Sintomas

3.1. Eu não me amo completamente;

3.1.1. Tenho um coração magoado;

3.1.2. Tenho muita dor emocional;

3.1.3. Não consigo me doar incondicionalmente às outras pessoas;

3.1.4. Tenho muitas decepções amorosas;

3.1.5. Tenho muitas dificuldades para confiar nas outras pessoas;

3.1.6. Tenho desgostos por vários motivos;

3.1.7. Não me sinto uma pessoa conectada com o mundo a meu redor, em especial as pessoas;

3.1.8. Tenho muitas mágoas no meu coração;

3.1.9. Tenho sempre problemas nos relacionamentos afetivos;

3.1.10. Tenho apego e dependência emocional, sofro de carência afetiva;

3.1.11. Tenho medo de perder afeto, de ser a parte rejeitada e me ferir afetivamente;

3.1.12. Sinto tristeza, angústia, sentimento de solidão e de abandono;

3.2. Me sinto ocasionalmente em desequilíbrio na vida;

3.3. A diferença de idades não deveria existir nos relacionamentos afetivos;

3.4. Nunca confessei isto: trabalho dentro de alguma religião como médium e faço isto para obter alguma compensação em minha vida;

3.5. Não me sinto uma pessoa livre. Tenho a sensação de estar sempre aprisionada;

3.6. Possuo problemas respiratórios;

4. 01. Introdução

4.1. Quem é você?

4.1.1. Sintomas

4.2. Objetivos deste Módulo 04

4.2.1. Aumentar o significado do perdão . . .

4.2.1.1. Antigoécia

4.2.2. Sedimentar os 03 primeiros módulos

4.2.2.1. Ter / Existir

4.2.2.2. Sentir / Emocionar

4.2.2.3. Agir / Poder

4.2.3. Eliminar, pelo amor ...

4.2.3.1. Medos

4.2.3.2. Culpas

4.2.3.3. Vergonhas

4.2.3.4. Mágoas

4.2.4. Entender os princípios do Amor e Auto-Amor

5. 04. Crenças Detonadoras

5.1. Li e reli várias vezes mas não posso assinalar nenhuma pergunta.

5.2. Sinto como se fosse inadequada no contato com o outro;

5.3. Sou seletivo nos meus relacionamentos afetivos, demoro a confiar nas pessoas;

5.4. Amo demais as pessoas e sempre acabo sofrendo, mesmo não dando certo um relacionamento acho sempre que sou eu a culpada por não dar certo.

5.5. Quando inicio um relacionamento não consigo confiar no outro, faço sondagem para ver em qual situação estou entrando, quando acho que está tudo ok e começo de fato a me sentir em um relacionamento, meus parceiros terminam o relacionamento sem motivos aparente...

5.6. Amor é companheirismo, sexo é complemento, amizade, comprometimento, respeito.

5.7. Sou muito exigente com as pessoas, porque sou igualmente exigente comigo mesma. Tenho um senso crítico intenso e me considero um pouco egoísta.

5.8. Apesar de todas as respostas que dei, não vivo mal . . . as coisas negativas estão "guardadas" e não vivo falando delas, nem usando isso para ser vítima de nada. Rio, brinco e me sinto feliz, mas não me sinto completa.

5.9. Eu amo uma pessoa há mais de 11 anos e ela não fala comigo durante todo esse tempo. Peço a Deus para esquecê-la, outrora peço a Deus pra ela voltar...

5.10. Não tenho medo de correr atrás do prejuízo, gosto quando falam dos meu erros para poder ver aonde posso melhorar, hoje sou bastante resolvida comigo mesma. Não tenho mais problemas referentes a estes acima.

5.11. Na questão da homossexualidade, há algo esquisito nisso. Não consigo entender bem o que é. Sou contra a discriminação, a homofobia. Acho sim, que é problema energético ou afetivo, problema de cabeça, sei lá, mas que precisa ser tratado sim.

5.12. Amo e me envolvo demais com os outros, muitas vezes assumo muito mais do que posso, me deixei de lado muitas vezes. O que eu busco agora é canalizar minha energia pra mim , pra minha vida. Tiro gente do abismo o tempo todo , levanto todo mundo, então depois de muita reflexão, percebi isso como processo de fuga, ñ queria olhar pra dentro, e já algum tempo tenho feito exatamente isso : olhado pra mim, e ja colhi frutos interessantes. Ouvindo o Leandro falar de coisas que me são muito familiares, me remete a praticar os conhecimentos q me são inerentes, e q havia deixado de lado. Uso muito essa questão das ervas e condimentos , sucos, chás e dá muito certo os resultados são surpreendentes.

5.13. Há muito que trabalho em mim a compaixão, e exercito a solidariedade porque muito cedo percebi que às vezes o outro me importava pouco ou nada, embora em determinadas ocasiões eu me emocionasse até às lágrimas. Atualmente sou uma pessoa mais generosa, mais disponível, mas foi um exercício que me impus, um hábito que criei. Sempre tive dificuldade em manter vínculo afetivos, embora sempre tenha sido um desejo a manutenção de tal vínculo. Meu casamento durou 21 anos, mas foi difícil pra mim. Antes mesmo de casar, em um determinado momento, sem qualquer motivo, a energia baixou (como sempre acontecia) era como se o véu tivesse caído, e u me questionei: o que estou fazendo? Por que vou me unir a essa pessoa? Só que dessa vez eu me obriguei a fazer diferente. Pensei que não era justo desfazer todo o compromisso. E fiquei casada, tive dois filhos, e cresci muito nesse tempo, mas confesso que foi um alívio quando terminou.

5.14. p-01: Eu acredito que quando se está tudo bem numa relação, não há porque seu parceiro procurar outras, mas no meu relacionamento ocorreu isso; Ele diz que sou a mulher dos seus sonhos (na sociedade e na cama), mas me traiu. Veio todo carinhoso e apaixonado me ver na 5a. feira, quando já tinha combinado de sair na 6a. feira com outra. Ele diz que não houve nada entre eles, mas o simples fato de me enganar para sair com ela, já pressupõe traição, mesmo que não tenha chegado a ter relações sexuais. Ele me enganou para dar atenção para outra. Descobri meses depois e não consigo mais confiar nele. Estamos juntos, mas nunca estou segura, sempre acho que ele vai sair com outra, se é que não sai mesmo! ...

5.15. p-02: Eu fiz uma coisa feia, dei o troco dobrado (me envergonho mt disso), mas me senti mt mal... Agora, mesmo sem traí-lo, a cada vez que desconfio que ele pode me trair, fico com vontade de sair com outro para que se ele estiver me traindo, eu tb já me vinguei antecipadamente. Não faço mais, mas fiquei extremamente insegura e desconfiada. Nunca havia traído alguém antes, me sinto mal por isso e jurei que não farei mais. Resultado, já fico com vontade de terminar com ele porque acho que ele sempre estará me traindo, mas como nos damos mt bem, ...

5.16. p-03: ... sempre vou adiando. Sofro bastante, porque não consigo confiar mais. Depois que comecei a fazer o curso, acho que talvez esse seja um hábito dele e, se for isso, não consigo conviver. Mas não sei o que fazer... creio que ele me ama, mas tem esse péssimo hábito. Se for assim, para mim não serve, resultado, estou quase feliz com ele, mas espero encontrar um homem que tenha princípios como os meus! Se for um hábito dele, há algo que eu possa fazer?

6. 07. Tratamentos Energéticos

6.1. Pedras

6.1.1. Peridoto

6.1.1.1. Agita as energias cardíacas, eliminando e harmonizando . . .

6.1.2. Rodonita

6.1.2.1. Boa para limpar energias com mágoas, decepções e memórias emocionais diversas

6.1.3. Quartzo Rosa

6.1.3.1. Amizade e amor . . . boas vibrações

6.2. Ervas Desintegradoras

6.2.1. Erva-de-Passarinho

6.2.2. Alecrim

6.2.3. Castanha-do-Pará

6.2.4. Benjoim

6.3. Ervas Reajustadoras

6.3.1. Coco

6.3.2. Malva

6.3.3. Mamona

6.3.4. Boldo

6.3.5. Alfazema

7. 06. Hábitos

7.1. Entendendo os hábitos

7.1.1. Vídeo 2o Encontro Público

7.2. Cadeia de: Ignição / Rotina / Recompensa

7.2.1. Quero aprender a amar . . .

7.2.2. Quero reconstruir minha relação . . .

7.2.3. Quero encontrar um novo amor . . .

7.3. A questão 01 é: O que você quer mudar?

7.3.1. Apego

7.3.1.1. Apegar é restringir fluxo energético

7.4. A questão 02 é: O que me impede de mudar?

7.4.1. Medo? Culpa? Vergonha?

7.4.1.1. Ou Mágoas?

7.5. A questão 03 é: Qual a rotina que sempre te impede?

7.5.1. Desconfiar

7.5.1.1. Experiências do passado

7.6. A questão 04 é: Qual a recompensa que possui para não criar uma nova rotina?

7.6.1. Não serei mais magoado/magoada . . .

7.7. A questão 05 é: Qual a nova recompensa? Qual a nova rotina? Qual será o meu novo hábito?

7.7.1. Serei feliz, terei alguém com quem compartilhar algo . . .

7.7.2. Meu novo hábito será:

7.7.2.1. Oferecerei meu amor, incondicional, mas de olhos abertos . . . e assim terei alguma chance de tê-lo retribuído . . .

7.7.2.1.1. Conceitos de afinidades

7.8. O Hábito da Não Afinidade Pessoal

7.8.1. Conflito entre mente x corpo

7.8.1.1. Mente: Não poderá ter ninguém, pois é feia e gorda . . .

7.8.1.2. Corpo: Sou feia e gorda pois você sempre me maltrata, sua "demente" . . .

7.8.1.3. A autoaceitação é o princípio do amor incondicional- e começa pela harmonia entre mente e corpo . . . energeticamente é o motivo principal