AS ARMAS DA PERSUASÃO

Get Started. It's Free
or sign up with your email address
Rocket clouds
AS ARMAS DA PERSUASÃO by Mind Map: AS ARMAS DA PERSUASÃO

1. REGRA 1: RECIPROCIDADE

1.1. O ser humano sempre busca pagar com gratidão aquilo que é dado pelas outras pessoas

1.2. A regra da reciprocidade faz com que você crie dívidas não solicitadas

1.3. A sociedade espera que sejamos recíprocos para aqueles que nos dão algo, mesmo que nós não tenhamos pedido nada a eles

1.4. Concessão Recíproca

1.4.1. Uma das maneiras de fazer com que seus pedidos sejam aceitos, é fazer um pedido grande e complexo, que provavelmente será negado primeiro

1.4.1.1. É importante que o primeiro pedido seja audacioso, mas não seja irreal

1.4.2. Depois da recusa, faça um segundo pedido, agora mais moderado

2. REGRA 2: COMPROMETIMENTO E CONSISTÊNCIA

2.1. Após fazermos uma escolha ou assumir uma posição

2.1.1. forças pessoais e interpessoais nos forçam a nos comportarmos de forma consistente com esta escolha ou posição

2.2. Uma vez que tomamos uma decisão, não queremos ter que voltar a pensar sobre aquele assunto novamente

2.3. Concordar com pequenos pedidos pode parecer insignificante no início

2.3.1. mas isso altera a imagem que a pessoa tem de si mesma aos poucos e faz com que ela esteja suscetível à persuasão

2.4. Nós somos consistentes e assumimos compromissos se acreditamos que estamos fazendo algo por nossa causa e não por pressão externa

3. clique na bolinha de cada tópico para abrir o conteúdo.

4. segure e arraste para navegar pela tela em qualquer lado.

5. RECOMENDAÇÃO

5.1. Franquia de Delivery Online

5.2. www.franquia.pelaweb.com

6. DESCUBRA AS ARMAS DA INFLUÊNCIA

6.1. os motivos pelos quais as pessoas dizem sim quando na verdade elas queriam dizer não

6.2. Essas armas consistem em identificar um padrão de comportamento e explorá-lo a fim de alcançar o objetivo desejado

7. PADRÕES FIXOS DE COMPORTAMENTO

7.1. Todos os animais têm padrões de comportamento fixos que ocorrem quando surge um estímulo específico

7.1.1. Os padrões fixos de comportamento funcionam bem na maioria dos casos

7.1.1.1. simplificando nossas vidas

7.1.1.2. mas também podem ser usados para nos enganar

7.2. Um exemplo de como nossa mente pode ser enganada

7.2.1. cupons de desconto que não ofereciam descontos foram enviados a clientes de uma loja

7.2.1.1. devido a um erro de impressão

7.2.2. O interessante é que os cupons sem desconto fizeram com que os consumidores comprassem tanto quanto os cupons com os descontos de verdade

8. O PRINCÍPIO DO CONTRASTE

8.1. Nós humanos percebemos coisas que estão próximas umas das outras de maneira diferente de quando as coisas nos são apresentadas isoladamente

8.2. se um produto mais barato é mostrado antes de um produto mais caro

8.2.1. o segundo produto parece ainda mais caro para nosso cérebro

8.3. Vendedores

8.3.1. tentam fazer primeiro com que os consumidores comprem o produto mais caro

8.3.1.1. Se eles não compram aquele, a percepção é que os preços dos demais produtos são muito menores do que realmente são

9. REGRA 3: PROVA SOCIAL

9.1. Nós temos uma tendência a aceitar um comportamento como sendo mais correto se vemos outras pessoas adotando o mesmo comportamento

9.2. Quanto mais pessoas fazem aquilo

9.2.1. mais correto aquele comportamento nos parece

9.2.2. mais deslocados nos sentimos por não adotar tal comportamento

9.3. Por exemplo

9.3.1. programas de auditório usam risadas gravadas para fazer com que as pessoas riam mais

9.3.2. Isso funciona até mesmo com piadas ruins

10. REGRA 4: APRECIAÇÃO

10.1. Atratividade física

10.1.1. Nosso cérebro tende a não aceitar que estamos julgando as pessoas pelas suas aparências, mas na verdade isso ocorre o tempo todo

10.1.2. Professores tendem a acreditar que as crianças mais bonitas também são mais inteligentes

10.2. Similaridade

10.2.1. Nós gostamos de pessoas que são parecidas conosco

10.3. Cumprimentos e elogios

10.3.1. O ser humano adora ser bajulado e elogios tendem a aumentar a apreciação que você sente pelo elogiador

10.4. Familiaridade

10.4.1. Se você tem alguma familiaridade com outra pessoa, como por exemplo um nome em comum, isso afeta seu julgamento

10.5. Associação

10.5.1. Alguém que sempre traz más notícias acaba ganhando uma conotação negativa

10.5.2. as pessoas que só trazem boas notícias tendem a ser mais apreciadas

11. REGRA 5: AUTORIDADE

11.1. Somos programados para obedecer as autoridades na maioria das vezes.

11.1.1. se alguém é apresentado como um professor, os alunos o percebem como uma pessoa fisicamente mais alta do que se a mesma pessoa fosse apresentada como estudante

11.1.2. motoristas de táxi tendem a demorar muito mais para buzinar para um carro de luxo que atrapalha o trânsito do que para um carro mais velho

12. REGRA 6: ESCASSEZ

12.1. a simples ideia de perder algo que possuímos, nos motiva mais do que a ideia de ganhar algo de valor similar

12.2. nossa mente encara a escassez como um sinônimo de qualidade

12.3. A escassez e a rivalidade, quando combinados, também são uma arma poderosa.

13. INFLUÊNCIA INSTANTÂNEA

13.1. As armas de influência são reações automáticas que usamos para tomar decisões quando não sabemos tudo sobre uma determinada coisa