Porque o tempo médio de análise do Sinistro Saúde – Prestador é alto?

Plan your projects and define important tasks and actions

Comienza Ya. Es Gratis
ó regístrate con tu dirección de correo electrónico
Rocket clouds
Porque o tempo médio de análise do Sinistro Saúde – Prestador é alto? por Mind Map: Porque o tempo  médio de análise  do Sinistro Saúde –  Prestador é alto?

1. Análise

1.1. Porque o analista tem que interromper a análise para solicitar ao supervisor a exclusão do arquivo eletrônico

1.1.1. Porque existe duplicidade de arquivo eletrônico registrado no sistema

1.1.1.1. Porque o prestador não solicitou a exclusão/cancelamento do arquivo eletrônico

1.2. Porque o analista precisa realizar um comparativo entre o CBO do arquivo físico com o eletrônico

1.2.1. Porque o arquivo eletrônico carregado no sistema modificou o CBO a partir da segunda conta

1.2.1.1. Porque o sistema considerou o mesmo CBO para as demais guias

1.3. Porque o analista precisou refazer a pré-análise das guias de atendimento

1.3.1. Porque foram identificadas guias sem: assinatura, preenchimento da data de vencimento da fatura, ausência de guia física, sobra de guias, data de atendimento rasurada do segurado sem as devidas marcações

1.3.1.1. Porque a validação realizada pela pré-analise foi incompleta

1.3.2. Porque foi identificada divergência no nome do beneficiário na guia física x eletrônico sem a devida marcação

1.3.3. Porque foi identificada divergência na assinatura do segurado (assinatura xerocada) sem a devida marcação

1.4. Porque o analista precisou interrompear a análise para verificar o status da atualização das tabelas da Simpro/ Brasindice com a Un. de Referênciamento

1.4.1. Porque os valores da Simpro/Brasindice apresentaram divergência

1.4.1.1. Porque a atualização das tabelas da Simpro/Brasindice não foi realizado em tempo hábil

1.5. Porque o analista precisa solicitar a aprovação do arquivo eletrônico com o status "Ok"

1.5.1. Porque o arquivo eletrônico fica bloqueado aguardando a aprovação do supervisor

1.5.1.1. Porque o analista não possui alçada para liberação do arquivo eletrônico com o status analisado Ok

2. Suporte

2.1. Porque a célula de suporte organiza a fila de atendimento conforme o cronograma de pagto

2.1.1. Porque o analista precisa anotar na capa o cronograma de pgto do prestador e município

2.1.2. Porque existem acordos que fixam a data de pagamento e por este motivo algumas contas precisam ser priorizados em relação a outras

2.1.2.1. Porque na capa não constam as infromações de cronograma de pagto e município

2.2. Porque o analista não localizou o arquivo eletrônico em sistema

2.2.1. Porque o arquivo eletrônico foi refugado pelo sistema por alguma inconsistência

2.2.1.1. Porque houve um problema no sistema que causou o refugo e emitiu um protocolo de arquivo eletrônico anexado com sucesso ao prestador

2.3. Porque o analista precisará aguardar o recebimento da nota fiscal corrigida para prosseguir com a pré-análise

2.3.1. Porque o prestador informou o seu CNPJ na Nota Fiscal divergente daquele cadastrado em sistema

2.3.1.1. Porque o prestador não tinha conhecimento/cometeu uma falha na emissão da NF

2.3.2. Porque o valor a pagar informado pelo prestador na Nota Fiscal diverge daquele que consta no protocolo eletrônico

2.3.3. Porque o valor do ISS na Nota Fiscal para os municípios do Rio de Janeiro e Belo Horizonte foram retidos pelo prestador

2.3.4. Porque o prestador informou o CNPJ da Sompo Seguros na Nota Fiscal

2.4. Porque o analista precisa interromper a sua atividade para tirar dúvidas do prestador

2.4.1. Porque o prestador tem dúvidas no preenchimento da guia TISS

2.4.2. Porque o prestador tem dúvidas para tirar o seu demonstrativo de pagamentos

2.4.2.1. Porque o manual de sistemas disponível para o prestador não é objetivo a ponto de demonstrar passo a passo a utilização do mesmo

2.5. Porque o tempo em que os processos ficam armazenado é superior ao tempo da análise

2.5.1. Porque após a priorização, as contas consideradas como cronograma são armazenadas no armário para abertura futura do protocolo

2.5.1.1. Porque a equipe está considerando a regra do cronograma de pagamento ao prestador