Comienza Ya. Es Gratis
ó regístrate con tu dirección de correo electrónico
Rocket clouds
HAS por Mind Map: HAS

1. Nível tensional

1.1. Normal 👨‍🦳

1.1.1. PAS(mmHg)120

1.1.2. PAD(mmHg)80

1.2. Pré-hipertensão👁

1.2.1. PAS(mmHg)121-139

1.2.2. PAD(mmHg)81-89

1.3. Hipertensão estágio 1☹️

1.3.1. PAS(mmHg)140-159

1.3.2. PAD(mmHg)90-99

1.4. Hipertensão estágio 2😧

1.4.1. PAS 160-170

1.4.2. PAD 100-109

1.5. Hipertensão estágio 3 🤯

1.5.1. PAS >=180

1.5.2. PAD >=110

2. Classificação

2.1. Primária ou essencial

2.1.1. 95 % da população mundial

2.1.1.1. Multifatorial

2.1.1.2. Fisiopatologia não esclarecida

2.1.2. Hipertensão sistólica isolada

2.1.3. Hipertensão mascarada

2.1.3.1. MAPA o MRPA

2.1.4. Hipertensão do avental branco

2.1.4.1. MAPA O MRPA

2.1.5. Tx

2.1.5.1. Metas atingidas em conformidade com características individuais

2.1.5.1.1. Categoria

2.1.5.2. Tx de acordo ao pct

2.1.5.2.1. Pct com pressão ⬆️ estágio 2 a 3

2.1.5.2.2. Pcts com pressão limítrofes

2.1.5.2.3. Pcts estágio 1, mas sem risco cardiovascular

2.1.5.2.4. Pcts com pressão estágio 1, mas com risco cardiovascular

2.1.5.2.5. Pcts com PAS entre 130 e 140 , com risco cardiovascular ⬆️ ou já tem doença cardiovascular instalada

2.1.5.3. Tx medicamentoso

2.1.5.3.1. Estiogio 2 ou 3 combinar 2 medicamentos e estágio 1 com 1medicamentto

2.2. Segundaria🔝

2.2.1. 5% dos hipertensos

2.2.1.1. Memmotecnico

2.2.1.1.1. CEARA

3. Conceito

3.1. Condição clínica multifatorial, caract. P/ ⬆️ sustentado dos níveis pressóricos > 140 ou 90 mmHg

4. Exames de rotina👍🏻😃

4.1. Análise de urina

4.2. Potassio plasmatico

4.3. Creatinina plasmatica

4.4. Glicemia de jejum

4.5. Colesterol total. HDL

4.6. Triglicérides plasmáticos

4.7. Ácido úrico plasmático

4.8. Eletrocardiograma

5. Crise hipertensiva

5.1. 👁

5.1.1. Pacientes que chegam na emergência com nível pressão elevada

5.1.1.1. HISTÓRIA

5.1.1.2. EXAME FÍSICO

5.1.1.2.1. Se apresentar lesão aguda de órgão alvo(emergência hipertensiva 🚨

5.1.2. Tratar o pcts não a pressão

5.2. PAM

5.2.1. PAS+2xPAD/3

5.2.1.1. Indivíduo normal

5.2.1.1.1. 60 a 120

6. ICC

6.1. FALÊNCIA DE BOMBA

6.2. CARACTERIZADA COM

6.2.1. CONGESTÃO

6.2.2. HIPOPERFUSÃO

6.3. Insuficiência cardíaca de alto débito

6.3.1. Quando a periferia começa a exigir mais sangue e oxigênio q o habitual

6.3.1.1. Indivíduo com vaso dilatação periférica , o coração tem que bombear mais sangue para preencher Os vasos

6.3.1.1.1. Exemplos

6.4. De baixo débito

6.4.1. Congestão e hipoperfusão