Abordagem Clássica

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Abordagem Clássica por Mind Map: Abordagem Clássica

1. Homo Economicus; organização centralizada; divisão das tarefas; especialização nas tarefas; ordem; disciplina; controle sobre as atividades; busca por eficiência.

2. Fordismo

2.1. O fordismo não é uma teoria, Ford se utilizou da teoria científica em sua fábrica, mas trouxe algumas contribuições: Considera os fatores psicológicos do operário; estabelece que a eficiência está em atingir a expectativa e não superá-la, como pensa Taylor; As regras e comportamentos determinados pela fábrica se estendem à casa do operário.

3. Teoria Científica

3.1. Taylor "buscava a eficiência por meio da racionalização do trabalho".

3.2. Autor: Taylor; Foco na atividade operacional; Racionalização do trabalho do operário; Estudo dos tempos e movimentos (produção-padrão); Taylor associava a eficiência ao mínimo de desperdício de tempo e energia nas tarefas desenvolvidas pelos operários; sistema de pagamento por peças; estudo da fadiga; princípio da exceção; uso de ferramentas como fluxograma.

4. Características:

5. Teoria Clássica

5.1. Também conhecida como a Escola de Normas, regras e princípios administrativos. Diferentemente de Taylor, Fayol estudava a empresa de cima para baixo. Definiu as funções do processo administrativo: prever, organizar, dirigir, coordenar e controlar. Também definiu as funções (áreas) da empresa: Técnica, comercial, financeira, de segurança, etc.

5.2. Princípios de Fayol: Divisão do trabalho, autoridade e responsabilidade, disciplina, unidade de comando (divergente da teoria de Taylor), subordinação do interesse particular para o interesse geral, hierarquia, ordem (um lugar para cada coisa e cada coisa no seu devido lugar), estabilidade; iniciativa, união.

6. Críticas ao Sistema:

6.1. Considerar os operários ineficientes, preguiçosos, movidos a dinheiro.

6.2. Considerar a organização um sistema fechado.

6.3. Desprezar os fatores psicológicos e sociais dos operários.