Evolução ao conhecimento científico

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Evolução ao conhecimento científico por Mind Map: Evolução ao conhecimento científico

1. Método dialético

1.1. Método dialético Unidade e luta dos contrários Princípio da mudança qualitativa Princípio da totalidade Princípio da negação da negação Método fenomenológico

2. A abordagem científica

2.1. Conhecimento científico

2.1.1. O uso do método científico leva ao avanço do conhecimento.Formas de conhecimento, como: o pensamento mítico, o senso comum, o argumento de autoridade e o pensamento filosófico.

2.2. O desenvolvimento científico e tecnológico está concentrado nos países desenvolvidos

2.3. principalmente nos Estados Unidos, Japão e Países Europeus

2.4. O racionalismo científico ergueu-se pela superação do paradigma escolástico aristotélico-tomista

2.5. Concepções de Ciência

2.5.1. racionalistas; empiristas; construtivistas.

2.5.2. concepção empirista utiliza o modelo de objetividade da medicina grega e da história natural do séc. XVII. Afirma que a ciência resulta de observações e experimentos que permitem estabelecer induções e oferecem as propriedades, as leis de funcionamento e a definição do objeto.

2.5.2.1. O positivismo é mais complexo que o empirismo e está ligado a ele mais por seu aspecto lógico e pela descrença na filosofia e na especulação.

2.5.2.2. Racionalidade, neutralidade emocional, observação sistemática, imparcialidade e verificação empírica dos fatos constituem o corolário do método científico positivista.

2.5.2.3. 1. Quanto ao objetivo: Ciências Formais Ciências Factuais 2. Quanto à intencionalidade: Ciência Pura Ciência Aplicada

2.5.3. concepção construtivista, iniciada no séc. XX, combina procedimentos das concepções anteriores e a elas associa a ideia de conhecimento aproximativo e corrigível.

2.5.3.1. Os positivistas e neopositivistas afirmam que os fenômenos e comportamentos humanos e sociais podem ser tratados cientificamente pelo método experimental hipotético-dedutivo das ciências naturais

2.5.3.2. Essas dificuldades, no entanto, não invalidam as ciências humanas, mas mostram que seu objeto de estudo é diferente do das ciências da natureza. As Ciências Naturais buscam: a regularidade dos fatos; a universalidade das leis científicas;

2.5.3.3. As Ciências Sociais se destacam por: aceitação de que os fatos sociais são historicamente determinados; aceitação de pressupostos não verificáveis experimentalmente; compreensão dos fatos por meio da interpretação do seu contexto; utilização de dados qualitativos para subsidiar interpretações;