Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
PROCESSADORES por Mind Map: PROCESSADORES

1. Quarta geração– 80486: 32 bits de barramento externo;– Clock de 133MHz– Incorporado ao microprocessador um bloco especial de execução de operações matemáticas com ponto flutuante (FPU);– Introduzido ao Microprocessador pequenos blocos de memória RAM (cache) para aumentar o desempenho de processamento;– Socket ZIF (Zero Insertion Force).

2. 31 • Opteron– Cache L1: 128kB divida em duas de 64kB, uma para dados e outra para instruções; - Cache L2: 1MB - Arquitetura superescalar: com nove canais, três para três seja, é possível emitir até nove micro-instruções simultaneamente. A superescalar arquitetura do Opteron é exatamente igual ao Athlon XP e do Sempron, sendo superior ao Pentium 4 que possui sete canalizações; - Barramento externo: HyperTransport, using three vias, the which is apramer of tax rate of 19,2 GB por segundo. Essa taxa de transferência é realmente extraordinária, basta comparar com o Athlon XP com o núcleo Barton, que utiliza o barramento externo de 400 megahertz (200 megahertz DDR), conseguindo uma taxa de transferência de 3,2 GB por segundo, com o Pentium 4 com o núcleo Prescott, cujo principal recurso é justamente o barramento de 800 MHz (200 MHz QDR), obtendo uma taxa de transferência de 6,4 GB por segundo; 32 • Soquete: Utilizando um soquete com 940 pinos; • Controladora de memória RAM com o mesmo tempo, sendo capaz de trabalhar com DDR-SDRAM de 200, 266 e 333 MHz (100, 133 e 166 MHz DDR); um barramento de 128 bits entre o som ea memória RAM (dobra uma taxa de transferência da memória RAM)

3. • Quinta geração - Impulsionada pelos processadores Pentium e seus clones, como o K5 ou os K6 da AMD (Advanced Micro Devices), e o 6x86 (M-II) da Cyrix - Os circuitos do Pentium tinham características que permitiam a execução de mais de uma operação por cada ciclo de relógio. - Relógio externo de 64 bits, com dados em tempo de 600MHz; - Começou uma guerra dos microprocessadores, graças à política de inovação tecnológica da AMD.

4. nd com uma cachemenor .(2008)Dunnington: chip entre quatro e oito núcleos com uma nova microarquitetura. (2008) Deerhound: versão quad-core para servidor do Barcelona. (2º Sem_2007)Tigerton: chip quad-core com um novo front-side bus. (2º Sem 2007)ServidoresArcturus: Antares com uma cachemenor (2º Sem_2007)Yorkfield: Processador quad-core 45nm em dois chips (2008).Antares: chip Barcelona dual-core de 65nm (2º Sem_2007)Ridgefield: versão 45 nm do Allendale(2ºSem_2007)Altair: quad-core em um único chip de 65nm, também baseado no chip Barcelona (2º Sem_2007)Alendale: Core 2 Duo de 65 nm com uma cache menor (1º Sem_2007)DesktopsSherman: versão 65nm do processador mais barato, o Mobile Sempron de 90nm(1º Sem 2007)Perryville: versão sigle-core do Penry.(2º Sem_2007)Tyler: versão 65 nmdo chip atual da AMD, o Turion 64 X2 de 90nm (1º Sem_2007)Penry: versão 45nm do chip dual- core atual da intel, o core 2 duo de 65nm .(2º Sem.2007)LaptopsAMDIntelNúcleos

5. A família dos executivos Core 2 é formado por três membros: - Core 2 Duo, que substitui o Pentium 4 eo Pentium D; - O Core 2 Quad, que é um Core 2 Duo com quatro núcleos; - E o Core 2 Extreme, que substitui o Pentium Extreme Edition. - A diferença entre o Core 2 Duo e o Core 2 Extreme é o último trabalho com os relógios mais elevados e o multiplicador de relógio destravado, o que permite fazer overclock alterando o multiplicador de relógio do processador • O processador Core 2 Duo é diferente do Core Duo - O Core Duo (conhecido pelo nome do código Yonah) é o nome comercial de um Pentium M com dois núcleos de processamento construído à tecnologia de 65 nm. - Core 2 Duo é o nome comercial para o processador de código-merom Merom (para notebooks) ou Conroe (para desktops), que utiliza uma nova microarquitetura Core da Intel.

6. Processadores de oitava geração: Dual core e Quad core • Pentium D e Pentium Extreme Edition - O Pentium D versão de dois núcleos do Pentium 4 - O Pentium Extreme Edition é uma versão do Pentium D com tecnologia HyperThreadinghabilitada; Pentium Extreme Pentium 4 em um único encapsulamento Pentium 4 em um único encapsulamento Pentium 4 em um único encapsulamento Pentium 4 em um único encapsulamento. –Processo de 65 nm– Permite a redução do custo de produção, já que em um único waffer é possível produzir um número maior de chips. FSB de 1066 MHz - Depois de chegar a 800 MHz em 2003, esses novos chips chegam ao novo patamar de clock externo. São na verdade 266 MHz em modo QDR (Quad Data Rate), Em 1066 milhões de meses por segundo. Virtualização - Nova tecnologia que permite a execução simultânea de um sistema operacional pelo mesmo processador.

7. Itanium Processamento de dados de 64 bits, com base na capacidade de processamento de dados; –Multicore - Relógio: 1,6 GHz e - Cache L3: 24 MB;

8. Processos para ambientes empresariais • Intel Xeon - É uma série de arquivos lançados para fins profissionais, diferenciando o mercado comum pelo seu alto preço; - Necessidade de placas mãe e gabinetes especiais; - Três níveis de cache de memória; ; • L2: 256kB a 1Mb; • L3: 1MB a 8MB; - Instalação de sistemas integrados de multiprocessadores; - Uma placa de rede Intel com capacidade de integração até 4 processadores Xeon.

9. Athlon64– Denominado núcleo ClawHammer pela AMD, lançado em 2003– Tecnologia 130nm; - Cache L1 128kB e Cache L2 1MB; - Recursos para operação em 64 bits AMD64; –Dois FSB • Barramento de memória; • Barramento de sistema - O barramento de sistema É chamado de “Hyper Transport”, e é um tipo e FSB, é usado com o mesmo caminho dos outros processadores; 1000MHz400Mhz, 128 bitsAthlon 64FX, soquete 9391000MHz400Mhz, 128 bitsAthlon 64, soquete 939800MHz400Mhz, 64 bitsAthlon 64, Soquete 754800MHz400Mhz, 64 bitsSempron Soquete 754Barramento de sistemaBarramento de memóriaProcessador

10. Pentium 4 Extreme Edition - Grande capacidade de memória Cache • L2 = 512kB • L3 = 2MB - Elevadíssimo custo - Tecnologia HT - Formato: 478 e 775 pinos - Relógio de 3,2 GHz a 3,46 GHz; - FSB: 800 MHz a 1066 MHz; - Aplicações profissionais de alto desempenho;

11. Oitava geração– Nos últimos anos o mercado de máquinas de alto desempenho consolidou os primeiros microprocessadores de oitava geração:• Itanium 2 (Intel) e Opteron (AMD)– Desenhados para trabalhar com palavras de 64 bits– Atualmente, suas aplicações são limitadas a grandes servidores empresariais;– AMD saiu na frente e apresentou simultaneamente, seus processadores de 64 bits para o mercado comum:• Athlon 64 e Athlon 64FX• Ambos os processadores tiveram uma boa aceitação pelo mercado devido a seu desempenho x custo.

12. Pentium 4– Lançado no final de 2000;– Inicialmente operava com clocks de 1.5 a 1.6GHz. Atualmente 3.8GHz;– FSB(Font Side Bus) de 400MHz;– Superando o 133MHz do P3 e 266MHz do Athlon T-Bird;– Necessidade de Chipset de 400Mhz: Intel 850;– Primeiras placas de memórias equipadas com RAMBUS(RDRAM);– No seu lançamento o socket utilizado era o 423, em formato provisório;– Alguns meses após seu lançamento passou a utilizar o Socket 478;– Quem comprou as primeiras placas de Pentium 4 ficou sem opção deupgrade, pois os modelos 423 pinos foram fabricados apenas até 2GHz.

13. Semprom– No final de 2004, o Athlon XP versão superior do T-Bird e o Duron pararam de ser fabricados; preocupada com o mercado de máquinas de pequeno desempenho, a AMD lançou o Sempron que na verdade é um athlon XP um pouco mais lento, com exceção dos Sempron para soquete 754, que são uma versão do Athlon 64 soquete 754 com menos memória cacheL2; – Cache L2: 256 KB;– Formato: Socket A e Socket 754

14. Athlon XP– Em outubro de 2001, foram lançadas as versões do Palomino voltadas para desktopos, que receberam o nome comercial de AthlonXP(Extreme Performance). Com esse modelo houve grandes discurssões e debates, pois a AMD deixou de referenciar seus processadores pelo clock e passou exclusivamente ao número do modelo. Assim foram lançadas as versões 1500+, 1600+,1700+ e 1800+, sendo que todos os modelos trabalham com FSB de 133 ou 266MHz.2,203200+2,103000+2,0832800+2,02400+1,6672000+1,3301500+Clock (GHz)Nº do Modelo

15. Duron - como um processador Intel produzido como o Pentium II e o Pentium III, um AMD produzido a partir do Athlon T-Bird, o AMD Duron. - A diferença entre o Athlon e o Duron é um cache L2; - O Athlon tem 256 kB, enquanto o Duron tem 64 KB .– O Duron não foi produzido em uma nova versão do cartucho.– Foi criado já na versão T-Bird, com encapsulamento PGA.– Relógio intrno: 550 a 1300MHz; - Relógio extrno : 200MHz; - Cache L1: 128kB; - Cache L2: 64kB.

16. Athlon T-Bird– Athlon com Cache integrada ao núcleo;– Formato: Socket A -462 (PGA- Pin Grid Array)– Clock interno: 850 a 1400 MHz;– Clock externo: 200 a 266Mhz;– Cache L1: 128kB;– Cache L2: 256kB

17. Sétima geração - Em 23 de Junho de 1999 a AMD teve sua primeira geração: o Athlon: • Elevado desempenho em operações com flutuador; • Tecnologia 3Dnow; • Superou um Intel por um curto período; • Relógio de 500 até 700MHz; Relógio externo: 200MHz; • Cache L1: 128kB; • Cache L2: 512kB; • Encapsulamento SECC (Cartucho de Contato de Borda Única); • Conector SLOT A;

18. Pentium Celeron - O Celeron, ao ser lançado, era um Pentium II sem cache L2. - Operava apenas com seus 32 kB de cache L1, - Bem mais lento que o Pentium II. - Um Celeron de 266 MHz, chegado para o Pentium MMX / 233 em termos de desempenho. - Um outro fator que prejudica o seu desempenho no Pentium II de 66 MHz, usado na mesma época do Pentium II já operando com 100 MHz externos, e que Pentium III com 100 e 133 MHz externos. - O desempenho pode ser executado nas mesmas placas de CPU projetadas para o Pentium II e Pentium III. - O Celeron era uma alternativa em relação ao Pentium II / III,

19. Sexta geração– Nasceu um microprocessador que foi um verdadeiro fracasso financeiro, mas que abriu as portas do mercado toda a nova família de processadores: PENTIUM PRO.– Curiosa construção de dois chips interconectados, o que tornava mais caro; uma idéia de se incluir de vez em quando uma memória cacheexterna; - Microprocessador derivam-se os bem sucedidos PENTIUM II, o PENTIUM II e as primeiras variantes do CELERON.

20. AMD

21. Evolução dos processadores•Primeira geração– 8088: variação do 8086(16 bits), integrava o PC-XT;– Barramento externo de 8 bits.– Processador muito potente para época mais que logo alcançou seu limite.•Segunda geração– 80286: Superou o limite de endereçamento de 1MB para RAM, alcançando surpreendente 16MB.– Barramento externo de 16 bits;– Clock de até 25MHz.•Terceira geração– 80386: primeiro microprocessador de 32 bits;– Endereçamento de 4GB de RAM;– Modo de memória protegida que permite duas ou mais aplicações serem executadas simultaneamente, sem risco de conflitos entre leitura e escrita de memória de cada uma delas.– Co-processamento matemático : (80237);– Ambientes gráficos (Windows e Linux)– Aparecimento de dispositivos AMD e Cyrix TOPICO:2

22. Os microprocessadores da série X86•O primeiro desenho de um microprocessador feito pelos engenheiros da Intel ocorreu em 1971, a pedido da empresa japonesa Busicom, fabricantes de calculadoras eletrônicas.•Esse processador foi o núcleo de processamento de 12 modelos de diferentes de calculadora, pois, os engenheiros perceberam que não teriam tempo suficiente para produzir 12 integrados diferentes. Decidiram então desenhar um circuito integrado central, no qual se encontravam todas as funções de cálculo desejadas.•As particularidades de cada modelo foram colocadas em uma memória ROM independente.•Assim sem ter idéias da potencialidade de sua solução, os engenheiros desenharam um dispositivo de aplicações amplas, cujas particularidades operacionais dependiam do programa armazenado na ROM externa;•Este componente básico tornou-se o primeiro microprocessador e foi comercializado como 4004.

23. intel