Física 1º EM

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Física 1º EM por Mind Map: Física 1º EM

1. CALOR X TEMPERATURA

1.1. Calor: troca de energia (energia em movimento)

1.1.1. Frio: perde energia

1.1.2. Calor: ganha energia

1.2. Temperatura: nível de agitação das moléculas

1.2.1. Nosso corpo tenta entrar em equilíbrio c/ a temperatura de outros corpos (gerando perda ou ganho de energia - calor)

1.2.1.1. ºC, ºF, K(0 absoluto)

1.2.1.1.1. ºC/5 = ºF - 32/9 = K - 273/5

1.3. -> Propagação do Calor

1.3.1. Condução

1.3.1.1. Acumula calor.

1.3.1.1.1. Ex: barra de vidro (quente só na parte que o fogo toca)

1.3.1.2. Absorve calor.

1.3.1.2.1. Ex: barra de metal (tudo fica quente, mesmo o que não está em contato direto com o fogo)

1.3.1.3. Meio material

1.3.2. Irradiação

1.3.2.1. Vácuo

1.3.2.1.1. Ex: O sol, no vácuo do espaço, esquenta a terra

1.3.2.2. Ondas eletromagnéticas

1.3.2.2.1. Ex: microondas

1.3.3. Convecção

1.3.3.1. Correntes de convecção - líquido

1.3.3.1.1. Fluídos, não pode ficar parado

1.3.3.2. Densidades (d=m/v) - gasoso

1.3.3.2.1. Ex: Ar quente sobe, ar frio desce

2. DILATAÇÃO TÉRMICA

2.1. Sólidos:

2.1.1. Linear

2.1.1.1. Fio

2.1.1.2. Comprimento

2.1.1.3. ΔL= L0.α. ΔT

2.1.1.3.1. ΔT = variação de temperatura

2.1.1.3.2. ΔL = variação de comprimento

2.1.1.3.3. α = coeficiente de dilatação linear

2.1.1.3.4. L0 = comprimento inicial

2.1.2. Superficial

2.1.2.1. Placa

2.1.2.2. Área

2.1.2.3. ΔA= A0. β . ΔT

2.1.2.3.1. ΔA= variação de área

2.1.2.3.2. ΔT= variação de temperatura

2.1.2.3.3. β= coeficiente de dilatação superficial

2.1.2.3.4. A0= área inicial

2.1.3. Volumétrica

2.1.3.1. Cubo/esfera

2.1.3.2. Volume

2.1.3.3. ΔV=V0. γ. ΔT

2.1.3.3.1. ΔV= variação de volume

2.1.3.3.2. ΔT= variação de temperatura

2.1.3.3.3. γ= coeficiente de dilatação volumétrica

2.1.3.3.4. V0= volume inicial

2.1.4. Relação entre coeficientes:

2.1.4.1. γ = 3α

2.1.4.2. β =2α

3. CALORIMETRIA

3.1. Trocas de calor

3.1.1. Calor sensível

3.1.1.1. Q = m.c. ΔT (J/cal)

3.1.1.1.1. Q= quantidade de calor sensível

3.1.1.1.2. m= Massa (g)

3.1.1.1.3. c= Calor específico

3.1.1.1.4. ΔT= variação de temperatura

3.1.1.1.5. m.c = C

3.1.1.2. Mudança de temperatura

3.1.2. Calor latente

3.1.2.1. Q= m. L

3.1.2.1.1. Q= calorias (quantidade de calor latente)

3.1.2.1.2. m= massa

3.1.2.1.3. L= calor latente

3.1.2.2. Mudança de estado físico

3.1.2.2.1. Não há mais mudança de temperatura

3.1.3. Ex. De -20ºC a 0ºC -> calor sensível (mudança de temperatura)

3.1.4. Em algum momento, quando chegar em 0ºC, vai sair do sólido e ir pro líquido -> calor latente (mudança de estado físico)

4. EQUILÍBRIO TÉRMICO

4.1. Troca de calor entre corpos e/ou corpos e meio

4.1.1. Massa maior “lidera” a temperatura

4.2. Equilíbrio

4.2.1. Temperatura de equilíbrio

4.2.1.1. Q1+Q2+...= 0

4.2.1.1.1. Cada Q é a temperatura de um corpo e, somados, têm que dar 0

4.2.1.2. ΔT= TF-TI

5. TERMODINÂMICA

5.1. Gases

5.1.1. Temperatura

5.1.1.1. Transformação Isotérmica

5.1.1.1.1. Temperatura constante (corta)

5.1.2. Pressão

5.1.2.1. Transformação Isobárica

5.1.2.1.1. Pressão igual (corta)

5.1.3. Volume

5.1.3.1. Transformação Isovolumétrica/Isocória

5.1.3.1.1. Volume igual

5.1.4. Transformação de gases

5.1.4.1. P1.V1/T1 = P0.V0/T0

5.1.4.1.1. T = K

5.2. + quente = - denso

5.3. - quente = + denso

6. LUZ

6.1. Cores:

6.1.1. Branca: presença de todas as cores (reflete qualquer cor)

6.1.2. Preta: ausência de todas as cores (não reflete cor nenhuma)!

6.1.3. Outras cores: refletem apenas elas mesmas

6.1.3.1. Ex: bandeira do Brasil. Se colocar uma luz verde na bandeira do Brasil, a parte que é verde fica verde, as partes amarela e azul ficam pretas e a parte branca fica verde.

7. FENÔMENOS ÓTICOS

7.1. A luz, ao bater em uma superfície que separa dois meios de propagação, sofre:

7.1.1. Parte do feixe de luz é absorvido e parte é refletido

7.1.2. Reflexão regular

7.1.2.1. Superfície refletora lisa

7.1.2.1.1. Feixe refletido bem definido

7.1.3. Reflexão irregular

7.1.3.1. Superfície refletora irregular

7.1.3.1.1. Feixe irregular, cada pedaço da superfície reflete a luz para um lado

7.2. Feixe Incidente: feixe de luz que vai para superfície (inicial)

7.3. Feixe Refletido: feixe de luz que é devolvido da superfície refletora (final)

7.4. Visualizamos isso geometricamente. Entre o feixe incidente e o refletido, traçamos a reta “normal” que forma 90°.

7.4.1. Ângulo de incidência (î) e de reflexão (r) devem ser iguais.

7.4.2. Cortando um ângulo de 180°, cada um (“i” e “r”), deve formar, junto c um ângulo α, 90°. αs serão congruentes pelo vértice.

7.4.3. A distância entre objeto real e virtual (refletido) do espelho, é a mesma

7.5. Caleidoscópio

7.5.1. N° de imagens formadas

7.5.1.1. N = (360°/α) - 1

7.5.1.2. Essa equação ocorre para cada objeto. Ex. Se são 4 objetos, não pode substituir o 1 da equação por 4, tem q achar o N e multiplicar por 4 depois.

7.5.1.3. Quanto maior o ângulo, menos imagens dá para ver e vice-versa