Perspectivas críticas das mídias

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Perspectivas críticas das mídias por Mind Map: Perspectivas críticas das mídias

1. Teoria crítica - 1940

1.1. Teve como berço o Instituto para Pesquisa Social, fundado na cidade de Frankfurt am Main, na Alemanhã, em 1924.

1.2. De orientação marxista e com a segunda guerra mundial, alguns membros se deslocaram para outros países da Europa.

1.3. Sugerem a adoção de um modo de análise que englobe o contexto social geral no qual os meios são disponibilizados e utilizados.

1.4. Dela surgiu o conceito de indústria cultural, que criaria uma forma de manipulação do indivíduo.

1.5. A padronização promovida pela indústria cultural contribuiria para reduzir sua capacidade crítica durante os momentos de lazer.

2. Estudos culturais, britânicos - 1950

2.1. Constituem uma disciplina desenvolvida no Reino Unido após a Segunda Guerra Mundial.

2.2. A cultura está associada aos significados atribuídos às coisas com as quais os indivíduos travam contato ao longo da vida

2.3. Estudo da recepção.

2.4. Levava em conta que o repertório do público contribuiria para a geração de sentido dos conteúdos veiculados.

3. Teoria culturológica - 1960

3.1. Desenvolvida na França, tem como obra inaugural O espírito do tempo, de Edgar Morin, que propõe a elaboração de uma sociologia da cultura apoiada na pesquisa empírica(prática).

3.2. Considera a cultura de massa como parte de um sistema cultural.

3.3. Sustenta que o efetivo foco da análise deveria ser a tensão entre o conteúdo produzido e as necessidades culturais dos consumidores.

3.4. Oferecer ao consumidor o tipo de produto cultural que ele espera, exemplo a customização oferecida pela indústria da moda

4. Estudos culturais latino-americanos. - 1980

4.1. Desenvolvidos na América Latina, tem como destaque os pesquisadores Jesús Martin-Barbero e Néstor García Canclini

4.2. Consideram as mediações mais do que apenas os meios.

4.3. Leva em conta as experiências das pessoas e os seus respectivos contextos sócio-histórico.