OBESIDADE INFANTO-JUVENIL

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
OBESIDADE INFANTO-JUVENIL por Mind Map: OBESIDADE INFANTO-JUVENIL

1. Mariana, 7 anos, 35 kg, 1,25m, sedentária. Família com renda média, vida corrida, opta pela praticidade

2. Alimentação: alimentos embalados, não se descasca nada em sua casa. Líquidos: todos os possíveis de caixinha.

3. Avaliação Clínica de Mariana: Doenças crônicas = obesidade, diabetes, doença crônica,

4. Alimentos obesogênicos: Consumimos sem serem alimentos. São produtos químicos presentes em embalagens de alimentos, teflon de panelas, sabonetes, produtos de panelas

5. Prevenção: Evita todos os os alimentos processados e controle sobre os aparelhos eletrônicos. Aumentar o consumo de água, frutas, verduras e legumes. Praticar exercícios físicos e recreativos diariamente.

6. Tratamento: Modificações nos hábitos alimentares e condicionamento físico de toda a família para a perda de peso. Dieta com baixo carboidrato e gorduras

7. Equipe: Ana Beatriz Mira, Carolina Saramento e Cíntia Lange Leone

8. Fontes: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/artigos/ccs/obesidade_sedentarismo_fatores_risco_cardiovascular.pdf https://ismd.com.br/blog/endocrinologia/voce-sabe-o-que-sao-os-obesogenicos/ http://www.abeso.org.br/artigos

9. Fatores de risco modificáveis= colesterol, diabetes melito, sedentarismo, hipertensão arterial, depressão

10. Fatores de risco modificáveis= colesterol, diabetes melito, sedentarismo, hipertensão arterial, depressão