Desenvolvimento Físico e Cognitivo no Início da Vida Adulta e no Adulto Jovem

capitulo 13 psicologia - desenvolvimento humano

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Desenvolvimento Físico e Cognitivo no Início da Vida Adulta e no Adulto Jovem por Mind Map: Desenvolvimento Físico e Cognitivo no Início da Vida Adulta e no Adulto Jovem

1. Quando uma pessoa se torna adulta?

1.1. a entrada para a vida adulta não é claramente demarcada.Alguns cientistas sugerem que no final da adolescência até meados dos 20 anos é um período de transição - Início da vida adulta.

1.2. O Início da vida adulta é um período de tempo durante o qual os jovens não são mais adolescentes , mas ainda não se afirmaram nas papeis adultos.

1.3. a maturidade psicológica depende de realizações como descobrir a própria identidade, tornar-se independente dos pais, desenvolver valores,estabelecer um relacionamento.

1.4. definições legais.

1.5. eventos sciológicos , como a capacidade de sustentar-se.

2. Desenvolvimento Físico

2.1. base para o funcionamento físico de uma vida inteira continua ser estabelecida.

2.2. No início da vida adulta e adulta jovem as capacidades físicas e sensoriais estão no auge

2.3. causa da principal da idade adulta emergente e adulto jovem é por acidentes.

2.4. Os relacionamentos sociais , especialmente o casamento, tendem estar relacionados a saúde física e mental.

2.5. a saúde mental é geralmente boa no início da idade adulta mas certas condições como depressão interferem na saúde mental .

2.6. a busca de álcool e drogas são os transtornos ligado a subastância mais comum.

2.7. os jovens geralmente são excluídos de muitos programas de serviço dentro sistema escolar. Muitos jovens saem de casa e iniciam uma vida independente , adultos emergentes e jovens e tem a mais alta taxa de pobreza e o nível mais baixo de seguro saúde de qualquer faixa etária, e com frequência não tem acesso acesso regular a tratamento de saúde

3. Influências Comportamentais na Saúde e na Condição Física

3.1. O que as pessoas sabem sobre saúde afeta o que elas fazem, e o que elas fazem afeta como elas se sentem

3.2. influências que afetam diretamente na saúde e na condição física , abaixo

3.3. dieta e nutrição : o que as pessoas comem afeta a sua aparência, como se sentem e a probabilidade de adoecer e mesmo de morrer

3.4. Obesidade : a obesidade se dá por exemplo por comer fora de hora , disponibilidade de comidas rápidas de baixo custo , porções fartas, dietas ricas e, gorduras , tecnologias que poupam mão de obra, incluindo alimentos altamente processados e ocupações recreativas sedentárias como televisão e computadores.

3.5. a obesidade pode levar a depressão e vice -versa

3.6. muita morte por obesidade

4. Influências Comportamentais na Saúde e na Condição Física (atividade física)

4.1. transtornos de alimentação: se focalizam em tentativas de manter um peso baixo também são um problema em muitos países , especialmente em países desenvolvidos .

4.2. os transtornos de alimentação mais comuns são anorexia nervosa e bulimia nervosa

4.3. atividade física: o jovem adulto que se exercita tem uma boa saúde e evita problemas de obesidade de respiração.

4.4. atividade física: a tendências atuais sugerem que a obesidade e o sobrepeso continuarão sendo fatores de risco para a saúde nos próximos anos.

4.5. adultos não fazem atividade fsisica regularmente.

4.6. 70% da nossa massa muscular vai embora na velhice temos que fazer atividade se o corpo vai fica rmuito fraco

4.7. atividade física: o exercício também está relacionado ao funcionamento cognitivo, e que um corpo saudável é uma das variáveis relacionadas ao estabelecimento e a manutenção de uma mente saudável.

5. Influências Comportamentais na Saúde e na Condição Física ( estresse)

5.1. estress: a saúde psicológica afeta a saúde física , e que altos níveis de estresse crônico estão relacionados a uma série de prejuízos e imunológicos.

5.2. existem diferenças individuais de como os adultos lidam com o estresse. Em alguns casos, o estresse afeta nossa saúde psicológica

5.3. Altos níveis de estresse crônico estão relacionados a uma série de prejuízos físicos e imunológicos

5.4. Os relacionamentos podem ajudar as pessoas e lidar com o estresse.

5.5. não ocme, não dorme, tema vida agitada , e não faz educação físcia

6. Influências Comportamentais na Saúde e na Condição Física ( sono)

6.1. Entre estudantes universitários o stress da vida familiar juntamente com o estresse acadêmico está associado a altos níveis de insônia a privação do sono não apenas a saúde física mas também o funcionamento cognitivo emocional e social

6.2. Pessoas que estão privadas de sono ficam mais propensas a cometer erros tornavam-se impaciente ou irritados quando precisavam esperar ou se zangavam vão com seus filhos ou com as outras pessoas quando não haviam dormido o suficiente na noite anterior.

6.3. A falta de sono tende a prejudicar a aprendizagem verbal, aspectos da memória, a tomada de decisão, e aumenta a distratibilidade .

6.3.1. A privação de sono crônica foi associada à depressão e insônia e distúrbios do sono também estão relacionados ao risco de depressão pós-parto.

6.3.1.1. A privação de sono pode ser perigosa na estrada.

6.3.1.2. prejuízos de desempenho relacionados a privação de sono mesmo parcial são semelhantes aos encontrados após a ingestão de álcool.

6.3.2. O sono adequado melhor aprendizagem de habilidades motoras complexas e consolida o aprendizado anterior.Até mesmo um pequeno cochilo pode evitar o esgotamento.

7. Influências Comportamentais na Saúde e na Condição Física ( tabagismo)

7.1. Tabagismo é a principal causa de câncer doenças cardíacas. E está ligado ao nível socioeconômico.

7.2. O tabagismo continua sendo um fator de risco significativo e comum.

7.3. Os adultos emergentes são os mais propensos a fumar do que qualquer outro grupo etário.

7.3.1. As pessoas fumam porque fumar vicia.

7.3.2. A tendência para o vício pode ser genética e certos genes podem afetar a capacidade de abandoná-lo.

7.3.3. A ligação entre suscetibilidade genética e probabilidade de infecção era mais forte para aqueles que começaram a fumar em uma idade precoce

7.4. O tabagismo continua sendo um fator de risco significativo e comum.

8. Influências Comportamentais na Saúde e na Condição Física ( álcool)

8.1. O consumo de álcool atinge o auge no início da vida adulta entre adultos de 18 a 25 anos aproximadamente 57% das mulheres e 65% dos homens consomem álcool.

8.2. Os estudantes universitários têm a beber com mais assiduidade e intensidade do que seus pares não universitários.

8.3. Exemplos de variáveis individuais que afetam a probabilidade de beber álcool, raça e etnia pode afetar os padrões de beber

8.4. a vida universitária aumenta as chances de dependência química.

9. Influências indiretas na saúde

9.1. Classes mais baixas em saúde debilitada por não conseguir recursos para alimentos saudáveis e porque não tem acesso a médicos, dietas mais saudáveis, melhor assistência de saúde preventiva e tratamento médico.

9.2. Uma boa saúde está relacionada a renda mais alta educação superior usar

9.3. Os afro- americanos e alguns outros grupos minoritários tende a ser menos saudáveis do que os outros americanos.

9.4. Pessoas de diferentes etnias poderiam responder de forma diferente e algumas influências ambientais sobre a saúde .

10. Relacionamentos e saúde

10.1. Interação social influenciou principalmente na saúde mental do jovem adulto e alivia o estresse.

10.2. As relações sociais parecem cervicais para saúde e bem-estar.

10.3. Dois aspectos inter-relacionados que podem promover a saúde Integração Social e apoio social. A Integração social e desenvolvimento ativo em uma ampla faixa de relacionamentos atividades e papéis sociais.

10.4. As redes sociais podem influenciar o bem-estar conta participação e comportamentos saudáveis .

10.5. A integração social tem sido repetida melhores índices de mortalidade pessoas com redes sociais Santos e papéis sociais múltiplos têm maior probabilidade de sobreviver a ataque cardíacos de ser ansiosas ou deprimidas.

10.6. O apoio social se refere a recursos materiais informativos e psicológicos derivados da rede social os pais a pessoa pode recorrer em busca de ajuda para lidar com estresse.

10.7. Os relacionamentos sociais especialmente em casamento tendência associada à saúde física e mental.

11. Questões sexuais e de reprodução

11.1. Infecções sexualmente transmissíveis transtornos menstruais infertilidade podem ser preocupações para o adulto jovem.

11.2. A causa mais comum de infertilidade nos homens e a baixa contagem de espermatozoides a causa mais comum nas mulheres e o bloqueio das tubas uterinas.

11.3. Os casais inférteis contam agora com muitas opções de reprodução assistida.

11.4. É comum no transtorno pré-menstrual sintomas de desconforto físico e tensão emocional durante uma ou duas semanas antes do período menstrual.

11.5. Os adultos jovens tendem a ter mais faz o que os outros grupos etários mas fazem sexo com menos frequência

11.6. E a sua expectativa de vida aumentou o uso de preservativos é o meio mais efetivo para prevenir as doenças transmissiveís.

11.7. HIV doença transmissível.

11.8. a maoria das infecções ocorre por emio de usuários de drogas que compartilham agulhas hipodérmicas contaminadas, sexo sem proteção ou do sexo comercial .

12. Problemas de saúde mental

12.1. A maioria dos adultos emergência saúde mental e bem-estar melhoram e os problemas de comportamento diminuem.

12.2. Para a maioria dos adultos emergentes a incidência de transtornos psicológicos aumentam para condições como depressão maior esquizofrenia e transtorno bipolar.

12.3. Transição para a vida adulta Marco final dos anos relativamente estruturados do ensino médio, a independência para tomar decisões e escolhas diferentes camisa frequentemente libertadora, mas a responsabilidade de contar consigo mesmo de se sustentar financeiramente pode ser esmagadora

12.4. Alguns transtornos específicos: Alcoolismo,abuso de drogas e depressão.

13. Depressão

13.1. Adolescência e início da vida adulta parece ser períodos sensíveis para o início de transtorno depressivos acidente de depressão aumenta gradualmente entre as idades de 20 e 15 e 22 anos.

13.2. A depressão pode ser caracterizada por humor depressivo o qual é o período de tristeza prolongado a síndrome depressiva a qual é um período prolongado de 36 juntamente com a variedade de outros sintomas como show e sentimento de inutilidade ou impotência .

13.3. Pessoas que são diagnosticadas com transtorno depressivo maior' frequentemente tem humores deprimidos ou instáveis na maior parte do dia quase todos os dias mostra um pouco interesse em atividades anteriormente prazerosas e ou perdem quantidade significativa de peso tem problemas de sono dorme um pouco dorme demais e frequentemente apresenta uma variedade de vieses cognitivos e pensamentos recorrentes mal adaptativos depressão .

13.4. Início da vida adulta representa para os adolescentes um novo começo uma nova chance de te encontrar novos papéis e contextos sociais quais são benéficos para a saúde mental mas um súbito declínio na estrutura e no apoio que acompanha a vida adulta pode pode desviar - los do rumo

14. Desenvolvimento cognitivo

14.1. Reflexivo acontece na faixa etária de 20 e 25 anos a qual é o adulto é o jovem emergente.

14.2. o pensamento reflexivo é a consideração ativa resistente cuidadosa das informações ou crenças levando em conta evidências que sustentam e as conclusões que as levam.

14.3. os pensadores reflexivos podem criar sistema mais complexo que conciliam ideias ou considerações aparentemente conflitantes.

14.4. Os pensadores reflexivos podem criar sistema faz complexo que conseguiu ideias ou considerações aparentemente conflitantes .

14.5. Todos têm capacidade poucos têm uma ótima proficiente em número menos ainda sobre aplicá-la consistentemente.

14.5.1. As pessoas que têm o pensamento pós formal contestam visão simplista e polarizada do mundo.

15. Desenvolvimento cognitivo

15.1. Capacidade de lidar com consistência contradição imperfeição e tolerância

15.2. O pensamento pós formal é flexível,aberto,adaptativo,individualista ele recorre a intenção e a emoção bem como a lógica para ajudar as pessoas a lidarem com o mundo aparentemente caótico.

15.3. Pensamento reflexivo ele permite aos adultos transcenderem em um único sistema lógico e conciliar ou escolher ideias ou demandas conflitantes.

15.4. O pensamento formal e relativista ele permite aos adultos transcender em um único sistema lógico e conciliar ou escolher ideias de demandas conflitantes cada uma das quais a partir de sua perspectiva pode ter uma afirmação de verdade válida.

16. Ciclo de vida schaie

16.1. Modelo de desenvolvimento cognitivo para o ciclo de vida de schaie desenvolvimento dos usos do intelecto dentro de um contexto social .

16.2. 1 estágio aquisitivo: (infância e adolescência). As crianças e os adolescentes adquire informações habilidades o seu próprio valor ou como preparação para participação da sociedade.

16.3. 2 estágio realizador (final do 30 anos até o início do 60). As pessoas de meia-idade para resolver problemas práticos Associados a responsabilidades com os outros, como os membros da família empregados.

16.4. 3 estágio responsável(dos 30 a 40 anos até a minha idade): São responsáveis por sistemas sociais o movimento sociais .Lidam com relacionamentos complexos em múltiplos níveis.

16.5. 4 estágio organizativo (final da minha idade e início da vida adulta tardia): As pessoas que entram na aposentadoria reorganizando suas vidas e energia intelectuais em torno de propósito significativos que ocupem um lugar do trabalho remunerado.

16.6. 5 estágio de criação de herança (velhice avançada): Próximo do fim da vida, tão logo a reintegração tenha sido concluída, as pessoas muito idosas podem criar instruções para a distribuição das Posses de valor, tomar providências para o funeral, contar histórias oralmente ou escrever a autobiografia como um legado para os seus entes queridos.