5 VERDADES SOBRE OS HÁBITOS DE ALTA PERFORMANCE

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
5 VERDADES SOBRE OS HÁBITOS DE ALTA PERFORMANCE por Mind Map: 5 VERDADES SOBRE OS HÁBITOS DE ALTA PERFORMANCE

1. Todo e qualquer hábito pode ser aprendido.

1.1. Quanto maior o significado, mais rápido acontecerá o aprendizado.

1.1.1. Os hábitos podem ser aprendidos de 4 formas diferentes:

1.1.1.1. Forma 1: pressão.

1.1.1.1.1. Acontece quando você é pressionado a tomar uma decisão, executar uma ação ou garantir um resultado.

1.1.1.2. Forma 2: experiência.

1.1.1.2.1. Acontece quando você acredita que algo é importante para você, mas não tem certeza, então faz uma experiência para entender o como e/ou quanto aquele hábito pode agregar valor à sua vida.

1.1.1.3. Forma 3: modelagem.

1.1.1.4. Forma 4: mentor.

1.1.1.5. Acontece quando você tem consciência que precisa desenvolver um hábito, mas tem plena convicção de que você não conseguirá desenvolver o hábito sozinho ou sem a ajuda de um profissional.

2. O significado controla o resultado.

3. Os hábitos mestres ou hábitos angulares são os responsáveis por desencadear uma série de reações no modo com que as pessoas organizam a sua própria vida.

4. Um bom exemplo de um hábito mestre pessoal é o exercício físico. Quando nós começamos a praticar exercícios regularmente, quase que automaticamente, nós mudamos uma série de outros comportamentos que não estão relacionados à atividade física. Nós passamos a levantar da cama mais cedo, comer melhor, dormir mais cedo, por exemplo.

4.1. Os hábitos mestres têm a capacidade ilustre de alterar uma realidade já existente com base na experimentação de um hábito distinto.

4.1.1. Nem todo o hábito tem o poder de alterar uma realidade pré-fixada.

4.1.1.1. O fato é que, uma vez detectado um hábito com potencial de ser um hábito mestre, é importante atuar com disciplina impecável sobre o hábito. É essa disciplina que estabelecerá uma conexão profunda com outros comportamentos e possibilitará, dentro de um período de tempo (difícil de prever), o desenvolvimento de novos hábitos inteligentes, produtivos e sadios.

5. As pessoas disciplinadas vivem os seus verdadeiros valores de vida.

6. O Poder do Hábito: por que fazemos o que fazemos na vida e nos negócios. Autor: Charles Duhigg

7. Os hábitos podem ser instalados através de 2 fenômenos diferentes:

7.1. Fenômeno 1: intensidade.

7.1.1. O hábito de realizar exercícios físicos diários, pode vir a ser assumido como uma necessidade, após uma consulta médica, onde o médico alertou você sobre a eminente possibilidade de uma morte por ataque cardíaco, devido ao seu peso e aos seus exames que comprovaram uma série de irregularidades.

7.2. Fenômeno 2: repetição.

7.2.1. Depois de um fim de semana exaustivo, onde você não tirou a bunda do sofá, as mãos do controle remoto e os olhos da televisão, você decide que é hora de mudar: faz a sua matrícula na academia e começa a praticar exercícios 5 dias por semana, sempre as 22 horas.

7.3. Importante: alguns hábitos não são instalados com sucesso porque a insistência ocorre muito longe da sua zona de conforto.

7.3.1. O importante é primeiro você ganhar controle sobre o hábito e depois trabalhar fatores como: frequência, horário e produtividade.

7.3.1.1. Cobranças exageradas podem dar um fim prematuro a um hábito promissor.

8. O significado controla o aprendizado.

9. Uma pesquisa recente descobriu que existem "hábitos mestres" ou "hábitos angulares".

10. O fato de um hábito estar instalado não é garantia de que o hábito continue instalado.

10.1. Encontrar um significado, continuar repetindo o hábito constantemente e amadurecer o seu entendimento sobre o porquê você continua fazendo o que você está fazendo, é com toda a certeza, a chave para manter um hábito instalado, produtivo e sadio.

10.1.1. Para não jogar fora anos de dor, privação e sacrifício — que muito ensinaram você — o ideal é que você crie indicadores para medir o seu desempenho diante cada hábito.

10.1.1.1. A função de um indicador é estabelecer um parâmetro de normalidade, ou seja, o que está fora desse parâmetro, não é normal e merece ser reavaliado.

11. Verdade 1: hábitos podem ser aprendidos.

11.1. Todo e qualquer hábito pode ser instalado.

12. Verdade 3: hábitos precisam estar ligados a um significado forte.

12.1. Verdade 2: hábitos devem ser instalados.

12.2. Quanto maior o significado, mais rápido acontecerá o aprendizado.

12.2.1. O significado controla o que precisa ser controlado:

12.2.1.1. O significado controla a motivação.

12.2.2. O significado responde à pergunta: "Por que você faz o que você faz?"

12.2.2.1. Assim você perde: menos tempo, menos energia, menos dinheiro... e você ganha mais alguns anos de vida.

12.2.2.1.1. As pessoas disciplinadas chegam mais longe.

13. Verdade 4: hábitos não resistem sem disciplina, sem energia e sem resultado.

13.1. A disciplina é a mãe do êxito.

13.2. A energia é o combustível do sucesso.

13.2.1. As pessoas disciplinadas controlam a sua própria realidade: as suas metas, as suas necessidades, os seus objetivos e os seus sonhos.

13.2.2. O que você faz sem energia?

13.2.3. O que é possível conquistar sem energia?

13.2.4. O que é possível realizar sem energia?

13.3. O resultado é necessário para que o ciclo permaneça constante.

13.3.1. Resultados medíocres acabam com as possibilidades de um hábito ser instalado com sucesso.

13.3.2. Resultados grandiosos mantém a chama acesa e permitem que os resultados sejam continuados, melhorados e ultrapassados.

14. Verdade 5: hábitos são filhos rebeldes que devem ser domados, educados e gerenciados.

14.1. Todo ser humano sofre os efeitos da autossabotagem, da procrastinação e da zona de conforto.

14.1.1. Vencer o diálogo interno é muitas vezes desafiador ao extremo.

15. O que são hábitos?

15.1. Todo e qualquer hábito de alta performance promissor está ligado diretamente a uma rotina de alta performance.

15.1.1. Rotinas de alta performance doutrinam, estimulam e fortalecem os hábitos de alta performance.

15.1.1.1. Hábitos de alta performance precisam de um ambiente propício para o surgimento, desenvolvimento e amadurecimento.

15.1.1.1.1. Quanto mais impróprio o ambiente, mais forte, motivada e perseverante deve ser a pessoa que deseja desenvolver o hábito.

15.1.1.1.2. Um ambiente impróprio reduz significativamente as chances de um hábito ser incorporado com sucesso.

15.2. Hábitos são ações ou comportamentos repetidos com frequência e que podem ser conscientes ou não conscientes.

15.2.1. Um estudo da Universidade de Duke (EUA) estima que mais de 40% das nossas ações diárias são hábitos, não decisões intencionais.

15.2.1.1. Aqui mora o perigo, já que nem todos os hábitos são positivos, ao contrário, muitos dos hábitos repetidos diariamente são nocivos, e permanecem ativos porque estão no piloto automático.

15.2.1.1.1. Questionar os hábitos, as respostas e os resultados com frequência, é uma maneira inteligente de blindar a sua vida contra possíveis resultados nocivos.

16. Indicações de livros:

16.1. Trabalhe 4 Horas por Semana Autor: Timothy Ferriss

16.1.1. Os 7 Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes Autor: Stephen Covey