Prosa Romântica

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Prosa Romântica por Mind Map: Prosa Romântica

1. Surgiu na Alemanha Séc.XIX

1.1. Publicação da Obra: O Sofrimento do Jovem Wherter (Goethe)

2. Maior Divulgação na França

2.1. Ascensão da Burguesia ao Poder

3. Brasil

3.1. A moreninha (1844) Joaquim Manuel de Macedo

4. Meio de Divulgação

4.1. Folhetim

5. Características

5.1. Uso Constante de Flashback

5.2. Sentimentalismo

5.3. Idealização de um amor

5.4. Idealização de um herói nacional

5.5. Impasse amoroso

5.6. Modelo de herói clássico

5.7. Personagens planas

5.8. Cor local – valorização dos aspectos nacionais ou regionais

6. Tipos de Romance

6.1. Indianista

6.1.1. Traz a tona à vida, cultura, crenças e costumes indígenas.

6.1.2. Celebração da pureza do índio e a formação mestiça da raça brasileira.

6.1.3. Índio surge como herói, representando o Brasil e os brasileiros, sendo corajoso, forte e idealizado.

6.1.4. Valorização da Natureza: o espaço onde ocorre a narrativa remete ao natural, à paisagem brasileira.

6.1.5. Obras:

6.1.5.1. Iracema, O guarani e Ubirajara - José de Alencar

6.2. Urbano

6.2.1. Narra uma história que ocorre nas capitais, na alta sociedade.

6.2.2. Comunicação direta com o público burguês

6.2.3. Retrato dos valores e ideais burgueses

6.2.4. Faz críticas aos costumes

6.2.5. Retrata as relações cotidianas

6.2.6. Personagens comuns e de fácil identificação

6.2.7. Idealização amorosa

6.2.8. Obras:

6.2.8.1. A moreninha - Joaquim Manuel de Almeida

6.2.8.2. Senhora - José de Alencar

6.2.8.3. Memórias de um sargento de Milícia - Manuel Antônio de Almeida

6.3. Regionalista

6.3.1. Passa em ambiente rurais, mostra costumes, valores e cultura típica de uma região

6.3.2. Herói do campo, sertanejo, alguém que pertence à sua terra , e é o retrato dela. É bravo e honrado, preza a moral e os costumes do seu ambiente.

6.3.3. Afirmação de uma identidade nacional.

6.3.4. Valorização da diversidade étnica, linguística, social e cultural.

6.3.5. Obras:

6.3.5.1. Inocência - Visconde de Taunay.

6.3.5.2. O troco do Ipê - José de Alencar.

6.3.5.3. A escrava Isaura - Bernardo Guimarães.

6.3.5.4. O Cabeleira - Fran

6.4. Histórico

6.4.1. Busca o passado “glorioso” do país.

6.4.2. Visão ufanista e exagerada

6.4.3. Obras:

6.4.3.1. As Minas de Prata e A Guerra dos Mascates - José de Alencar.