ALIMENTAÇÃO DA CRIANÇA ATÉ 1 ANO DE IDADE

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
ALIMENTAÇÃO DA CRIANÇA ATÉ 1 ANO DE IDADE por Mind Map: ALIMENTAÇÃO DA CRIANÇA ATÉ 1 ANO DE IDADE

1. AMAMENTAÇÃO

1.1. Recomendada até os dois anos de idade

1.2. Preferencialmente, exclusiva até os 6 meses

1.3. Durante o aleitamento materno satisfatório, não há necessidade de ingestão de água/chá para suprir líquidos

1.4. Sem limite de tempo máximo para ingesta

2. OFERTA PRECOCE DE OUTROS ALIMENTOS

2.1. Pode gerar

2.1.1. Cólicas

2.1.2. Maior número de alergias e infecções

3. MENORES DE SEIS MESES SEM AMAMENTAÇÃO EXCLUSIVA

3.1. Requer cuidados adiconais no acompanhamento do desenvolvimento/crescimento

3.2. Para crianças menores de 4 meses

3.2.1. Completar com fórmula infantil à base de leite de vaca ou leite de vaca modificado em casa.

3.2.1.1. Quantidades orientadas

3.3. Para crianças entre 4 e 6 meses

3.3.1. Completar com fórmula infantil ou leite de vaca, além de ofertar frutas/alimentos minimamente ou não processados

3.3.1.1. Alimentos devem estar amassados e serem dados na colher

4. 6 MESES

4.1. Introdução de novos alimentos

4.2. Novos alimentos devem complementar o leite materno e não substituí-lo

4.3. Dar preferência para alimentos in natura ou minimamente processados

4.4. Frutas amassadas e legumes cozidos são os mais recomendados

4.5. Começar a introdução com papas espessas, aumentar gradualmente a textura

4.6. Preparações úmidas são mais facilmente aceitas

4.7. Devem ser oferecidas cerca de 3 refeições, além do leite materno

5. 7 A 8 MESES

5.1. Deve-se dar continuidade ao leite materno, apenas complementando-o

5.2. Oferta de cerca de 4 refeições por dia

5.3. Alimentos menos amassados do que antes ou bem picados, de acordo com a aceitação da criança

5.4. Recomenda-se deixar alguns alimentos macios em pedaços maiores

5.4.1. Estimula a criança a pegá-los sozinha

5.5. Introdução de novos legumes/grãos de acordo com aceitação

6. 9 A 12 MESES

6.1. Leite materno ainda necessário, mas comida começa a ter uma maior contribuição para atender as necessidades da criança

6.2. Cerca de 4 refeições por dia

6.3. Maior textura e pedaços maiores

6.4. Oferecer colher para estimular a destreza da criança em comer sozinha

6.5. Alimentação passa a se aproximar mais da comida consumida pela família

7. OBSERVAÇÕES IMPORTANTES

7.1. Mesmo com as introduções alimentares, o leite materno continua sendo de extrema importância no desenvolvimento

7.2. Sempre dar preferência a alimentos in natura ou minimamente processados

7.3. Quantidades de sal e temperos devem ser sempre baixas nessa faixa etária

7.4. Evitar adição de açúcar o máximo possível

8. ÁGUA

8.1. Deve ser dada a partir do momento em que os novos alimentos são incluídos, entre as refeições

8.2. Não deve ser substituída por nenhum líquido, como chá ou suco, muito menos refrigerante.

8.3. Criança ainda não percebe que está com sede e não pede água

8.3.1. Estratégia: deixar sempre garrafinha tampada e acessível