Modal Dutoviário

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Modal Dutoviário por Mind Map: Modal Dutoviário

1. Classificação dos Dutos:

1.1. Oleodutos

1.2. Gasodutos

1.3. Minerodutos

1.4. Aquadutos

2. Vantagens:

2.1. Transporte contínuo, 24h por dia, com vias exclusivas.

2.2. Maior segurança no transporte de cargas perigosas como, por exemplo, derivados do petróleo, resultando em baixíssimo risco de acidentes ou desastres ecológicos.

2.3. Na maioria dos casos, os produtos transportados não precisam ser embalados.

2.4. Baixíssimo custo operacional.

2.5. Mínima geração de poluentes e impacto ambiental.

3. Desvantagens:

3.1. Apesar das vias exclusivas, é um transporte lento comparado aos outros modais, com velocidade média de 2 a 8km/h.

3.2. Até o momento, há pouca flexibilidade de destinos, visto que as vias são específicas e devem ser construídas.

3.3. Baixa flexibilidade de produtos, pois deve transportar apenas produtos que conseguem transitar na via.

4. Transporte Dutovíario no Brasil:

4.1. Surgiu na Década de 50, e representa apenas 4% da matriz de transportes do país.

4.2. No Brasil, a maioria dos transportes de competência desse modal, são realizados pela empresa Petrobrás.

5. Tipos de Vias:

5.1. Subterrâneas

5.2. Submarinas

5.3. Aéreas

5.4. Aparentes

6. Método de Transporte:

6.1. Sistema Forçado: Realizado através de "empurrão", criando estações de bombeamento ao longo do curso do produto transportado.

6.2. Por gravidade: Construindo as Dutovias de forma que o transporte ocorra "naturalmente" através da gravidade, não gerando custos energéticos.