PENSANDO LOCALMENTE NO CITIGROUP

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
PENSANDO LOCALMENTE NO CITIGROUP por Mind Map: PENSANDO LOCALMENTE NO CITIGROUP

1. EXTRAINDO MAIS RECEITAS DA SUA BASE.

1.1. A PRIMEIRA AÇÃO DE FREIBERG FOI EXPLORAR OS 120 MILHÕES DE USUÁRIOS DE CARTÃO DE CRÉDITO DO BANCO.

1.2. ALÉM DISSO FREIBERG COM A IDEIA DE EXPANDIR AS INICIATIVAS DE MARKETING, VOLTADOS PARA PROFISSIONAIS ESPECIFICOS COMO ADVOGADOS E MÉDICOS, E TAMBÉM AOS DONOS DE PEQUENAS EMPRESAS E CLIENTES DO BANCO CITIGOLD.

1.3. SENDO ASSIM OS CLIENTES AFLUENTES COM PELO MENOS US$ 100 MIL EM ATIVOS SÃO UMA MINA DE OURO POTENCIAL.

1.4. CITI ESTÁ NA SÉTIMA POSIÇÃO ATRÁS DO BOFa, WACHOVIA CORPORATION, JP MORGAN CHASE & CO, WASHINGTON MUTUAL.

1.5. OS DEPÓSITOS SÃO A PLATAFORMA DE LANÇAMENTO PARA UM RELACIONAMENTO MAIS LUCRATIVO COM O CLIENTE.

1.6. SEGUNDO ANALISTA MICHAEL MAYO DA PRUDENTIAL FINANCIAL INC. COMO O BANCO POUCO TEM INVESTIDO EM RECRUTAMENTO, TREINAMENTO E ATENDIMENTO AO CLIENTE.

1.7. PORTANTO O CRESCIMENTO DOS DEPÓSITOS TEM SIDO PREJUDICADO.

1.8. A ECONOMIA DO BANCO DE VAREJO, É AMPLAMENTE DOMINADA PELOS DEPÓSITOS. "DIZ JAMES M. MCCORMICK, PRESIDENTE DO FIRST MONAGEMENT CONSULTING GROUP EM NOVA YORK

2. NOVO FOCO NO CRESCIMENTO ORGÂNICO.

2.1. O BANCO DE VAREJO DO CITI É LIMITADO EM SEU ALCANCE GEOGRÁFICO, E O CRESCIMENTO DA CONTA DE CARTÕES DE CRÉDITO ESTAGNOU.

2.2. A MAIORIA DOS CLIENTES COMPRAM MENOS PRODUTOS OU SERVIÇOS, COMO CARTÃO DE CRÉDITO, HIPOTECAS OU CONTAS BANCARIAS.

2.3. EM AGOSTO DE 2005, O CEO CHARLES O. PRINCE ESCOLHEU-O PARA CHEFIAR AS OPERAÇÕES BANCARIAS DE VAREJO DO CITI NOS ESTADOS UNIDOS E CANADÁ, RECENTEMENTE SEPARADOS DP BANCO GERAL

2.4. FEDERAL RESERVE, PROIBIU QUE O BANCO FIZESSE GRANDES AQUISIÇÕES NO MOMENTO.

3. ORGANIZAR A VENDA EM TORNO DOS CLIENTES, NÃO DOS PRODUTOS.

3.1. FREIBERG JÁ PASSOU POR MOMENTOS DIFÍCEIS. QUANDO ELE INGRESSOU NO GRUPO DE CARTÃO DE CRÉDITO DO CITI EM 1997.GRANDE PARTE DOS AMERICANOS VIVIAM EM UMA FEBRE POR CARTÕES BANCÁRIOS, PORÉM BANCO CITI DESPENCOU 25% EM 1 ANO.

3.2. UM VETERANO DE 25 ANOS DE BANCO EM QUE MUITAS VEZES FOI O RESPONSÁVEL PELA PROGRAMAÇÃO DE RESTRUTURAÇÃO, MAS FREIBERG CORTOU CUSTOS E CONSTRUIU NOVOS MODELOS PARA GERENCIAR O RISCO DO CRÉDITO.

3.3. ELE ADQUIRIU ALGUMAS TATICAS, REFERENTES A LINHA DE MARKETING, O QUAL AGORA É UMA PRATICA PADRÃO DO SETOR.

3.4. AUMENTOU AS VENDAS EM MALAS DIRETAS.

3.5. CARTÃO DE CRÉDITO COM CRÉDITO PRÉ APROVADO.

3.6. JA EM 2005, GERARAM UM LUCRO DE US$ 4 BILHÕES, CHEGANDO A QUASE UM QUARTO DO LUCRO TOTAL DO CITI E 10 VEZES MAIS DO Q QUANDO FREIBERG CHEGOU.

3.7. CRIOU TRÊS POSIÇÕES PARA ADMINISTRAR DISTRIBUIÇÕES, TECNOLOGIA E GERENCIAMENTO DE FRANQUIAS.

4. AGRADEÇA AO CLIENTE

4.1. NO FUTURO OS CLIENTES DE ALTO PADRÃO SERÃO PRIVILEGIADOS, TERÃO UM PROGRAMA DE RECOMPENSA JA EXISTENTE, O THANKYOU NETWORK QUE PERMITE QUE OS CLIENTES DOS CARTÕES E DO BANCO ACUMULEM PONTOS.

4.2. O ESFORÇO DE FREIBERG PARA ATRAIR E MANTER CLIENTES IRA SE ESTENDER PELOS DEPARTAMENTOS DE VAREJO E FINANCIAMENTO AO CONSUMIDOR.