Combate à violência infantil

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Combate à violência infantil por Mind Map: Combate à violência infantil

1. A literatura é um grande aliada para isso. O livo infantil: "Não me toca seu boboca" é um ótimo exemplo de uma obra que se trata de Combate a violência infantil.

1.1. Outra obra que segue a mesma linha de combate a violência infantil é: sem mais Segredo: Juju, uma menina muito corajosa:.

2. O Código Penal prevê em seu artigo 136 o crime de “Maus - Tratos” que consiste na exposição a perigo da vida ou da saúde de pessoa sob a autoridade...

3. Agredir uma pessoa (principalmente em um período em desenvolvimento, como a infância) não fará com que ela se torne íntegra, muito pelo contrário.

3.1. Como exemplo disso temos o caso que Larry selecionou, Joseph e Juliane Hummel. Que espancaram e deixou a própria filha morrer de fome em Viena.

4. "Há uma distribuição absolutamente desigual da precariedade da vida e as crianças estão no menor patamar, na parte mais frágil da violência que atravessa a todos".

4.1. Há que se criar políticas sociais amplas para os pais e mães, oferecendo acesso equânime a todos de educação, saúde, moradia, lazer, cultura, arte, transporte etc.

4.1.1. Socióloga Anete Abramowicz

5. O abuso infantil, ou maus-tratos infantis, são definidos como toda forma de violência física e/ou emocional/psicológica, maus tratos, negligência ou tratamento negligente, exploração comercial, sexual.

5.1. Conforme dito por Martin Luther King: "Uma das coisas importantes da não violência é que não busca destruir a pessoa, mas transformá-la."

5.1.1. A prática da violência infantil, seja ela com o intuito de repreender ou até mesmo educar, não é boa e apenas prejudica ainda mais os envolvidos.

6. Formas de violência infantil

6.1. Violência fisíca

6.2. Violência sexual

6.3. Violência psicológica

6.4. Negligência

7. Este tipo de violência foi estudado cientificamente, pela primeira vez, em 1860, pelo Dr. Ambroise Tardieu

7.1. Presidente da Academia de Medicina de Paris

7.2. Publicou um trabalho intitulado: "Estudo médico-legal sobre os serviços e maus-tratos praticados em crianças"

7.2.1. Estudo que analisa 32 casos (18 mortes) de crianças submetidas a maus-tratos, metade delas com idade inferior a cinco anos.

8. "Desde a mais tenra idade estas indefesas e desafortunadas crianças passam a cada dia e cada hora pela mais severa crueldade..."

8.1. Larry Wolff

8.1.1. Em sua obra "Postcards of the end of the world", investiga as razões pelas quais Viena de 1899. Vivendo a realidade das crianças vítimas de violência doméstica, não abordou em suas obras tal questão.

8.1.1.1. Professor de prata, de história, diretor do Centro de Estudos da Europa e do Mediterrâneo, diretor executivo do Instituto Remarque, Co-diretor de NYU Florença

8.1.2. "A violência, seja qual for a maneira como ela se manifesta, é sempre uma derrota." - Jean-Paul Sartre

8.1.2.1. Wolff selecionou, entre outros, casos de julgamento de pais que acabaram matando seus filhos, após um longo período de agressão, ocorridos em 1899 -Viena.

8.1.2.1.1. Estes casos diziam respeito de Joseph e Juliane Hummel que torturaram até à morte a filha de 5 anos.

8.1.3. Jean-Paul Charles Aymard Sartre foi um filósofo, escritor e crítico francês, conhecido como representante do existencialismo.

9. De acordo com o filósofo e pensador Benedetto Croce: "A violência não é força, mas fraqueza, nem nunca poderá ser criadora de coisa alguma, apenas destruidora."

10. Para Marx, um dos efeitos gerados pelo desenvolvimento do modo de produção capitalista teria sido a exploração da força de trabalho de mulheres e, principalmente, crianças pobres.

10.1. Configurado como maus-tratos e, atualmente, tendo punições de acordo com o artigo 136 do Código Penal e 232 do Estatuto da Criança e do Adolescente,

11. Considerando que o abuso sexual infantil não precisa, necessariamente, estar relacionado a um ato violento e doloroso, é importante trazer esse diálogo não só para as escolas, mas também para dentro de casa

12. Outro veículo muito importante para ajudar na disseminação da ideia de combate a violência infantil são as mídias televisivas e redes sociais.

12.1. "Semana de combate à violência sexual infantil encerra com debates no AP"

12.1.1. Essa foi uma reportagem que o G1 exibiu no dia 17/05/2019 20h54

12.1.1.1. Semana de combate à violência sexual infantil encerra com debates no AP

13. Outra reportagem exibida sobre esse mesmo assunto foi a campanha: "não engula o choro"

13.1. "Não engula o choro": campanha quer combater a violência contra crianças

13.1.1. "Não engula o choro": campanha quer combater a violência contra crianças

14. No Brasil, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) deu início nesta semana a um ciclo de formações sobre prevenção da violência contra crianças e adolescentes

14.1. UNICEF capacita 1,9 mil municípios brasileiros para combater violência contra crianças e adolescentes

14.1.1. Em 2016, 11.351 meninos e meninas de dez a 19 anos foram vítimas de homicídio no país, totalizando 34 mortes por 100 mil habitantes, segundo o Datasus.

14.1.1.1. Se o cenário atual não apresentar melhorias, 43 mil meninos e meninas podem não conseguir chegar à vida adulta no período entre 2015 a 2021, segundo o Índice de Homicídios na Adolescência

15. De acordo com uma reportagem no G1, o o Brasil e o mundo estão acertando no que têm de melhorar, segundo relatório.

15.1. Estudo do setor de pesquisas da revista 'Economist' põe Brasil na 11ª melhor colocação, entre 40 países avaliados.

15.1.1. Dos 40 países avaliados, o Brasil é o 11º melhor colocado, com 62,4 pontos. Nesta pontuação geral, ele está acima da média do grupo: 55,4 pontos

16. O cinema tem um impacto de comunicação muito grande – e suas obras são capazes de ultrapassar os limites do entretenimento e incentivar, de forma leve e eficaz, debates importantíssimos sobre a realidade que vivemos.

16.1. Vencedor do Oscar de Melhor Filme em 2016, Spotlight – Segredos Revelados aborda uma investigação jornalística sobre crimes de abuso sexual de crianças e adolescentes cometidos por padres.

16.1.1. Outro filme é "Dúvida" estrelado por Meryl Streep que retrata a questão dos casos de abuso sexual de crianças e adolescentes relacionados com padres da Igreja Católica de forma sutil e metafórica.