Crime aulas 2º ano - conceito analítico de crime

Teoria do crime 2º (mapa em construção)

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Rocket clouds
Crime aulas 2º ano - conceito analítico de crime por Mind Map: Crime aulas 2º ano - conceito analítico de crime

1. fato típico

1.1. conduta

1.1.1. Finalista

1.1.1.1. fase psicológica --> formação da vontade

1.1.1.1.1. dolo

1.1.1.1.2. culposo

1.1.1.1.3. preterdoloso

1.1.1.2. fase exterior -->atuação conforme a vontade

1.1.1.2.1. ação --> comissivo

1.1.1.2.2. omissão

1.2. resultado

1.2.1. Normativo/ Jurídico = conceito – crime

1.2.1.1. dano

1.2.1.2. de perigo

1.2.1.2.1. concreto

1.2.1.2.2. abstrato

1.2.2. Natural/ Naturalístico = conceito – crimes

1.2.2.1. mMateriais (de resultado)

1.2.2.2. - formais (de consumação antecipada)

1.2.2.3. - de mera conduta (simples atividade)

1.2.3. consumados

1.2.4. não consumados

1.2.4.1. INVOLUNTARIAMENTE

1.2.4.1.1. tentativa

1.2.4.2. VOLUNTARIAMENTE

1.2.4.2.1. arrependimento eficaz

1.2.4.2.2. desistência voluntária

1.3. nexo de causalidade

1.3.1. Conceito: É a relação de causa e efeito entre a atuação e o resultado naturalístico.

1.3.1.1. equivalência dos antecedentes ou "conditio sine qua non"

1.3.1.1.1. CONDUTA x CAUSAS

1.4. tipicidade

1.4.1. o tipo indica que o fato é antijurídico, pois sua definição perpassa pela conformação do fato real ao modelo da norma incriminadora

1.4.1.1. subordinada direta

1.4.1.1.1. o fato encontra correspondente direto no tipo incriminador da lei

1.4.1.2. subordinada indireta

1.4.1.2.1. o fato não encontra correspondente direto na lei, precisando da combinação de tipos incriminadores

2. antijurídico

2.1. diz-se da relação de contrariedade entre o fato real e o tipo incriminador

2.1.1. ilícito

2.1.2. exclusão de ilicitude

2.1.2.1. estado de perigo

2.1.2.1.1. situação de perigo

2.1.2.1.2. fato necessitado

2.1.2.2. legítima defesa

2.1.2.3. cumprimento do dever legal

2.1.2.4. exercício regular de direto

2.1.2.5. consentimento do ofendido

3. culpável