Fisiologia do Esporte

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Fisiologia do Esporte por Mind Map: Fisiologia do Esporte

1. O metabolismo em uma maratona pode aumentar 2000%, enquanto uma febre alta duplica o metabolismo. Portanto, alguns exercícios proporcionam um estresse.

2. Principais diferenças entre homens e mulheres: -Homens são a maioria; -Tamanho corporal; -Fatores hormonais; -Homens possuem porcentagem extra de massa corporal; -Mulheres acumulam mais gordura (estrógeno), o que proporciona mais energia, efeito térmico e auxilia na flutuação; -A presença de testosterona em maior quantidade nos homens faz co, que aumente a síntese proteica.

3. A força muscular é diretamente proporcional ao tamanho da massa muscular

4. A força exercida de sustentação é 40%> que a de explosão, fazendo com que alongamentos realizados durante contrações aumentem o risco de lesão. Ex.: Salto, socos, chutes, arremessos.

5. Trabalho mecânico: w=F.ΔS/ΔT Logo, F.ΔS= TRABALHO ($) w=$/ΔT Quando aumenta a força, aumenta o trabalho.

6. Dieta rica em carboidratos: aumenta em 240 a resistência, enquanto a misca aumenta em 120 e uma deita rica em gordura aumenta em 85.

7. Se tiver o acumulo de ácido lático (via Glicolítica), para a remoção desse excesso deve-se praticar exercício (não na área trabalhada) para se ativar a circulação sanguínea.

8. Creatina: Máximo de 8-10s (Rápido/ pouca resistência) Glicogênio: 1,3- 1,6 minuitos Exercício Aeróbico: Horas (Lento/ maior resistência)

9. Contração muscular: 1ª via- Fosforilação do ATP, transformando-se em ADP e depois AMP. Consegue ter uma sustentação = 3s

9.1. A reposição de ATP se dá por 3 vias: Creatina, Glicogênio/ Ácido Lático e Exercício Aeróbico