Filósofos Pré-Socráticos

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Filósofos Pré-Socráticos por Mind Map: Filósofos Pré-Socráticos

1. Surgimento da fisolofia

1.1. Com a cultura e economia da Grécia estavam se aprimorando, exigiu-se uma nova forma de entender o mundo, já que as fórmas antigas já não estavam se adequando

2. Physis

2.1. É o conjunto de todas as coisas naturais que existem . A palavra também significa origem. Como os gregos da época consideravam que tudo o que existe é natural, a Physis significa o conjunto de todas as coisas.

3. Arché

3.1. A fonte, a origem e a raiz de todas as coisas da physis, de onde as coisas vêm e para onde vão.

4. Natureza

4.1. Unidade e variabilidade

4.1.1. Natureza se apresenta como forma de unidade. Seres existem e são criados de forma desordenada

4.1.2. Ela é variavel, de coisas e seres com características distintas, pode ser una ou múltipla ao mesmo tempo

4.1.3. Os primeiros filósofos buscaram entender o principio de tudo e sua origem, para assim explicarem a natureza de forma racional

4.1.4. “Filósofos da natureza” procuravam regras e normas da própria natureza.

5. Pitágoras

5.1. Com o avanço da filosofia, e o descobrimento de uma matéria primordial, os filosofos pré-socráticos começaram a criar novas teorias e explicações

5.1.1. Pitágoras (570 a.C.-497 a.C.):”Pai da matemática”, princípio fundamental de tudo seria uma estrutura numérica.

5.1.2. Não procuraram uma explicação da realidade na natureza. Suas preocupações eram mais abstratas. Defendiam a existência de uma realidade única.

6. A matéria primordial e a tentativa de explicação racional

6.1. Os primeiros filósofos afirmavam a existência de uma matéria primordial, tudo seria originado da mesma e estaria presente em tudo que originou

6.1.1. Tales de Mileto: tudo se originava da água

6.1.2. Com o surgimento da filosofia, a natureza deixa de ser algo emotivo aos seres humanos ou algo dos deuses, e passa a ser algo que possui as suas próprias leis que não dependem do ser humano

6.1.3. A natureza possui as suas próprias regras, que poder ser estudadas pelo uso da razão

7. Heráclito

7.1. a ordem da natureza é estabelecida por um processo dinâmico que teria como aspecto central a tensão entre opostos.

7.1.1. Para ele a natureza era variavel, tudo se transformava. Isto seria a essencia da natureza. Mas este movimento não seria de forma aleatória, elas obedeciam a algo chamado por ele de logos

8. Parmênides

8.1. Para ele, através de todo o caos e desordem, haveria algo fixo, único e eterno

8.1.1. Segundo Parmenides, se a essencia fosse a mudança, nada seria descoberto

8.2. a verdadeira realidade só poderia ser encontrada pelo pensamento abstrato

8.3. Metafísica: existe uma relidade que vai além da realidade que sentimos