A prática da Virtude segundo os 10 Mandamentos.

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
A prática da Virtude segundo os 10 Mandamentos. por Mind Map: A prática da Virtude segundo os 10 Mandamentos.

1. qualidade do que se conforma com o considerado correto e desejável (p.ex., do ponto de vista da moral, da religião, do comportamento social etc.).

2. O escritor, político, jurídico, bacharel em Filosofia, mestre em Ciências Sociais e doutor em Direito, Gabriel Chalita, desenvolveu dez propostas, as quais ele chama de mandamentos, essenciais, universais e imprescindíveis para se levar uma vida eticamente. Os dez mandamentos da ética são: 1. Fazer o bem; 2. Agir com moderação; 3. Saber escolher; 4. Praticar as virtudes; 5. Viver a justiça; 6. Valer-se da razão; 7. Valer-se do coração; 8. Ser amigo; 9. Cultivar o amor; 10. Ser feliz. São condutas fundamentais que toda pessoa poderia pensar em ter, em busca de conviver bem consigo e em sociedade.

3. 1o FAZER O BEM Ser ético é fazer o bem Sem segundas intenções Agir com honestidade Ser justo nas decisões Lutar pela igualdade Dos povos e das nações. Ser ético consiste em Tratar bem ricos e pobres Sem distinguir raça ou nível Se tem ouro, prata ou cobres Lutar por felicidade E plantar sentimentos nobres.

4. 2o AGIR COM MODERAÇÃO É agir com excelência Sempre com moderação Lutar por eficiência Sem exagerar na “mão” Pra manter o equilíbrio Entre razão e emoção. A razão e a emoção Em equilíbrio constante Vão fazer do cidadão Um ser mais do que pensante No coração que eles existem Nenhuma vida é estressante

5. 3o SABER ESCOLHER No terceiro mandamento Se revelam as escolhas O caráter é prostrado Na relação das pessoas Assim quem vive da ética não toma atitudes a toas Pra escolher é preciso Ter cautela e saber Que nem sempre vai conseguir Para todos bom parecer No entanto, não se deve Abrir mão desse dever

6. PRATICAR AS VIRTUDES Alô galera da Pós Agora vamos falar No quarto mandamento Que serve para executar Ações e situações Que devemos praticar Estas ações são pessoais Com verdade e mentira Que nesta realidade Buscamos a melhoria Entre valor e riqueza Convivendo todo dia

7. 5 VIVER A JUSTIÇA A justiça é para ética A sua maior excelência Ser justo consigo mesmo e com o outro por consequência Ela depende da lei Mas também da consciência A justiça pode ser Justiça distributiva Ela também tem a forma De justiça corretiva E na política é que ela Tem que ser justiça viva

8. 6° VALER-SE DA RAZÃO A razão tem na ciência A primeira disposição A técnica do conhecimento é consequência da ação Inteligência e Saber Também na razão estão O homem é virtuoso Na sua racionalidade Se encontra no meio termo Toda a sua “eticidade” Que sem razão não existe Uma ética de verdade

9. 7o VALER-SE DO CORAÇÃO Pulsantes asfixiadores são as escolhas tomadas lidar com os impulsos e com as angústias enfadadas Valendo-se do coração todas as coisas serão encaradas Ao dizermos que uma pessoa é fonte de sua ação entre o céu e o inferno sua escolha é a sua opção viver o real e se arrepender fazer valer-se do coração

10. É importante as amizades Principalmente pelo bem Privilegiam o caráter E a afetividade de alguém Compartilhando interesses E amar sem olhar a quem A ética se preocupa Com o termo amizade Que motiva o amor O bem, o prazer e a utilidade, Assim organiza e favorece As pessoas em comunidade

11. 9o CULTIVAR O AMOR O mandamento do amor É essencial a vida É alimento para a alma Cura qualquer ferida Nos dá também conforto Numa palavra amiga

12. 10o SER FELIZ Conclusão Devemos agir eticamente Sem pensar em recompensa O prazer disto é simplesmente A felicidade em consequência Segundo Gabriel Chalita Uma atitude de inteligência