Classificação Internacional para a Segurança do Paciente

Administração Hospitalar

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Classificação Internacional para a Segurança do Paciente por Mind Map: Classificação Internacional para a Segurança do Paciente

1. CONCEITOS

1.1. ERRO

1.1.1. Falha na execução de uma ação

1.2. INCIDENTE

1.2.1. Ocorrência comunicável e/ou quase erro e/ ou incidente sem dado e/ou incidente com dano

1.3. DANO

1.3.1. Prejuízo na estrutura ou funções do corpo

1.4. CONSEQUENCIAS PARA O PACIENTE

1.4.1. Impacto sobre um doente= Graus de Dano

1.4.1.1. Nenhum

1.4.1.1.1. Consequência assintomática

1.4.1.2. Ligeiro

1.4.1.2.1. Sintomas rápidos- perda de função ou dano mínimo ou intermediário de curta duração

1.4.1.3. Moderado

1.4.1.3.1. Requer intervenção ou causou danos permanentes a longo prazo

1.4.1.4. Grave

1.4.1.4.1. Requer intervenção para salvar a vida- Encurta a esperança de vida ou causa grandes danos permanentes a longo prazo

1.4.1.5. Morte

1.4.1.5.1. No balanço das probabilidades, a morte foi causada ou antecipada a curto prazo pelo incidente

2. Tipos de Incidentes

2.1. Administração

2.2. Processo/ Procedimento Clinico

2.3. Docuentação

2.4. Infecção relacionada aos Cuidados de Saúde

2.5. Medicação/ Fluídos IV

2.6. Sangue/ Hemoderivados

2.7. Dieta/ Alimentação

2.8. Oxigênio/ Gás/ Vapor

2.9. Dispositivos/ Equipamento Médico

2.10. Comportamento

2.11. Acidentes do Paciente

2.12. Infraestrutura/ Edifício/ Instalações

2.13. Recursos/ Gestão Organizacional

3. 10 CLASSES DE ALTO NÍVEL

3.1. Tipo de incidente

3.2. Consequencias para o paciente

3.3. Caracteristicas do incidente

3.4. Fatores contribuentes

3.5. Consequencias Organizacionais

3.6. Detecção

3.7. Fatores de atenuantes do dano

3.8. Ações de melhoria

3.9. Ações para redução do risco

4. CULTURA DE SEGURANÇA

4.1. Apresenta 5 atributos de Alto Nível

4.1.1. Cultura onde todos aceitam a responsabilidade ou segurança deles proprios, seus colaboradores e pacientes

4.1.2. Cultura que prioriza a segurança a fins lucrativos

4.1.3. Cultura que estimula e recompensa a identificação, comunicação e resolução de questões de segurança

4.1.4. Cultura que estimula a aprendizagem organizacional com os eventos adversos

4.1.5. Cultura que fornece recursos, estrutura e responsabilidade apropriados para manter sistemas de segurança eficazes

5. ANÁLISE DE CAUSA RAIZ

5.1. Processo para identificar os fatores que contribuíram para o incidente

6. AÇÕES DE MELHORIA

6.1. Ação empreendida para melhorar ou compensar qualquer dano depois de um incidente