MUNDOS SONOROS ASIÁTICOS

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
MUNDOS SONOROS ASIÁTICOS por Mind Map: MUNDOS SONOROS ASIÁTICOS

1. CONJUNTOS DE GAMELÃO - INDONÉSIA. Participam da corte porque as músicas são elaboradas e refinadas, rememoram as artes musicais, e são vinculadas às antigas cortes e palácios As práticas tradicionais estão em sintonia também com a cosmologia da Indonésia. Em suas funções especiais nos palácios os conjuntos de gamelão são respeitados bem como, seus instrumentos musicais. Fora da corte os conjuntos de Gamelão podem se apresentar em espaços educativos e estações de rádio.

1.1. CONJUNTOS DE GAMELÃO NA VIDA SOCIAL. A formação do conjunto ocorre conforme o evento social. Existem dois tipos: Aqueles com bastante volume como tambores e instrumental de metal mais sonoros ,atuam em procissões, festivais e outros espaços abertos e públicos. Para o público mais intimista, geralmente em locais fechados, contam com instrumentos musicais menos sonoros , incluindo a presença vocal.

2. ARTES PERFOMATIVAS INDIANAS. A música clássica indiana está sempre ligada à religião e esta à arte, na música e na dança, são inseparáveis. É uma música devocional, mantendo as divindades ativas. As músicas comerciais produzidas para o cinema tem ligações devocionais, embora não tenha proposta religiosa.

2.1. MÚSICA CARNÁTICA: Presente no sul da Índia, identificadas por 3 camadas sonoras: melodia (por meio dos ragas), rítmo/percurssão( por meio de talas) e o pedal

3. DRAMAS MUSICAIS JAPONESES. Os principais elementos que compõem parte dos dramas musicais japoneses e chineses se dividem entre personagens e orquestra. Características dos personagens: * homens jovens e de inclinação ao romance, que utilizam registro vocais agudos e falsetes; * Velhos sábios e respeitados que geralmente têm vozes graves;* Guerreiros, que utilizam voz de peito e tem em suas performances a recorrência dos acrobacias;* Personagens masculinos cômicos, que utilizam mais o registro da voz falada e; Jing (rosto pintado) que pode ser guerreiro, bandido ou mesmo um deus e geralmente tem voz rouca e artificial.

3.1. Orquestra: Tambores , gongos, címbalos, sopros e cordas(especialmente para introduzir e acompanhar as canções). Canções: Têm variedade de formas e estilos vocais ( da fala,fala estilizada ao cômico); As canções são o centro e dramatizam a ópera (sugerem os sentimentos e estados psicológicos dos cantores); São coletadas de melodias existentes e ajustadas para os novos textos; O ideal estético da ópera de Pequim é combinar melodia com potência emocional da letra.

4. Os elementos em sua maioria foram grandes novidades, conhecimentos importantes sobre culturas, religiões, e características diversas da história e das civilizações. Em toda a Ásia as artes ancestrais são mantidas vivas por meio da transmissão do conhecimento de geração a geração.Impressionante a maneira de como as crianças são introduzidas na arte da dança e na música, de forma oral , ouvindo e imitando o som da voz da professora nos instrumentos. Sensação muito prazerosa em conhecer culturas diferentes, ouvir os sons com toda a sua cosmologia.