Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Apoptose por Mind Map: Apoptose

1. Também conhecida como morte programada. É uma via de morte celular, induzida por um programa de suicídio estritamente regulado no qual as células destinadas a morrer ativam enzimas que degradam seu próprio DNA e as proteínas nucelares e citoplasmáticas.

2. Características

2.1. Ocorre em células isoladas

2.2. Encolhimento celular

2.3. Condensação e fragmentos do núcleo

2.4. Quebra do citoesqueleto

2.5. Quebra da cromatina

2.6. Depende de cassasse, com gasto de energia

2.7. Fagocitóse

2.8. Formação de corpos apoptóticos

3. Situações fisiológicas

3.1. Destruição programada de células durante a embriogênese

3.2. Involução dependente de hormônios nos adultos

3.3. Deleção em populações celulares em proliferação. (Homeostase)

3.4. Morte de neutrófilos e linfócitos após as respostas imunes

3.5. Involução de

4. Situações patológicas

4.1. Lesões celulares em certas doenças virais

4.2. Atrofia patológica

4.3. Uma variedade de estímulos nocivos fornecidos em baixas doses

4.4. Morte celular em tumores benignos e malignos

5. Mecanismos

5.1. Vias Extrínsecas

5.1.1. Iniciada pela ativação de receptores de morte celular em várias células

5.1.2. Proteína adaptadora FADD

5.1.3. Receptores de membrana que possuem domínio de morte

5.1.4. Ativação da pró-caspase 8, ativando uma cascata de caspases.

5.1.5. Via inibida pela proteína ligante FLIP

5.2. Via Intrínseca

5.2.1. Principal mecanismo de apoptose

5.2.2. Ativação de enzimas-caspases

5.2.3. Alteração na permeabilidade mitocondrial

5.2.4. Respostas governadas por vias apoptóticas intrínsecas ou mitocondriais

5.2.5. Extravasamento do citocromo C

5.2.6. Ativação de caspase 9

5.2.7. APAF - fator ativador de protease apoptótica, no citoplasma

5.2.8. Apoptossomo

5.2.9. Liberação de moléculas pó- apoptóticos

5.3. Ativação de caspases

5.4. Caspases inicializadoras: 2, 8, 9 e 10

5.5. Caspases efetoras ou executoras: 3, 6 e 7

6. Reguladores negativos

6.1. Proteínas anti- apoptóticas para sobrevivência da célula

6.2. Proto- oncogenes

6.3. Câncer - genes supreexpressos

7. Reguladores positivos

7.1. Proteínas pró- apoptóticas para morte

7.2. Genes supressores tumorais

7.3. Câncer - genes inativo

8. Morfologia

8.1. Retração celular

8.2. Organelas mais compactas

8.3. Condensação cromatina

8.4. Fagocitose

8.5. Não inicia uma resposta inflamatória

8.6. As membranas plasmáticas permanecem intacta, mas sua estrutura é alterada

8.7. Formação de corpos apoptóticos, que contém porções do citoplasma e núcleo

9. Apoptose ocorre normalmente durante o desenvolvimento e por toda a vida, e é destinada a eliminar células envelhecidas ou potencialmente perigosas e indesejáveis.