Oncologia

Oncologia

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Oncologia por Mind Map: Oncologia

1. Esses eventos são regulados por uma grande quantidade de genes, que, ao sofrerem mutações podem ter seus produtos expressos de maneira alterada, iniciando a formação de um tumor

2. Câncer tem a origem latina "Karkinas", significa carangueijo; Tem esse nome por conta das veias que se formam para alimentar o tumor terem a aparência das patas de um carangueijo.

3. A palavra vem do Grego onde onco significa tumor e logia significa estudo, portanto é o estudo dos tumores.

4. Os tumores podem ser:

4.1. Benignos são autolimitantes não se disseminam entre tecidos adjacentes, nem formam metástase, mas podem causar problemas

4.2. Malignos mostram crescimento ilimitado podem se disseminar tanto para os tecidos vizinhos quanto por metástases

4.3. Metástases quando algumas células neoplásicas entram na corrente sanguínea ou linfática e atingem outros órgãos podendo formar outro foco tumoral

5. Tratamentos:

5.1. Cirurgia

5.2. Radioterapia

5.3. Quimioterapia

5.4. Transplante de medula óssea

5.5. Em muitos casos, é necessário combinar essas modalidades

6. Câncer

6.1. O câncer é uma doença genética, pode ocorrer de forma esporádica ou hereditária, pois a Carcinogênese sempre inicia com dano no DNA.

6.2. A formação das neoplasias se dá pelo desequilíbrio entre a proliferação celular (ciclo celular) e a apoptose (morte celular programada)

7. Quimioterápicos

7.1. Tipos de Quimioterápicos:

7.1.1. Quimioterapia Prévia, Neoadjuvante ou Citorredutora

7.1.2. Quimioterapia Adjuvante ou Profilática

7.1.3. Quimioterapia Curativa

7.1.4. Leocopêmia

7.2. Pode afetar células normais

7.3. É um tipo de tratamento, em que se utilizam medicamentos para combater o câncer

7.4. Eles são aplicados, em sua maioria, na veia, podendo também ser dados por via oral intramuscular, subcutânea, tópica e intratecal

7.5. Efeitos Adversos:

7.5.1. Queda de Cabelo

7.5.2. Diarreia

7.5.3. Prisão de Ventre

7.5.4. Enjoo e Vomito

7.5.5. Feridas na Boca

7.5.6. Anemia

7.5.7. Tobocitopêmia

7.5.8. Hiperpigmentação

8. Métodos e Diagnósticos

8.1. Sinais e Sintomas

8.1.1. Disfagia

8.1.2. Caroços

8.1.3. Lesões de pele.

8.1.4. Dor inexplicável

8.1.5. Nódulo na mama.

8.1.6. Sangue nas fezes.

8.1.7. Tosse e rouquidão

8.1.8. Nódulo na tireoide.

8.1.9. Nódulo na próstata.

8.1.10. Sangramento vaginal.

8.1.11. Sangramento sem razão

8.1.12. Ferida que não cicatriza

8.1.13. Tosse com expectoração sanguinolenta.

8.1.14. Mudança na rotina intestinal

8.1.15. Alteração no hábito de urinar

8.1.16. Perda de peso não intencional

8.2. Na busca de um diagnóstico são utilizados recursos tecnológicos como

8.3. Computadorizadas

8.4. Ultrassonografias

8.5. Ressonâncias magnéticas

8.6. Exames laboratoriais gerais e específicos

8.7. Além dos exames físicos