RAÍZES DO CAFÉ NO BRASIL

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
RAÍZES DO CAFÉ NO BRASIL por Mind Map: RAÍZES DO CAFÉ NO BRASIL

1. As raízes do café no Brasil foram plantadas no século XVIII

2. O café foi o principal produto de exportação da economia brasileira durante o século XIX e o início do século XX

2.1. A partir daí, o café foi difundido timidamente no litoral brasileiro, rumo ao sul, até chegar à região do Rio de Janeiro, por volta de 1760.

3. Quando as mudas da planta foram cultivadas pela primeira vez, que se tem notícia, por Francisco de Melo Palheta, em 1727, no Par

4. Entretanto, sua produção em escala comercial para exportação ganhou força apenas no início do século XIX.

4.1. A produção do café no Brasil expandiu-se a partir da Baixada Fluminense e do vale do rio Paraíba, que atravessava as províncias do Rio de Janeiro e de São Paulo

5. Os capitais iniciais para a produção do café vieram dos próprios fazendeiros e comerciantes, principalmente os que conseguiram acumular capital com o impulso econômico verificado após a vinda da Família Real ao Brasil, a partir de 1808.

5.1. Em 1836 e 1837, a produção cafeeira superou a produção açucareira, tornando o café o principal produto de exportação do Império.

5.1.1. Os grandes latifundiários produtores de café, os chamados “Barões do café”, enriqueceram-se e garantiram o aumento da arrecadação por parte do Estado imperial.

5.1.1.1. O café foi, dessa forma, um dos principais esteios da sociedade brasileira do século XIX e início do XX.

5.1.1.2. Garantiu o acúmulo de capitais para a urbanização de algumas localidades do Brasil, como Rio de Janeiro, São Paulo e cidades do interior paulista, além de prover inicialmente os capitais necessários ao processo de industrialização do país e criar as condições para o desenvolvimento do sistema bancário.