Deuses da mitologia

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Deuses da mitologia por Mind Map: Deuses da mitologia

1. Hades: Apesar de ser irmão de Zeus e de Posêidon, ele não vivia no Monte Olimpo. Esse era o deus dos mortos e dominava seu próprio território, uma espécie de submundo. Mas, calma, segundo a mitologia, ele não era um deus mau. Hades é o deus grego do submundo, do reino dos mortos, e na mitologia romana, ele é chamado de Plutão. Também é chamado de deus da riqueza porque possui todos os metais preciosos do planeta. Reside e governa o lugar mais sombrio da Terra, para onde vão as almas dos mortos. Dono de uma personalidade impiedosa, Hades era repugnante, insensível, monstruoso e poucos tinham coragem de pronunciar seu nome. Assim, na mitologia grega ele é considerado o mais temido dos deuses.

2. Pensamento mítico para as sociedades antigas: O pensamento mítico, como já referido, é aquele que se contrapõe ao pensamento científico, pois não requer comprovação. Ainda assim, até mesmo nas sociedades contemporâneas, o mito se impõe como ferramenta de poder, enquanto forma determinada de fora para dentro de interpretar a realidade. Ao mesmo tempo, nas sociedades antigas, o pensamento mítico está presente como elemento de organização da sociedade. Através da crença, as sociedades se organizam, encontram paradigmas a serem seguidos e justificativas para as suas próprias estruturas de ordenamento.

3. Deméter: Deméter é a deusa da agricultura, da vegetação, da colheita e das estações do ano. Uma das irmãs de Zeus, teve uma filha com ele, que recebeu o nome de Perséfone. Esta, por sua vez, sob consentimento de Zeus, foi raptada e violentada pelo deus do submundo, Hades. Muito triste com a situação, Deméter parou as estações do ano, impediu que as planta produzissem e saiu do Olimpo. Isso fez com o que a vida na Terra fosse praticamente dizimada. Para reverter a situação, Zeus fez um acordo com Hades para resgatar sua filha. Porém, antes que ela partisse fez com que ela comesse uma romã, o fruto proibido. Por conta disso, ela ficou ligada a ele um terço do ano. Assim, durante a primavera, verão e outono ela fica com a mãe, e no inverno, parte para o submundo, provocando muita tristeza em Deméter.

4. Afrodite: Deusa do amor, da sexualidade e da beleza, existem duas versões diferentes a respeito do nascimento de Afrodite. Em uma delas, ela é filha de Zeus e Dione, deusa das ninfas. Na outra, Zeus cortou os testículos de Urano, pai de Afrodite, e os jogou no mar. Em volta deles surgiu uma espuma, que misturada com o mar, originou a deusa. Por conta de sua inegável beleza, era muito vaidosa, charmosa, sedutora e vingativa. Teve muitas rivalidades com Hera, Perséfone e Atena Foi obrigada a casar-se com Hefesto, mas sentindo-se infeliz, traiu seu marido com Ares, com quem teve sete filhos: Antero, Deimos, Eros, Fobo, Harmonia, Himeros e Pothos. Teve, ainda, relacionamentos com Adônis, Apolo, Anquises, Hermes, Dionísio e com inúmeros mortais.

5. Posêidon: O deus dos mares, era o irmão mais velho de Zeus, o mais tranquilo, segundo algumas versões da mitologia. Ele governava os oceanos, permitia ou desfazia tsunamis e tempestades marinhas. Poseidon mandava nos peixes, na baleias e demais animais marinhos. Com seu tridente, ele provoca as tempestades e os terremotos e sua fúria é uma das mais marcantes entre os deuses gregos.

6. Ares: Ares é filho de Zeus e Hera, e recebe o título de deus da guerra. Os traços mais marcantes de sua personalidade são o comportamento selvagem e o temperamento agressivo. Foi banido do Olimpo durante algum tempo por ter tido um caso com Afrodite, que era esposa de Hefesto. Desse relacionamento nasceram diversos filhos, entre eles, Eros, Harmonia, Pothos, Himeros, Fobos e Deimos. Era um deus muito impopular, tanto entre os mortais, quanto entre os demais deuses. Era odiado, até mesmo, por seus pais e nenhuma cidade grega o quis como patrono. Seu comportamento em campos de batalha era brutal e insaciável, sempre com desejo de conflitos e sangue.

7. Zeus: O deus do trovão, dos raios e relâmpagos. Zeus tinha um grande desejo sexual, teve muitas mulheres, vários filhos. A principal mulher era Hera. Ele era o líder dos deuses do Olimpo, o deus responsável pela terra e céus. Apesar de ser um dos mais famosos deuses gregos, Zeus era apenas o filho mais novo de Cronos e Réia. Mesmo assim, acabou se tornando o líder dos deuses gregos do Monte Olimpo. Ele é considerado o símbolo da Justiça e da ordem, mesmo que para isso precisa enviar relâmpagos construídos pelos ciclopes. Ele teve várias esposas e casos extraconjugais com deusas, ningas e até mesmo com humanas.