Atenção Primaria à Saúde (APS)

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Atenção Primaria à Saúde (APS) por Mind Map: Atenção Primaria à Saúde (APS)

1. Prevenção; Promoção, Tratamento e Reabilitação da saúde.

1.1. Programa Nacional de Controle da Hanseníase (PNCH)

1.1.1. Dispensação de medicamentos;

1.1.1.1. Poliquimioterapia (PQT)

1.1.1.1.1. Rifampicina

1.1.1.1.2. Dopsona

1.1.1.1.3. Clofazimina

1.1.2. Acolhimento;

1.1.2.1. ENFERMAGEM

1.1.2.1.1. Detectar os portadores

1.1.2.1.2. Avaliação das lesões

1.1.2.1.3. Exames

1.1.2.1.4. Técnicas de autocuidados

1.1.2.1.5. Auxílio para aliviar os estigmas

1.1.3. Prevenção de incapacidades e deformidades

1.1.3.1. Tratamento correto

1.1.3.1.1. 6 meses

1.1.3.1.2. 1 ano

1.1.3.2. Compromisso e Participação

1.1.3.2.1. Garantia da cura

1.1.3.2.2. Redução de sequelas

1.1.3.2.3. Quebra da cadeia de transmissão

1.1.3.3. Abandono

1.1.3.3.1. Falta de medicação na UBS

1.1.3.3.2. Baixa escolaridade

1.1.3.3.3. Baixo engajamento do paciente e familiares

1.1.3.3.4. Efeitos colaterais

1.1.3.3.5. Baixa orientação por parte dos profissionais

1.2. Programa Nacional de Controle da Tuberculose (PNCT)

1.2.1. Vigilância

1.2.1.1. ACS

1.2.1.1.1. Visitas domiciliares

1.2.1.1.2. Identificação dos sintomas respiratórios

1.2.1.1.3. Auxilio no acompanhamento do tratamento

1.2.1.1.4. Entrega do material para coleta do escarro

1.2.2. Prevenção

1.2.2.1. Vacina BCG em recém nascidos

1.2.3. Tratamento

1.2.3.1. No mínimo 6 meses e sobre regime TDO

1.2.3.1.1. Rifampimicina; Isoniazida; Pirazinamida; Etambutol

1.2.3.1.2. Redução da taxa de incidência

1.2.3.1.3. Diminuição do abandono

1.2.3.1.4. Redução na mortalidade

1.2.3.2. ENFERMAGEM

1.2.3.2.1. Acompanhamento do sujeito e familiares

1.2.3.2.2. Consulta de enfermagem

1.2.3.2.3. Estratégias do cuidado

1.2.3.2.4. Escuta qualificada

1.2.3.2.5. Supervisão da equipe

1.2.3.2.6. Busca ativa

1.2.4. Diagnóstico

1.2.4.1. Cultura do Escarro

1.2.4.2. Teste Rápido Molecular

1.2.4.3. Baciloscopia Direta do Escarro

1.3. Equipe Multiprofissional

1.3.1. Enfermeiro

1.3.2. Médico

1.3.3. ACS

1.3.4. NASF

1.3.5. Outros

1.4. Dificuldades

1.4.1. Diversidade das atividades desenvolvidas na UBS

1.4.2. Falta de capacitação profissional

1.4.3. Sobrecarga de trabalho

1.4.4. Ausência da interdisciplinariedade