Estrutura das revoluções cientificas

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Estrutura das revoluções cientificas por Mind Map: Estrutura das revoluções cientificas

1. Indutivo: Karl popper

1.1. Trata da premissa pela falsidade

1.2. Questiona a lei

1.2.1. Alego que a lei é inconstitucional

2. Alguns conhecimentos mitológicos possuem um fundo de verdade

2.1. Passam por um estudo cientifico que faz a determinação se o mesmo é verídico ou não.

2.1.1. Paradigma: Resultado do estudo cientifico

2.1.2. Dogma: Comprovação, consolidação de tal estudo.

2.1.2.1. Inquestionável, a qualquer momento pode entrar em crise (dúvidas por não responder aos anseios) .

2.2. Exemplo mítico sem embasamento cientifico: Deixar o chinelo virado a mãe morre

2.3. Exemplo mítico com embasamento científico: Plantar algo em determinada lua.

3. Thomas Kuhn

3.1. 1° fase: Pré ciência

3.2. Historia NÃO é linear

4. Fases

5. Lei 13.146/2015- Lei da inclusão

5.1. Quebra de paradigmas

5.2. Equidade: Dar para cada um que ele precisa.

6. Dedutivo: Parte do geral para o particular

6.1. Parte de uma premissa verdadeira

6.2. Subsunção (direito): premissa geral - lei - fato especifico = aplica a pena