Farmácia Comunitária PES

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Farmácia Comunitária PES por Mind Map: Farmácia Comunitária PES

1. Problemas

1.1. Gastos de R$20 mil por mês

1.2. Gastos com descartes

1.3. Dificuldades em acompanhar o tratamento de idosos

1.4. Não consegue visualizar os medicamentos que saiu no dia anterior, muito menos fazer previsão de demanda a não ser os sazonais.

1.5. Sistema limitante

1.6. Controle de vencimentos

2. Soluções já praticadas

2.1. Redução de custo: parceria com farmácias particulares para reduzir custos de descarte

2.2. Dispensação para outras farmácias comunitárias quando tem medicamentos em abundância.

2.3. Através do sistema é possível saber se o medicamento está na estante geral, na estante de hormônios ou na estante de colírios.

3. Controle

3.1. Sistema CIS-ERP

3.2. WMS - controle de entradas no estoque e respectivas dadas de vencimento.

3.3. Visualização da estante na qual o medicamento foi acomodado

3.4. Restrições: 4 receitas por paciente - 25 senhas diárias.

3.5. Não trabalha com medicamentos controlados

4. Dificuldades

4.1. Idosos que não sabem o que é esquerdo ou direito e que não consegue controlar seus medicamentos. Atendimento mais humanizado.

4.2. Diminuir o tempo na procura por medicamento para ser mais eficiente e não gerar filas.

4.3. Precisa ser liberado o acesso ao número que busca o relatório de todos os medicamentos que saíram.

5. Possíveis Soluções

5.1. kanban: cores por data de vencimento ou tempo no estoque.

5.2. Power BI: gráficos que mostre relação por tempo em estoque, relação por data de vencimentos e gráfico de previsão de demanda com base nos meses anteriores.

5.3. Analise de custos internos: identificação de custos desnecessários (lâmpadas, equipamentos em standby), relatório mensais e anuais.

6. Impactos

6.1. Pacientes de fora do munícipio são atendidos no lugar dos Joseenses.

6.2. Restrição de receitas: munícipe não consegue pegar para toda família, gerando mas viagens até a farmácia.