Enfermagem no Ceará

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Enfermagem no Ceará por Mind Map: Enfermagem no Ceará

1. Curso de enfermeiras de emergência:

1.1. A ligação histórica entre religião e enfermagem é antiga. “A enfermagem sempre teve uma tradição fortemente holística e os enfermeiros a tem praticado com sensibilidade para as necessidades físicas, psicossociais e espirituais das pessoas”

2. Sobre a preservação da história e memória:

2.1. Pouco resta da História e memória da Enfermagem no Ceará e o que ainda existe se encontra disperso. Quase toda a documentação sobre o primeiro curso para enfermeiras, consequentemente documentos referentes à vida da primeira escola criada no Estado, a Escola de Enfermagem São Vicente de Paulo há exatamente sessenta e quatro anos, não mais existe, pelo menos preservada a nível institucional. A Escola foi fundada em 1943, passou no ano de 1955 a integrar as unidades didáticas da UFC, na condição de Escola agregada e, posteriormente, em 1975, a Escola é encampada pela UECE em 14 de março do ano citado.

3. As primeiras turmas de Enfermagem no Ceará:

3.1. A primeira turma de concludentes de Enfermagem, intitulada de "Pioneiras de 1946", foi composta de apenas cinco alunas. Todas elas cearenses: Aldenora M. de Moura, Carmen F. de Souza Leão, Maria Julieta Fernández, Maria Neves Bezerra (oradora) e Raimunda Rocilda Bedê de Almeida.

3.2. A segunda turma de concludentes de Enfermagem, formada em 1947, foi constituída de oito alunas e teve por Padroeira, Sta. Catarina Labouré, e por Paraninfo, Dom Antônio de Almeida Lustosa. Consta no quadro a menção à Diretoria Administrativa, sendo citados a Irmã Maria Breves, Diretora de Prática de Aula, o Dr. Jurandir Picanço, Diretor do Corpo Docente, e o Dr. Turíbio Motta, Inspetor Federal.

4. Base de Ensino

4.1. Um registro importante, uma vez que evidenciava a presença constante e vigília da Associação da categoria (Enfermagem) quanto às questões de formação de seus profissionais, atentas no direcionamento de seus conteúdos e áreas de ensino. Claro que mesmo tendo tido um grupo de Enfermeiras dirigentes da ABEn contrárias à implantação da nova ordem, como ocorreu também no Estado do Ceará, como já assinalado.