Mitose e Meiose

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Mitose e Meiose por Mind Map: Mitose e Meiose

1. INTERFASE: Fase do ciclo celular no qual a célula não está se dividindo.

1.1. G1: antecede a duplicação do DNA cromossômico.

1.2. S: o DNA cromossômico está sendo duplicado ( síntese do DNA)

1.3. G2: cromossomos duplicados

2. Objetivos da divisão celular: Reprodução, Reparar lesões, Crescimento do organismo e renovação de estruturas.

3. Origina 4 células, cada uma com metade do material genético da célula mãe. MEIOSE 1 e MEIOSE 2 (DUAS DIVISÕES SEQUENCIAIS)

4. MEIOSE:

5. MITOSE:

6. Origina 2 células idênticas a célula mãe, porém simples . Ocorre nas células somáticas. 2n=4

7. Função: Crescimento e regeneração tecidual

8. Prófase:

8.1. 1.Os cromossomos são condensados e o citoesqueleto se rompe pela fosforilação.

8.1.1. 2. a carioteca e o nucléolo se desorganizam e desaparecem.

8.1.1.1. 3.Organização dos centríolos e formação das fibras do fuso miótico (conjunto de microtúbulos)

9. Metáfase:

9.1. 1.grau máximo de espiralização dos cromossomos.

9.1.1. 2.cromossomos duplos alinhados lado a lado no centro da célula

9.1.1.1. 3.centríolos dispostos nos pólos opostos da célula

10. Anáfase:

10.1. 1.os cromossomos são divididos pelo centrômero e cada cromátide é puxada para as extremidades da célula.

10.1.1. 2.início da desespiralização dos cromossomos

11. Telófase:

11.1. 1.ocorre a citocinese (divisão do citoplasma)

11.1.1. 2.formação de duas células filhas contendo o mesmo número de cromossomos da célula mãe.

11.1.1.1. 3.formação de duas novas cariotecas e de dois novos nucléolos.

11.1.1.1.1. 4.cromossomos de despiralizam e as fibras do fuso desaparecem.

12. Meiose 1 Prófase 1:

12.1. 1.ocorre o crossing over (variabilidade genética)

12.1.1. 2.é a fase mais longa da meiose: .leptóteno .zigóteno .paquíteno .diplóteno .diacinese

13. Metáfase 1:

13.1. 1.cromossomos homólogos pareados, presos às fibras do fuso na placa equatorial da célula.

14. Anáfase 1:

14.1. 1.encurtamento das fibras do fuso

14.1.1. 2.cromossomos homólogos se separam, indo cada um para um lado da célula

14.1.1.1. 3.não ocorre divisão do centrômero!

15. Telófase 1:

15.1. 1. célula mãe (2n) origina duas células filhas (n)

15.1.1. 2.os cromossomos continuam duplos e não ocorre divisão do centrômero

15.1.1.1. 3.formação de duas novas cariotecas e de dois novos centrômeros (nem sempre!)

15.1.1.1.1. 4.os cromossomos se desespiralizam.

16. Meiose 2 Prófase 2:

16.1. 1.duplicação dos centríolos

16.1.1. 2.espiralização dos cromossomos.

16.1.1.1. 3.desaparecimento da carioteca e dos nucléolos.

17. Metáfase 2:

17.1. 1.cromossomos atingem o grau máximo de espiralização

17.1.1. 2.os cromossomos associam-se as fibras de fuso, alinhando-se no equador da célula

18. Anáfase 2:

18.1. 1.ocorre o encurtamento das fibras de fuso e a divisão do centrômero

18.1.1. 2.as cromátides-irmãs são puxadas para os polos das células

18.1.1.1. 3.duplicação dos centrômeros

19. Telófase 2:

19.1. 1.ocorre a citocinese, originando 4 células filhas

19.1.1. 2.as células filhas são haplóides (n)

19.1.1.1. 3.a carioteca e o nucléolo reaparecem e os cromossomos se descondensam