Animais vertebrados

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Animais vertebrados por Mind Map: Animais vertebrados

1. Mamíferos

1.1. Monotremados

1.1.1. Na natureza são encontrados o Equidnas (Tachyglossidae e o Ornitorrincos (Ornithorhynchidae)

1.1.2. são animais que têm como característica a capacidade de botar ovos

1.2. Marsupiais

1.2.1. São animais que se destacam pela forma como ocorre o desenvolvimento do filhote que ao nascer o filhote se mantem no marsúpio ate se desenvolver completamente

1.2.2. Exemplos na natureza os Gambás, Canguru, Coalas e o Vombate

1.3. Eutérios

1.3.1. São animais que se destacam por ter a presença de placentas complexas

1.3.2. O desenvolvimento desses mamíferos e completado totalmente no interior do útero

1.3.3. Exemplos de animais seriam as Baleias, Cavalos, Gatos, Cachorros ,Veados

2. Répteis

2.1. Crocodilia

2.1.1. Se caracteriza por ter um corpo revestido por placas córneas

2.1.2. Possuem quatro patas curtas e uma cauda que auxilia no nado

2.1.3. Possuem um coração com quatro cavidades completamente separadas

2.1.4. Exemplos na natureza: Crocodilos, Jacarés, Gaviais.

2.2. Squamata

2.2.1. São conhecidos como escamados, pois possuem corpo recoberto por escamas

2.2.2. São divididos em lagartos e cobras

2.2.3. Os lagartos apresentam quatro patas e as cobras são ápodes, ou seja sem membros

2.2.4. Exemplos na natureza: Jiboia, camaleão

2.3. Testudinata

2.3.1. Presença de casco ou carapaça a qual confere proteção ao corpo contra ataque de predadores

2.3.2. Ausência de dentes e presença de um bico com laminas córneas, permitindo capturar e cortar os alimentos

2.3.3. Exemplos na natureza: Tartarugas, cágados e jabutis

3. Aves

3.1. Carinatas

3.1.1. As carinatas são aves que possuem uma quilha no osso esterno, chamada carena e possuem músculos na região do peitoral que são responsável pelo batimento das asas possibilitando a ave voar

3.1.2. Exemplos na natureza: Araras, Pinguins, Garça, Águias, Tucanos

3.2. Ratitas

3.2.1. As ratitas são aves que não apresentam carena no esterno e assim são incapazes de voar

3.2.2. Exemplos na natureza: Avestruz e a Ema

4. Anfibios

4.1. Anuros

4.1.1. Quando adultos possuem patas e não apresentam cauda, a maioria deles tem o desenvolvimento indireto, com uma fase aquática na qual são denominados girinos.

4.1.2. Exemplos na natureza: sapos, rã, e pererecas

4.2. Urodelos

4.2.1. possuem um corpo alongado, patas curtas e uma cauda longa que utiliza para o nado em rios e lagos

4.2.2. Exemplos na natureza: salamandras e tritões

4.3. Ápodes

4.3.1. Se caracterizam-se pela ausência de patas e por possuírem um corpo cilindro composto por anéis

4.3.2. Exemplos na natureza: As cobras cegas

5. Peixes

5.1. Feiticeiras e lampreias

5.1.1. Lampréias - possuem um corpo cilíndrico e liso com uma boca circular com anel de cartilagem, é repleta de dentes córneos e língua raspadora cartilaginosa, e não a presença de mandíbula

5.1.2. Feiticeiras - desprovidos de mandíbula, com corpo cilíndrico alongado, esqueleto cartilaginoso

5.1.3. A maioria dos ciclostomados são anadromos, se reproduzem em agua doce ,porem se desenvolvem e passam grande parte da vida em agua salgada

5.2. Raias, quimeras e tubarão

5.2.1. Quimeras não possuem escamas, tem um opérculo que recobre a câmara branquial a barbatana dorsal é erétil

5.2.2. O corpo das arraias são achatados e suas nadadeiras peitorais unem-se aos lados da cabeça, sua boca situa-se na região ventral suas fendas branquiais encontram se por baixo da cabeça

5.2.3. Os Tubarões e compostos por um esqueleto cartilaginoso, e possuem uma cobertura de escamas placoides, que protegem sua pele de danos e parasitas, e melhoram a sua hidrodinâmica

5.3. Celacanto

5.3.1. Os Celacantos possuem a presença de nadadeira caudal de três lóbulos, também chamado de nadadeira trilobada e uma cauda secundária que se estende para além da cauda.

5.4. Peixes pulmonares

5.4.1. Os peixes pulmonados respiram por brânquias durante a fase jovem as quais são perdidas. quando o animal se desenvolve passa a respirar através de seus pulmões primitivos, porém não é um pulmão é uma bexiga natatória que atua como um pulmão