MÉTODOS DE CONTROLE DE PRAGAS

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
MÉTODOS DE CONTROLE DE PRAGAS por Mind Map: MÉTODOS DE CONTROLE DE PRAGAS

1. Os principais métodos de controle são: controle cultural, controle químico e controle biológico

1.1. CONTROLE CULTURAL

1.1.1. Caracteriza-se pela utilização de medidas capazes de afetar a disponibilidade de alimento ao inseto e que pode reduzir a incidência da praga.

1.1.2. Tais medidas, como técnicas de preparo do solo, rotação de culturas, aração e gradagem, época de semeadura, manejo de plantas daninhas, adubação verde, uso de cultivares resistentes, destruição de restos culturais, contribuem de maneira marcante no combate as pragas de diversas culturas.

1.2. CONTROLE QUÍMICO

1.2.1. É atualmente o método mais utilizado tanto por pequenos, médios e grandes produtores, e consiste no uso de produtos químicos (inseticidas, fungicidas, bactericidas, herbicidas, etc) para se controlar pragas e doenças.

1.2.2. O uso de produtos químicos vem sendo reduzido, pois, na maioria das vezes, ocasionam o desenvolvimento de populações resistentes do inseto, o aparecimento de novas pragas ou a ressurgência de outras.

1.2.3. Só deve ser utilizado quando a praga atingir níveis populacionais críticos ou atingir dano que justifique o custo do tratamento e os riscos ao homem e ao ambiente.

1.3. CONTROLE BIOLÓGICO

1.3.1. É um processo natural que se constitui no controle de populações com o uso de inimigos naturais.

1.3.2. É um dos principais suportes do Manejo Integrado de Pragas (MIP), e caracteriza-se pela manutenção dos inimigos naturais existentes, ou pela criação e liberação de predadores, patógenos e parasitóides, sendo, a manutenção dos inimigos naturais feita, preferencialmente, pela aplicação de produtos seletivos, visando sua preservação a fim de se evitar possíveis desequilíbrios, com o aumento no surto dos insetos-praga.