Planejamento estratégico em uma unidade de saúde básica

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Planejamento estratégico em uma unidade de saúde básica por Mind Map: Planejamento estratégico em uma unidade de saúde básica

1. Definir fluxos e objetivos

1.1. Definir como os processos deverão ser efetuados para melhor desempenho

1.1.1. Ter conhecimento de como o fluxo era definido anteriormente para criação de novos protocolos em caso de melhorias

1.1.1.1. Fazer levantamento e observações de cada processo de atendimento e andamento das solicitações dos usuários

2. Analisar resultados anteriores

2.1. Usar como base de dados, para ter um parâmetro em futuras análises

2.1.1. Caso não tenha dados anteriores, efetuar levantamento de dados atuais

2.1.1.1. Como nível de satisfação dos usuários, através de pesquisas de satisfação e ouvidorias e também volume de atendimento

3. Definir estratégias em situações de oportunidades e ameaças

3.1. Prever possíveis situações em que a tomada de decisão deverá ser planejada com rapidez

3.1.1. Estar presente e ciente do cotidiano, para ter conhecimento da realidade das situações correntes

4. Coletar dados para análise de resultados pós mudanças em processos

4.1. Efetuar periodicamente análise dos principais índices de qualidade nos processos auxiliando na tomada de decisões e mudanças em processos que não estejam atingindo a expectativa

4.1.1. Efetuar tais análises para saber quando é necessária efetuar mudanças para melhor aproveitamento no ambiente de trabalho

5. Organizar o uso de recursos nas melhorias em processos

5.1. Organização e clareza facilitam o controle e a execução do trabalho no cotidiano

5.1.1. Desorganização facilita a ocorrência de erros, que na área da saúde não podem ocorrer, por colocar em risco a saúde e a vida do paciente

6. Usar Tecnologia para facilitar o controle e análise de dados

6.1. Usar ferramentas tecnológicas como facilitadora no controle e análise de índices para tomada de decisões

6.1.1. Capacitando os profissionas para alimentar tais sistemas

6.1.1.1. A rapidez na análise e repasse de informações é de extrema importância na era digital em estamos vivendo, tornando o mercado de trabalho cada vez mais concorrido

7. Treinar e Capacitar profissionais para atingir melhores níveis de aproveitamento

7.1. Profissionais bem capacitados desenvolvem as atividades mais eficientemente, melhorando a qualidade do serviço

7.1.1. Compartilhar conhecimento sobre diretrizes do SUS e índices de financiamento

7.1.1.1. Há grande problema na falta de capacitação dos profissionais o que gera retrabalho, quando a equipe é bem instruída o processo é feito com qualidade e eficiência

8. Plano de contingência, estar preparado para mudanças repentinas

8.1. Prever possíveis situações problemáticas, para saber identificar sinais de alerta e assim estar apto para rápida tomada de decisões, evitando danos desnecessários.

8.1.1. Ter visão administrativa de como o sistema funciona e quais possíveis dificuldades possam aparecer