Doenças Bacterianas

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Doenças Bacterianas por Mind Map: Doenças Bacterianas

1. Cárie Dentaria

1.1. Cárie Dentária e uma patologia causada por bactérias que proliferam na boca.

1.2. Como prevenir: ‣Para prevenir e essencial uma boa saúde bocal.

2. Disenteria

2.1. Disenteria pode ser causada por bacilo ou ameba, que é um protozoário.

2.2. Sintomas: ‣ Inflamação do intestino ‣ Cólicas e diarreias intensas ‣ Muco e sangue nas fezes

2.2.1. Transmissão: É feita por água e alimentos contaminados.

2.3. Como prevenir: ‣hábitos higiênicos necessários na utilização da água, verduras, frutas e legumes.

3. Meningite

3.1. A principal causadora da meningite e uma bactéria diplococos chamada de Meningococo.

3.1.1. Meningite é a inflamação das meninges e pode ser causada por bactérias, por vírus ou por amebas.

3.2. Sintomas: ‣ Febre ‣ Rigidez na nuca ‣ Náusea e vômito ‣ Sensibilidade à luz

3.2.1. Transmissão: É feita pelo ar e tambem por meio de copos, pratos e talheres usados por doentes e na esterilizados adequadamente.

3.3. Como prevenir: ‣ Consiste na vacinação e no cuidado com a utilização de talheres, copos, etc.

4. Hanseníase (Lepra)

4.1. Hanseníase também conhecida como Lepra é causada por bacilo.

4.1.1. já foi um verdadeiro flagelo para a humanidade mais atualmente é uma doença controlada.

4.2. Sintomas: ‣ manchas claras ou vermelhas ‣ diminuição da sensibilidade ‣ dormência e fraqueza nas mãos e nos pés

4.2.1. Transmissão: É feita pelo contato direto com o doente.

4.3. Como prevenir: ‣ Feito com antibióticos ‣ Tomar a vacinação com BCG (bacilo Calmette-Guerin)

5. Tuberculose

5.1. Tuberculose é uma doença causada pelo bacilo de Koch que foi descoberta pelo cientista alemão Heinrich Hermann (Robert) Koch, no ano de 1882.

5.2. A maioria das pessoas infectadas com a bactéria que causa a tuberculose não apresenta sintomas. Quando ocorrem, os sintomas geralmente incluem: ‣ Tosse (às vezes, com sangue) ‣ Perda de peso ‣ sudorese noturna e febre

5.2.1. Transmição: É feita pelo ar.

5.3. Como prevenir: ‣ Feito com antibióticos ‣ Tomar a vacinação com BCG (bacilo Calmette-Guerin).

6. Tétano

6.1. Tétano é causado pelo Clostridium tetani, um bacilo que produz uma substancia altamente tóxica para o sistema nervoso, provocando fortes contrações musculares e muita dor.

6.1.1. Essa é uma doença grave, com alto índice de mortalidade se não houver atendimento logo nos primeiros sintomas.

6.2. Sintomas: ‣ Espasmos musculares ‣ Rigidez dos músculos do pescoço ‣ Febre inferior a 38ºC ‣ Músculos da barriga duros e doloridos ‣ Dificuldade para engolir ‣ Sensação de estar cerrando os dentes com força ‣ Presença de feridas infectadas

6.2.1. Transmição: É feita pela introdução dos esporos da bactéria em ferimentos externos, geralmente perfurantes, contaminados com terra, poeira, fezes de animais ou humana.

6.3. Devido à vacinação, sua incidência diminuiu consideravelmente ao longo dos anos de 1980 a 2000

6.3.1. Como prevenir: ‣ Andar sem com os pés calçados ‣ Manter o esquema de vacinação em dia

7. Cólera

7.1. Essas bactérias, que se reproduzem rapidamente, liberam uma toxina que afeta as células intestinais, provocando grande perda de água e de sais minerais e dificultando a absorção de nutrientes. Mais isso só ocorre por falta de assistência medica pois o tratamento é relativamente simples

7.1.1. Cólera é causada por uma bactéria do tipo vibrião, cujo nome científico é Vibrio cholerae popularmente conhecido por vibrião da cólera.

7.2. Sintomas: ‣ diarreia ‣ desidratação ‣ choque hemorrágico (raramente) ‣ convulsões ( casos graves)

7.2.1. Transmição; É feita pelo consumo de água e alimentos contaminados.

7.3. Tratamento: ‣ O tratamento inclui reidratação ‣ transmissão intravenosa de fluidos (IV) e antibióticos.

7.3.1. Como prevenir: ‣ Consumo de água com o devido tratamento e ingerir apenas alimentos corretamente lavados ou cozidos. ‣ Atenção ao consumo de frutos do mar, especialmente ostras, mexilhões e outros moluscos, além dos peixes.

8. Sífilis

8.1. Sífilis e causada pelo espiroqueta Treponema pallidum.

8.2. Sintomas ( São divididos em três etapas) ● Primeira etapa: ‣ A primeira etapa envolve uma ferida indolor na genitália, no reto ou na boca. Após a cura da ferida inicial. ● Segunda etapa: ‣ A segunda etapa é caracterizada por uma irritação na pele. Depois, não há sintomas até a fase final, que pode ocorrer anos mais tarde. ● Terceira etapa (final): ‣Essa fase final pode resultar em danos para cérebro, nervos, olhos ou coração.

8.2.1. Transmissão: Sífilis pode ser transmitida por relação sexual sem camisinha com uma pessoa infectada, ou ser transmitida para a criança durante a gestação ou parto

8.3. Como prevenir: ‣ Uso correto e regular da camisinha feminina ou masculina. ‣ O acompanhamento das gestantes e parcerias sexuais durante o pré-natal de qualidade contribui para o controle da sífilis congênita

8.3.1. Tratamento: ‣ A sífilis é tratada com penicilina. Os parceiros sexuais também devem ser tratados.