Platinum - 2 encontro

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Platinum - 2 encontro por Mind Map: Platinum - 2 encontro

1. (Pri) Mari Fazi - Fazer grandes vitórias em todos os módulos, então a pessoa tem muito resultado em dinheiro em todos. Cada um trabalhando um pilar importante do negócio.

2. Priscila Zilo

2.1. (Daniel) Falou que um dos erros que tava cometendo era nao testar as páginas o suficiente. Fiz um post na comunidade sobre como ela está fazendo esses testes e se encontrou alguma mudança especifica que ajudou mais

2.2. (Nath) Falou sobre usar cada canal de comunicação de uma forma específica para não saturar a lista. Email para relacionamento, gravação das aulas etc e WhatsApp para bombar as aulas ao vivo. Atualmente enviamos as mesmas mensagens em todos os canais.

2.3. (Marcela) Lives 3 vezes por dia, de manhã, de tarde e de noite, para pegar audiências diferentes e sem divulgar/notificar, para intensificar comunicação de forma natural... "Estou aqui de bobeira, tomando um café e quem sabe tem alguém aqui com dúvida sobre?"

2.4. (Camila) - Fazer pitch TODOS os dias até abertura de carrinho

2.5. (Kate) - Um passo atrás nas superproduções que desviavam o foco principal do CPL (conteúdo, venda, transformação)

3. Damasio

4. Luciana Fiaux

4.1. (Lucas) Aproveite a oportunidade para cobrir os pontos cegos com um novo produto.

4.2. (Kate) Live Olho Mágico - amostra

4.3. (Kate) Parceria com outros experts (?)

4.4. (Kate) Produtos que são bonus de outros e que podem ser vendidos separadamente

5. Pedro Sobral

5.1. (Daniel) iOS 14 - Já estamos fazendo tudo, com exceção da API do FB porque o Klickpages ainda não tem suporte pra isso (está em desenvolvimento) mas já está no nosso raio. Temos uma reunião marcada com nosso gerente do Facebook só pra falar disso.

5.2. (Karine) Sacada: a tecnologia está evoluindo rapidamente para se adaptar às demandas de privacidade dos usuários e se adaptar rapidamente é o segredo para não ficar para trás.

5.3. (Renan) Firmou o entendimento da diferença entre Conversão Personalizada e Evento e sobre a necessidade apenas de verificarmos eventos e não mais conversões personalizadas nos eventos agregados do dominio.

6. Karen -Planilhas

6.1. (Daniel) Existe um projeto dentro do time de tráfego pra transformar nossos relatórios em Dashboards. Agora compramos o curso pra ajudar a desenvolver isso

6.2. (Pri) Dashboard para todas as areas com dados relevantes que devem ser observados e estudados mais vezes (que merecem atenção)

6.3. (Camila) Substituir planilhas por dashboard com principais dados pra facilitar visualização, acompanhamento e tomada de decisões do lançamento

6.4. (Eder) Treinar toda equipe em excel e treinar Felipe em Dasboards e integração de planilhas excel/sheets com SQLserver, com prazo definido de conclusão do treinamento.

6.5. (Eder) Sentar com coordenadores e colher o que eles querem enxergar no Dashboard geral, as informações principais para os lançamentos integradas com Central, Monday, Tráfego e Mondar um dashboard com essas informações.

7. Tiago Tessmann

7.1. (Daniel) Testamos na última captação e foram absurdamente caros, sendo garanhão de estudo de caso ou conteúdo - Sacada: Tiago disse que quando o conteúdo é de uma palestra funciona melhor, vamos testar com esse recorte especifico

7.2. (Karine) Sacada: nos anúncios não buscar chamar atenção logo de cara com uma promessa, prender a atenção de quem está assistindo o anúncio entregando primeiro um conteúdo de valor.

7.3. (Renan) Apesar da relação causa-efeito dos resultados exibidos dos chamados "criativo de valor" não serem claros, ainda podemos testar este formato de criativo com os nossos melhores nutellas de conteúdo que foram produzidos a pouco tempo. Acho que é valido aqui não utilizarmos nossos melhores garanhões historicos, uma vez que já estão batidos e com uma frequência de exibição alta.

8. CHAT

8.1. (Pri) Mari Fazi - Criar acompanhamento dos alunos da FL / Onboarding - Vamos distribuindo por igual, o Le automatizou tudo. Então cada matrícula vai sendo distribuída entre os 10 tutores e assim todo mundo fica equilibrado.

8.2. (Pri) Cris Franklin - fala de peito diminuiu muito nosso custo por lead dos criativos

8.3. (Pri) Ricotta - O vídeo não gerava uma audiência tão grande… com o modelo de engajamento e novos criativos, ele subiu a audiência endereçavel… aí pode fazer uma captação melhor

9. Lourival

9.1. (Daniel) Sacada: Fazer campanhas específicas pro início/fechamento do carrinho (horarios de pico). E no resto dos dias rodar as campanhas normais

9.2. (Camila) - fazer launch map: quais são as fases, tarefas, prazos e responsáveis (é possível reaproveitar bastante coisa de um lançamento para outros fazendo apenas ajustes ao invés de criar do zero, ex: páginas)

10. Leandro Aguiari

10.1. (Mike) - Ficar antenado nas tendencias do mercado, de grandes influênciadores digitais, para poder adaptar e testar o mais rápido possível, seja adaptando para um critativo ou conteúdo. Ex: Anitta e ônibus - 15 minutos depois o Aguiari testou e usou

11. Leandro Rosadas

12. Gustavo Vanassi

12.1. Mike - (Lista de tarefa com nome do responsável) Temos isso em escala macro, cogitei colocarmos isso em escala micro e de maneira mais exposta dentro de cada time, como forma de estimular e gerar responsabilidades nos colaboradores junior/pleno Ou seja, sempre que um Junior ou Pleno assumir uma demanda, atribuir o nome dele, mesmo que seja uma pequena tarefa. Focando na autonomia para ele resolver, e para gerar micro vitorias para ele. A Mari falou das micro vitorias dentro do produto para o cliente, eu pensei nessas micro vitorias de maneira interna também “Foco na entrega, não na forma” Além do uso do Loom para ensinar as atividades, até mesmo as simples. "O óbvio também precisa ser dito"

12.2. Ingrid - Ter um líder guardião dos prazos. Dando maior senso de responsabilidade para o membro da equipe que está comandando aquela demanda Ter pequenas entregas dos lançamentos semanalmente, mesmo demandas maiores (estipular pequenos marcos semanais) e realizar reuniões semanais para acompanhamento e supervisão dessas entregas.

12.3. (Camila) - Saber delegar: livro "a arte de fazer o dobro do trabalho na metade do tempo" - cronograma claro com listagem das tarefas ; planilha acessível e fácil de ler e auditar ; 1 responsável para cada tarefa; reunião de decolagem

12.4. (Nath) Ferramenta Loom: gravação de vídeos de até 5 minutos que vão pra nuvem e você é notificado sobre quem viu. Sacada: não precisa ser necessariamente essa ferramenta, mas é um ótimo recurso para treinamento de novos colaboradores, gravações de tutoriais etc.

13. Gisele (redler =) )

13.1. (Pri) - Dançar com a fala - silencio, falar pelo peito, sussurrar ) para ter atenção das pessoas em momentos diferentes.

13.2. (Jéssica) - Evitar o consumo de café, antes de eventos, porque o café aumenta a sensação de ansiedade e atrapalha o foco.

13.3. (Pri) - Suplemento ara eventos : TeaCrine

13.4. (Flanessa) 1 - Boa alimentação 2 - Sorrir (deixa tudo mais leve) 3 - Estar presente

13.5. (Camila) 1- como vc fala (tom de voz, cochichar, silencio, dançar com a fala) 2- alimentação: evitar frituras, açucar, muita carne vermelha, excesso de café (substituir por TeaCrine ou leite vegetal com cacau) 3- nível de presença: com o que estou lidando? o que estou sentindo? 4- ter uma boa noite de sono: rir antes de dormir, diminuir as luzes antes de deitar, chá alface/camomila/mulungu, melatonina.

14. Gerônimo Theml

14.1. (Mike) - Focar no agora, naquela única coisa. Se começar uma demanda, focar nessa demanda até terminar. .Respiração - 6/2/6

14.2. (Lucas) Pense no resultado sem viver no futuro.

15. Ezequiel

15.1. (Camila) - Efeito tsunami com bônus por ordem de inscrição (gerando mais urgencia e escassez) 5, 20, 70, 100 e 1000 primeiros + bonus por tempo

15.2. (Kate) Bônus desejável construído antes do CPL - aviso de oportunidades

15.3. (Kate) Live diária no Insta de Consultoria com primeiros alunos que compraram

16. Leonardo Tabari

16.1. (Camila) - mudar objetivos das campanhas de video view para enjagamento

16.2. (Karine) Sacada: aumentar o tamanho, através da distribuição, dos públicos internos que mais geram leads e pelo menor custo (envolvimento), pode reduzir o CPL.

16.3. (Jeff) Com o objetivo de envolvimento, as pessoas interagem mais no post, ou seja, marcam mais pessoas, possibilitando a viralização do conteúdo, e fazendo o próprio instagram entregar mais.

16.4. (Daniel) mudar o objetivo das campanhas de video view pra envolvimento

17. Erico Rocha

17.1. (Camila) Whatsapp - Automação no envio de mensagens usando o bot do leadlovers - ferramenta de envio de audios FunnelChat

18. JP

18.1. (Jéssica) Um time que vai durar e vai crescer precisa estar com as expectativas alinhadas desde o princípio.

18.2. (Camila) - Pra reter as pessoas é necessário mostrar o que está disponível, quais as possibilidades de crescimento Lider - vende ideais, transformar confusão em clareza, criar ambiente de segurança psicologica, ser exemplo

18.3. (Pri) - Recomendação por admiração (qualquer coisa no mundo nao precisa necessariamente conhecer ) Outbound - acessar pessoas diretamente no Linkedin (empresas com o mesmo perfil )

18.4. (Pri) - Reter Pespectiva futura Curto prazo - Bonus - PLR Longo prazo - Stock option / Rsu

18.5. (Jéssica) "Seniors come first": sempre que você vai começar algo novo, uma área nova, é necessário que haja um sênior encabeçando, já que a experiência e a vivência de empresa farão total diferença.

18.6. (Jéssica) O ambiente é um dos principais fatores que fazem os colaboradores quererem melhorar sua performance.

18.7. (Flanessa) - Reter: - Salário - Crescimento - Aprendizado - Contribuição (se sentir útil) - Admiração por pessoas - Missão da empresa - Se gosta e sente bem

18.8. (Flanessa) - Líder: - Vende ideias - Gerencia acordos - (re)negocia, comunica, acompanha - Remove obstáculos - Desenvolvimento de pessoas

18.9. (Pri) - Reuniao de 1:1 para alinhar e desenvolver time. criar processo. acompanhar crescimento individual .

18.10. (Carol) Treinamentos feitos pela própria liderança.

18.11. (Carol) abordagem por telefone pra saber do interesse - desafio técnico - teste de idioma e perfil - entrevista técnica - entrevista de cultura - proposta. (Rever processo)

18.12. (Carol) Checar percepções dos colaboradores a cada trimestre (1:1 com lideranças que tratem esses tópicos) - Definir x vezes e tempo para fazer 1:1

18.13. (Carol) Melhorar processo de onboarding. Implementar além do onboarding geral (história/cultura) um específico de cada time, feito e acompanhado pelo buddy.

18.14. (Carol) recomendação por admiração* (pessoa que você realmente admira e quer trabalhando na sua equipe).

18.15. (Daniel) O que faz um líder: -Vende ideias -Gerencia acordos -Remove obstáculos -Desenvolve pessoas -Faz rituais de acompanhamento -Transforma confusão em clareza -Cria um ambiente de segurança psicológica -Serve de exemplo

18.16. (Kate) Olheiros no LinkedIn

19. Fabio Ricotta

19.1. (Camila) - Formação de lideres internos . cultura tem que ser vivida e cobrada . 1 a 1 com lideres

19.2. (Pri) Meta, OKR, 1:1

19.3. (Nai) Na formação dos líderes criar uma pirâmide com Conhecimento (como vai superar desafios que virão), Caminho (por qual rota e regra vai seguir) e Jornada (como e com quem você vai seguir.

19.4. (Nai) Influências no dia a dia dos líderes. Momentos de decisão através da cultura e suas diretrizes: - Padronização da tomada de decisão; - Facilidade em demonstrar esse padrão; - Fatores já conhecidos pelos liderados; - Alinhado aos objetivos da empresa; - Alinhado ao formato de decisão dos demais líderes. Aprimorar a capacidade de entender, usar, viver e cobrar os valores da cultura.

19.5. (Nai) Matriz de Posições vs Ações/Foco Posições: Analistas; Coordenadores; Gestores/Líderes Técnicos; Diretores/Conselheiros; Sócios. Ações: Entregáveis; Processos; Gestão de Pessoas; Gestão de Cultura; Negócios/Finanças; Frequência de Foco: Intenso; Frequente; Raramente; Não existente.

19.6. (Nai) Estímulos para criar iniciativas nas lideranças. 1:1 - ceder tempo para ajudar no desbloqueio de algum problema; OKRs - construir rotas por múltiplas mentes, dando a sensação de pertencimento; Treinamentos - treinamento de capacitação, focando sempre como serem melhores nas lideranças.

19.7. (Nai) Adaptação... observando o nível do executor e ajustando o estilo de liderança, teremos um melhor resultado. Executor: competência e compromisso; Comportamento: direção, apoio, descrição de ajuste e observações.

20. Rodrigo Correia

21. Malves

21.1. (Carol) Acompanhamento Psicológico + ações voltadas para saúde mental ao longo do ano (cuidados ao colaborador).

21.2. (Carol) "Entrevista de bar"com situações cotidianas para conhecer melhor a personalidade do candidato.

21.3. (Camila) Ensine para aprender

21.4. (Lucas) Encontre pessoas magnéticas, que atraiam outras pessoas.

21.5. (Nai) Comportamento da empresa na ausência dos sócios: Cultura baseada em 3 pilares... Liberdade; Autonomia e Love; e Mantras.

21.6. (Nai) Conceito da entrevista mesa de bar... com o intuito de deixar a pessoa livre e com sua autenticidade. O segredo está em fazer as perguntas e provocações certas para conhecer as personalidades dos candidatos.

21.7. (Nai) O que esperar dos líderes: - Dar crédito à equipe e não a si mesmo; - Não procurar culpados, mas sim soluções; - Contratar pessoas melhores que os líderes; - Valorizar mais o resultado do que o esforço; - Desligar quem não faz bem ao time; - Reconhecer publicamente um trabalho bem executado; - Tratar problemas de forma reservada e individual: - Assumir responsabilidades; - Usar metas como incentivo; - Valorizar quem vai além do job.

22. Marcelo Germano

22.1. (Nath) Sacada: fazer com que cada pessoa da audiência sinta que aquele conteúdo foi feito especialmente para ela: "Nossa, Germano, parece que você tá dentro da minha empresa!"

22.2. (Nath) Trilha de conteúdo. Sacada: Aquecimento da lista com conteúdos específicos, aumento do nível de consciência da lista.

22.3. (Daniel) Quem segue ele no insta recebe uma sequência de conteúdo em impulsionamento (provavelmente usando o público de envolvimento 1 dia)

22.4. (Kate) Conciliar perpétuo com Lançamento - perpétuo para vender mundo FL o ano todo

23. Matheus Hunoff

23.1. (Marcela) Mostrar na oferta o valor de todos os entregáveis do VIP e depois fazer a oferta por um valor muito menor.

23.2. (Daniel) Apresentar a oferta do VIP com os valores separados de cada entregável pra ir acumulando e depois oferecer o valor do VIP bem mais baixo. A ideia é vender uma viagem de jato pelo preço de corrida de uber

24. Ruy Guimaraes

24.1. (Daniel) Estrutura da página de vendas: Promessa Subtítulo Vídeo de vendas CTA Prova Argumentos lógicos Benefícios Para quem é e para quem nao é Método (Visual) Módulos do curso BÔnus Ancoragem Prova em texto Problema x solução Funcionamento dispositivos Garantia Prova (influencers) CTA Faq Apresentação expert

25. Sabrina

25.1. (Nath) Sacada: mexer com o sensorial dos clientes (experiência top). Presentes em casa.

25.2. (Nath) Classificação de clientes (1, 2, 3 4 e 5 estrelas) e vantagens/presentes exclusivos para cada um.

25.3. (Daniel) Campanhas com participação de influenciadores

25.4. (Mike) - "Presente vale mais que desconto" .Toda venda vai com um brinde(cupom) para ser usado em até 7 dias. Quem não usa, recebe uma mensagem do nosso suporte via WPP -Sacada: A pessoa compra a FL e recebe um cupom de desconto para ela e para um amigo para o MFL, esse cupom vale por 7 dias, caso não conclua, a gente entra em contato via WPP. ou até mesmo a pessoa comprar o MFL e receber um cupom de desconto para ser usado em X dias para comprar mais um convite para o amigo

26. Rafael Ferreira

26.1. (Daniel) Instagram só com resultados de alunos - sem cara do especialista, mas que leva para o produto - rola tráfego por esse insta chamando para os lançamentos (Pensei que dá pra levar o banco de resultados pro insta, mas o possível problema é criar especialistas em lançamento)

27. André Buric

27.1. (Nath) Pesquisa de boas vindas: 1) o aluno justifica pra si mesmo por que entrou no curso; 2) pergunta opcional na pesquisa para indicar alguém. Ligação para quem indicou perguntando se tá tudo ok, agradecendo pela indicação e questionando se o indicado já tá ciente que a equipe vai entrar em contato (fazer quem indicou vender o produto pro indicado) Ligação para o indicado: condições especiais (lead fria), desconto + bônus + curso extra pro indicado e pra quem o indicou.

28. Marcus Marques

28.1. (Jeff) “Vendedor tem que ser igual camaleão e se adaptar a situação” Sacada: No FL ao vivo, treinar as pessoas do lobby para identificar o tipo de pessoa que está conversando, e se adaptar para aquela situação. Ex: Tiver conversando com uma pessoa insegura, focar em falar de números, quantos FP insider já formou, quanto o insider já faturou...

28.2. (Carol) Perfis CE para vendas* Entrevista: perguntas abertas* Desafio durante a contratação: peça para vender algo inusitado (redação, vídeo, no momento da entrevista)

28.3. (Carol) Tripé da remuneração: Salário fixo + comissão + premiação sazonal ou recorrente. Variável de 2 a 5% sobre as vendas recuperadas + premiação por meta de 500 a 1000. Premiação via cartão vale presente

28.4. (Carol) Como formar: saber (vendas, produto, avatar) e querer (comportamental - disciplina, energia, resiliência e foco) 1:1 com todos da equipe: desenvolver saber e querer debriefing de resultados debriefing demensagens debriefing de ligações

29. Diego Guedes

29.1. (Daniel) -Gerar muita audiência pra manter o CPL dentro da meta -Nao dormir enquanto nao tiver feito de tudo que ta ao meu alcance pra manter o CPL -Nao querer ser o dono da verdade e testar antes do julgamento, o foco é o resultado -Estrutura de criativos: Quebra de padrao, conteudo de valor e cta -Recriar publicos sempre que o CPL estiver ruim

29.2. (Karine) Sacada: Recriar públicos quando o lead está acima da meta; Testar tudo sem julgamentos, Criativos de acordo com a jornada do lead com pegada humorística; Criativos que no início sempre chamam a atenção e atiçam a curiosidade de quem está assistindo e Foco no CPL Meta ao invés de Meta de n° de leads.

30. Leandro Guedes

31. Isis Moreira

31.1. (Jeff) Periodicamente, fazer perguntas na comunidade sobre o conteúdo, para instigar a participação dos alunos

32. Hugo Nunes

32.1. (Daniel) -Dividir campanhas de captação por temas -Colocar recompensa nos criativos de procura-se (100k em 7 dias)

32.2. (Karine) Sacada: ROAS por criativo (e também por período de captação) para - Entender que tipo de público cada tema/criativo atrai e se aquele público converte em vendas ou não. - Descobrir quais temas de anúncio estão apenas gerando custo no tráfego e não vendas. - Em que momento da captação entram os leads que convertem em venda no fim

33. José Andrade

33.1. (Nath) Sacada: Existe uma grande dor, mas o que faz a pessoa tomar uma iniciativa não é só a grande dor ou desejo, é a pequena dor ou desejo. Vários criativos (em formatos diferentes) que batem em uma micro dor ou desejo específico.

33.2. (Kate) Criativos com dores derivadas da dor principal

33.3. (Kate) Criativos que desembocam na página específica da dor abordada no criativo, e não em uma página genérica comum a todos

34. Leandro Ferrari / Henrique Brenha

34.1. Reality show com foco na transformação do aluno (transformação gerada durante o reality)