Tecido Conjuntivo

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Tecido Conjuntivo por Mind Map: Tecido Conjuntivo

1. Funções: juntar, unir e ligar; sustentação; preenchimento; Absorção de impactos; Resistência à tração e elasticidade.

1.1. Estocagem de gordura (triglicerideos)

1.2. Defesa do organismo

1.3. coagulação do sangue

1.4. cicatrização

1.5. transporte de nutrientes e gazes

2. Classificação

2.1. conjuntivo prop. dito

2.1.1. Frouxo

2.1.1.1. Suporte às estruturas sujeitas a pequeno atrito e pressão.

2.1.1.2. Está abaixo do Tec. Epitelial

2.1.1.3. É altamente vascularizado

2.1.1.4. Preenche espaço entre órgãos

2.1.1.5. Pouca quantidade de matriz fibrilar: tem muita Subst. Fundamental amorfa.

2.1.2. Denso

2.1.2.1. Denso Modelado

2.1.2.1.1. Feixes paralelos, alinhados com fibroblastos

2.1.2.1.2. oferece resistência a trações sofridas.

2.1.2.2. Denso Não Modelado

2.1.2.2.1. feixes com orientação definida

2.1.2.2.2. resistente às trações

2.2. Tec. Conj. Especiais

2.2.1. Tec. Adiposo

2.2.2. Tec. Cartilaginoso

2.2.3. Tec. Ósseo

2.2.4. Tec. Hematopoiético

2.2.5. Tec. Sanguíneo

3. Células Mesenquimais: originam todas as Cels.

3.1. Fiblobastos

3.1.1. Cel. produtora de componentes

3.1.2. Núcleo eucromático: produtora de M.E.C.

3.1.3. quando maduro se transforma em Fibrócitos

3.1.4. Atuam no processo de regeneração

3.1.4.1. Processo de Regeneração: há estimulação e tranformação (beta1) em Miofibroblastos (produz miosina e actina): Resultando em RETRAÇÃO CICATRICIAL

3.2. Macrófagos

3.2.1. migra da medula óssea para a corrente sanguínea. Proc. denominado DIAPEDESE

3.2.2. Realizam a defesa e reparo de tecidos do organismo

3.2.2.1. granulos com:

3.2.2.1.1. heparina

3.2.2.1.2. histamina

3.2.2.1.3. fatores quimiotáticos

3.2.3. secretam

3.2.3.1. colagenage

3.2.3.2. elastase

3.2.3.3. enzimas degradadoras de glicosaminiglicanos

3.3. Destroi paredes bacterianas pela Lisozima

3.4. Mastócitos: origem na Medula Óssea

3.4.1. Localizam-se na Derme; Sist. Respiratório e Sist. Digestório

3.4.2. Superfície com receptores IgE

3.4.2.1. A adenilato ciclase quando ativada, quebra atp, ativando a AMPc, aumentando a liberação de Ca+, incorrendo a degranulação

3.4.2.2. A adenilato cilcase tbm libera a Fosfatase, atuando no fosfolipídico, sintetizando Ac. Aracdônico forando.

3.4.2.2.1. prostagalndinas

3.4.2.2.2. leucotrienos

3.4.2.2.3. tromboxanos

3.4.3. Abrigam mediadores inflamatórios

3.4.3.1. a ligação entre receptores e histaminas desfaz zônulas de oclusão e formam espaços intercelulares, resultando saída de sangue para fora dos vasos.

3.4.3.2. edema, calor, dor , rubor

3.5. Plasmócitos: derivados do Linf. B

3.5.1. Produtoras de anticorpos

3.5.2. atuam em zonas de inflamação crônica

3.6. Leucócitos: derivados da Medula Óssea

3.6.1. Cels de defesa, majoritariamente na corrente sanguínea.

3.6.2. Glóbulos Brancos:

3.6.2.1. Agranulócitos

3.6.2.1.1. Linfócitos

3.6.2.1.2. Monócitos

3.6.2.2. Granulócitos

3.6.2.2.1. Eosinófilos

3.6.2.2.2. Basófilos

3.6.2.2.3. Neutrófilos

4. M.E.C

4.1. formada por porções Fibrilares e NÃO fibrilares

4.1.1. Porção Fibrilar: Gelatinosa/ Subs. Fundamental Amorfa

4.1.1.1. Fibras colágenas

4.1.1.1.1. Cadeias longas: Tipo I,II,III,V e IX

4.1.1.1.2. Cadeias Curtas: Tipo IX, XII e XIV

4.1.1.1.3. Formam Redes: Tipo IV

4.1.1.1.4. Fibras de ancoragem: Tipo VII

4.1.1.1.5. Principal é o Tipo I:+resistente

4.1.1.2. Fibras reticulares, formados por colágeno Tipo III

4.1.1.2.1. Formam Redes

4.1.1.2.2. fixam e protegem órgãos hematopoiéticos

4.1.1.3. Fibras elásticas

4.1.1.3.1. Sistema elástico

4.1.1.3.2. Desenvolvimento da Fibra Elástica

4.1.2. Porção NÃO fibrilar