Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
A moreninha por Mind Map: A moreninha

1. Ilha de Paquetá, não mencionada pelo autor, mas sabe-se através de pesquisas e estudos que foi esta ilha, localizada na Baía de Guanabara, na cidade de Rio de Janeiro, o cenário do Romance, A moreninha. A descrição do cenário da cidade grande com sua festividades e Costumes sugerem um romance urbano

2. O Romantismo

2.1. A obra, sob o caráter romântico, evidencia a importância da utilização dos valores morais genuínos, presentes na alma humana.

2.2. • Foi considerada a primeira obra expressiva deste movimento literário

2.3. Apresenta o sentimentalismo próprio desse movimento e, idealização de um lugar perfeito, propício a concretização do amor.

3. Cenário

4. Narrador

4.1. O narrador presente na narrativa é observador, Pois não participa da história

4.2. •Há citações da descrição esférica dos personagens (psicologicamente) e também da descrição plana (ação dos personagens).

4.3. •É narrado em 3ª pessoa.O narrador está em toda parte em todos os momentos, portanto é um narrador onisciente.

5. Linguagem

5.1. • A linguagem usada pelo autor é simples e objetiva, porém com várias aplicações rebuscadas. A narrativa é ágil em seus desdobramentos e prende a atenção do leitor segundo o direcionamento do narrador.

6. Tempo

6.1. O tempo cronológico em que toda a história ocorre é de três semanas e meia, aproximadamente.

7. Personagens

7.1. Principais

7.1.1. Carolina, A moreninha e Augusto

7.2. Secundários

7.2.1. D. Ana, Rafael, Tobias, Paula, keblerc, Fabrício, Felipe, Leopoldo, D. Quinquinha, D. Gabriela, D.Violante, D. Clementina.

8. Contexto social

8.1. Valorização da burguesia.

8.2. Sociedade escravocrata

9. Cenas importantes

9.1. A aposta: A narrativa se inicia, relatando o episódio em que os quatro estudantes, principalmente Filipe, apostam que Augusto iria ficar apaixonado por mais de quinze dias por uma mesma moça, sem se cansar dela.

9.2. Dia de Sant’ Ana: O dia de Sant' Ana foi o início da concretização do romance de Carolina e Augusto. É uma comemoração, na qual, os quatro estudantes vão para uma ilha, que é a Ilha de Paquetá, festejar na casa de D. Ana. Lá começa uma trama, onde ocorrem muitos acontecimentos corriqueiros da sociedade burguesa. Evidencia o ócio dessa classe.

10. Clímax

10.1. O clímax do romance, ocorre quando Carolina fala que Augusto deve procurar a menina que ele jurou se casar na infância, porém ele diz que ama Carolina e não a outra menina. Ele se desespera, mas depois ela lhe revela na gruta, que é a mulher a quem ele tinha prometido se casar na infância

11. Desfecho

11.1. Como todo bom romance romântico, o desfecho dá-se no final da história quando Augusto e Carolina já estão de casamento marcado e Augusto perde a aposta que havia feito com Filipe, tendo que escrever um romance. Essa situação de um romance, que tem como tema um romance, constitui uma metalinguagem.