HIV/AIDS

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
HIV/AIDS por Mind Map: HIV/AIDS

1. Transmissão

1.1. Sexo sem uso de camisinha

1.2. Uso de seringa contaminada por mais de uma pessoa

1.3. Transfussão de sangue contaminada

1.3.1. Pelo vírus ter sido associado a pessoas LGBTQ+, apenas recentemente foi autorizada a doação de sangue por pessoas da comunidade.

1.4. Durante a gravidez, parto e amamentação se a pessoa grávida estiver contaminada.

1.5. Instrumentos cortantes não esterelizados e contaminados.

2. Prevenção

2.1. Intervenções biomédicas

2.1.1. Redução do risco de exposição, afetando a interação do vírus com a pessoa passível de infecção

2.2. Intervenções comportamentais

2.2.1. Aumento da informação e percepção do risco de exposição a doença, para sua consequente redução

2.3. Intervenções estruturais

2.3.1. Fatores e condições socioculturas que influenciam a vulnerabilidade de específicos grupos sociais ao HIV

3. O que é?

3.1. Sigla inglesa que representa o nome do vírus que causa a AIDS (human immunodeficiency virus)

3.1.1. O efeito dessa síndrome é manter o sistema imunológico vulnerável.

3.2. Uma pessoa contaminada pode ou não desenvolver AIDS. Existem diversos portadores de HIV que vivem anos sem sintomas e desenvolvimento da doença.

3.2.1. Mas, mesmo sem desenvolver a doença, podem transmitir o vírus para outras pessoas.

4. Como é apresentado em "Depois daquela viagem"

4.1. Valéria Polizzi, autora que relata sua vida no livro, contrai o vírus causador da AIDS aos 15 anos, após transar sem camisinha com seu primeiro namorado que era mais velho e abusivo.

4.1.1. Por acreditarem que quem contraía o vírus fossem apenas gays, médicos ficam chocados ao ver um caso de AIDS numa mulher hétero que apenas fez sexo vaginal, deixando Valéria desconfortável.

4.1.1.1. Com todo preconceito envolta a doença, a garota tenta mudar o pensamento de amigos próximos que zombam de forma tola o HIV e a AIDS.

4.1.1.1.1. Após anos escondendo, conta a seus amigos possuir AIDS após um longo período internada. Com isso, pedem a ela que escreva um livro contando sua trajetória.

4.1.1.2. Por ser de classe média alta, teve acesso rápido a diversas informações, como tratamentos e como prevenir seus parceiros sexuais, etc.