Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Paciente L.T.S.N por Mind Map: Paciente L.T.S.N

1. Anamnese

1.1. 68 anos, feminina, católica, branca, casada

1.2. QP: "Não tenho mais vontade de viver"

1.3. HDA: Desanimada, chorosa e triste Dificuldade para dormir, pouco apetite, aspecto deprimido e isolamento Inicio em 2020 com a perda do irmão

1.4. HP: Cirurgia retirada de tumor benigno Hipertensão estágio I Ansiedade

2. Diagnóstico

2.1. DSM-V

2.2. Exame Piscopatológico

2.3. Diagnóstico Final

2.3.1. Paciente com episódio depressivo grave sem sintomas psicóticos

2.3.1.1. CID 10 - F 32.2

2.3.1.2. DEPRESSÃO

3. Meta Terapêutica

3.1. Atenuar estado depressivo

3.2. Retomar prazer em atividades cotidianas

3.3. Melhorar crises de insônia

3.4. Regular apetite

3.5. Evitar o agravamento da doença

4. Terapêutica não farmacológica

4.1. Exercício Físico

4.2. Psicoterapia

4.3. Mudanças na alimentação

4.4. Meditação

4.5. Mindfulness

5. Terapêutica Farmacológica

5.1. Diretrizes da Associação Médica para o tratamento da depressão

5.2. Venlafaxina

5.2.1. Antidepressivos inibidores seletivos da receptação de serotonina e noradrenalina

5.2.2. Via oral - 75mg 1x ao dia

5.2.3. Cápsulas de liberação prolongada

5.2.4. Efeitos adversos: Hipomania, ansiedade, agitação, nervosismo, confusão, insônia ou outros distúrbios do sono, fadiga, sonolência, parestesia, tontura, convulsão, vertigem, cefaleia, sintomas de gripe, tinido, coordenação e equilíbrio prejudicados, tremor, sudorese, boca seca, anorexia, diarreia, náusea e vômito

5.2.5. Efeitos terapêuticos: observados entre a 2ª e 6ª semana de tto

5.2.6. Interação medicamentosa: Não indicado o uso de venlafaxina e alcool

5.2.7. Monitoramento semanal no inicio do tratamento