Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
CANDIDA SP por Mind Map: CANDIDA SP

1. CANDIDÍASE RECORRENTE:

1.1. HÁBITOS DE VIDA:

1.1.1. Tipos de vestimenta

1.1.2. Uso indescriminável de medicamentos.

1.1.3. Maus hábitos alimentares

1.2. DIBIOSE

1.3. Pós parto Menopausa Climatério:

1.3.1. Reduz estrogênio, vaginite atrófica: frágil e menos elástica.

1.4. Tratamento mais agressivo.

1.5. TRATAMENTO:

1.5.1. Candidíase não complicada:

1.5.1.1. tratamento via oral e pomada ginecológica

1.5.2. Candidíase complicada recorrente:

1.5.2.1. tratamento via oral

2. CANDIDÍASE CRÔNICA:

2.1. Leva à imunodepressão.

2.2. Situações clínicas debilitantes:

2.2.1. Crescimento excessivo do fungo

2.2.1.1. Infecção superficial ou Infecção sistêmica

3. SINTOMAS:

3.1. INICIAIS:

3.1.1. Prurido.

3.1.2. Odor intenso na vulva.

3.1.3. Dispareunia: dor durante as relações sexuais.

3.1.4. Corrimento vaginal espesso.

3.1.5. Desconforto ao urinar.

3.2. Avaliação ginecológica:

3.2.1. Eritema: vermelhidão.

3.2.2. Edema.

3.2.3. Fissura: Lesão por coceiras.

3.2.4. Corrimento ardente.

4. HOMENS

4.1. Sintomas em homens

4.1.1. Vermelhidão e nata

5. PREVENÇÃO

5.1. Roupas íntimas de algodão.

5.1.1. Vestuário de banho em constante mudança.

5.2. Evitar absorventes internos com longa duração.

5.3. Higienização com sabonete de ph neutro.

5.4. Uso de preservativos.

5.5. Evitar roupas justas.

5.6. Diabéticos precisam fazer o controle metabólico.

6. MULHERES NA GRAVIDEZ

6.1. Agrava a infecção fúngica!

6.2. Torna-se frequente e ocorre em qualquer fase da gravidez

6.2.1. Não há complicações ao feto.

6.3. TRATAMENTO:

6.3.1. uso apenas de formulações tópicas.

7. Fatores de risco

7.1. Gravidez

7.2. Obesidade

7.3. Diabete

7.4. Deficiência imunológica:

7.4.1. Câncer e AIDS

7.5. Tratamento em homens

7.5.1. Balanite: inflamação na região genital masculina.

7.5.1.1. tratamento oral e por formulação tópica.

7.6. Relação sexual sem preservativo.

7.6.1. Transmite apenas se um dos parceiros estiver infectado.

7.6.2. Não é uma doença contagiosa.

8. O QUE É

8.1. Doença vulvovaginites

8.1.1. Inflamação simultânea da vagina e da vulva

8.2. Afeta qualquer órgão ou sistema do organismo.

8.3. Infecção oportunista