Pensamento Evolutivo antes de DARWIN

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Pensamento Evolutivo antes de DARWIN por Mind Map: Pensamento Evolutivo antes de DARWIN

1. ARISTÓTELES

1.1. Foi um dos grandes primeiros pesquisadores e pensadores sobre a história e a origem natural e responsável por fomentar a teoria de Geração Espontânea. Também publicou os livros "Geração dos Animais ", "Partes dos Animais" e "História dos Animais". Famoso pelo pensamento "As coisas são feitas da mesma coisa, mas com almas diferentes".

2. GEORGE CUVIER

2.1. A partir da observação de fósseis e comparação com os animais vivos, percebeu que alguns simplesmente não existiam mais e culpou tal fato às catástrofes.

2.2. O primeiro a introduzir a ideia de EXTINÇÃO.

3. LAMARCK

3.1. Foi o primeiro a construir ELOS entre os seres.

3.2. Um dos primeiros transformistas juntamente com Darwin.

3.3. Descreveu como as espécies mudam, um primeiro passo para o evolucionismo.

3.3.1. Usou como principal exemplo a girafa que, ao esticar muito o pescoço para alcançar as folhas das árvores, teve seu pescoço ficando cada vez maior.

3.4. Defendia a mudança dos seres vivos de acordo com sua hipótese o USO E DESUSO.

4. LINNAEUS

4.1. Inventor do Sistema Binomial usado até os dias atuais para a classificação dos seres vivos.

4.2. Classificou o mundo em 3 grandes grupos: ANIMAL, VEGETAL E MINERAL.

4.2.1. O primeiro nome se refere a uma categoria geral em que o ser se enquadra, o segundo o agrupa de forma mais específica segundo suas características.

5. JOANNES BAPTISTA

5.1. Foi preso por estudar plantas.

5.2. Queria provar que as árvores crescem se alimentando de solo fértil. Quando acabou seu experimento viu que a quantidade de solo era a mesma, porém a árvore havia crescido, dessa forma, concluiu que na verdade elas cresciam por beber água.

6. CONDE DE BUFFON

6.1. Ele acreditava que quanto mais afastado do centro de origem (Europa), os animais iam se degenerando e diminuindo de tamanho.

7. MARY ANNING

7.1. Tornou-se "a maior fossilista que o mundo já conheceu", chamada como "mãe da paleontologia", teve em suas descobertas contribuições para o desenvolvimento inicial da paleontologia e para a teoria da evolução apresentada pelo naturalista inglês Charles Darwin.

8. FIXISMO

8.1. Uma antiga doutrina filosófica que consistia na tese de que espécies eram fixas e imutáveis, ou seja, elas surgem de forma independente, sem o reconhecimento da uma evolução. Essa doutrina originou três correntes: O Criacionismo, a Geração Espontânea e o Catastrofismo.

8.2. GERAÇÃO ESPONTÂNEA

8.2.1. É a ideia de que algumas formas de vida surgem a partir de matéria inanimada em um curto período de tempo.

8.2.1.1. Essa teoria foi quebrada pelo Francês Louis Pasteur. Com o experimento do tubo com pescoço de cisne, que possibilitava a entrada de ar e impedia o acesso de micro-organismos a substancia. Com isso foi possível analisar que o ar não é o responsável pelo surgimento da vida, ou seja a vida só acontece a partir de outra matéria viva.

8.3. CRIACIONISMO

8.3.1. Antigamente, acreditava-se que o mundo físico e biológico era imutável pois, se tudo a nossa volta foi feito de forma perfeita por Deus, como iria mudar?

8.3.1.1. Posteriormente, ideias de um mundo mais dinâmico começaram a surgir, e com isso muitos naturalistas da época começaram a estudar mais sobre.

8.4. CATASTROFISMO

8.4.1. Uma corrente fomentada por George Cuvier que defendia que as alterações que ocorriam no planeta se deviam à ocorrência de grandes catástrofes naturais (dilúvio) as quais foram responsáveis pela extinção de certas espécies daquele período, criando uma tentativa de justificar os fósseis encontrados de animais antigos que até o momento, não tinham explicação.

8.4.1.1. Após esses períodos de catástrofes, Deus seria o responsável por repovoar a fauna e a flora da superfície terrestre.