Metodologia em Pesquisa

Mapa mental metodologia científica

Começar. É Gratuito
ou inscrever-se com seu endereço de e-mail
Metodologia em Pesquisa por Mind Map: Metodologia em Pesquisa

1. Usos de métodos de pesquisa é de total importância, para os cidadães bem informados.

1.1. Abordagem cientifica

1.1.1. Limitação intuitiva, envolve o desenvolvimento de explicação dos comportamentos. Abordagem requer conclusão fundamentação em mais provas.

1.1.2. Autoridade discurso falado por pessoa de renome, pessoas acreditavam neles, mas as verdadeiras conclusões cientificas exigem provas com uma conclusão cientifica.

1.2. Ceticismo, Ciência e Abordagem Empírica

1.2.1. cientistas podem ter outras opiniões além da cientifica, desde que ele fale q é apenas uma crença

2. Etica na Pesquisa

2.1. Ética

2.1.1. Normas de conduta

2.1.2. Conforme tradições/ cultura/ religião

2.2. Moral

2.2.1. Modo de ser do individuo

2.2.2. Bons costumes

2.2.3. Padrões e valores morais

2.3. Como ser ético na pesquisa?

2.3.1. Respeito pelas pessoas

2.3.2. Benevolência

2.3.3. Justiça

2.4. Princípios e questões éticas na pesquisa

2.4.1. Estresse e dano psicológico

2.4.2. Engodo

2.4.3. Anonimato e sigilo

2.4.4. Entrevista de Esclarecimento

3. Observação do Comportamento

3.1. Abordagem quantitativa é coletar fatos concretos : números.

3.1.1. Dados quantitativos são estruturados e estatísticos.

3.2. Abordagem Qualitativa coletam informações, descrevendo, usando impressões, opiniões e pontos de vista.

3.3. Observação Sistemática é a observação cuidadosa de comportamentos específicos num ambiente particular.

3.4. Pesquisa de arquivo analisa dados, como estatistia ou registro publico, relatos antropologicos

3.5. Observação Naturalista

3.5.1. Trabalho de Campo ou observação de campo descrevendo e compreendendo uma pessoa em dado ambiente social ou cultural. Observando tudo, empregando assim as estratégias complexas, tomadas de decisões e resoluções de problemas, formulando hipóteses que ajudam a explicar os dados e torná-los compreensíveis. Seu objetivo é fornecer um quadro completo e preciso em vez de testar hipóteses brevemente formuladas.

3.6. Estudo de Descrição o individuo pode ser uma pessoa no ambiente empresa, escola. Podendo usar técnicas tais como pesquisa bibliográfica e entrevistas

3.7. Observação Participante x Não Participante

3.7.1. Participante o observador assume o papel ativo na pesquisa

3.7.2. Não participante é um estranho que não se torna parte ativa do ambiente

4. Estudo do Comportamento

4.1. Variável é qualquer situação ou comportamento que tenha 2 valores.

4.1.1. Exemplo: tarefas cognitivas, com primitivas de palavras

4.1.2. Variável situacionais :descrevem as características de uma situação ou ambiente: o o comprimento das palavras lidas, a densidade de uma sala de aula

4.1.3. Variáveis de Resposta ou comportamentos do indivíduo, como tempo de reação, desempenho numa tarefa cognitiva e ajuda a vitima numa situação de emergência. As participantes do indivíduo incluindo sexo, inteligência e traços de personalidade

4.2. Definições Operacionais o pesquisador decidi qual método usar para estudar as variáveis de interesse.

4.2.1. Definições operacionais são termos das operações ou técnicas que o pesquisador usa para medir e manipular.

4.3. Método não experimental é quando o comportamento é observado como ocorre naturalmente. descrevendo seu comportamento , observando e registrando respostas fisiológicas examinando dados de senso

4.4. Método Experimental uma variável é manipulada e a outra é medida. O método envolve a manipulação direta e controle das variáveis

4.5. Randomização é a influencia de qualquer variável estranha equivalente as condições experimentais

4.6. Controle experimental todas as variáveis estranhas são mantidas constantes.

4.7. Variável Manipulável é a variável independente; denominada independente pq o participante não tem controle sobre sua ocorrência

4.8. Variável Independente é a variável manipulada pelo experimentador. e a dependente é o comportamento causado pela variável independente

4.9. Causalidade são relações entre variáveis enfatizando as inferências sobre a causa e efeito

4.10. Validade refere-se a verdade e a representação correta de informações. sendo descritas e avaliadas.

4.10.1. Validade de construto da validade refere-se a adequação de uma definição operacional de uma variável.

4.10.2. Validade Interna Validade é a capacidade para tirar conclusões sobre as relações de causa e efeito de nossos dados. Um estudo tendo alta validade sofrendo inferências fortes de uma variável q causou outra fazendo interferências casuais fortes com maior facilidade no método experimental

4.10.3. Validade Externa é o estudo do grau em que os resultados que podem ser generalizados para outras populações ou situações. Experimentos de Campos são uma forma de os pesquisadores tentarem aumentar a validade externa de seus ferimentos.

5. Ética na pesquisa com Seres Humanos

5.1. Ética na pesquisa : com o avanço da ciência e a pretensão de se pensar o conhecimento, surgiu novas formas de buscar o saber

5.2. Métodos frequentes aplicados nos experimentos como Números de amostras: número coletado de uma população estatística especifica; Duplo cego é a ocultação das informações entre os grupos envolvidos

5.3. Humanos em experimento Cientifico

5.3.1. Conflito entre o individuo vs. ciência

5.4. Institucionalização da Pesquisa

5.4.1. importância dos aspectos éticos na pesquisa

5.4.2. Regulamentações foram qualificadas por médicos pesquisadores protegendo os pacientes e garantindo a qualidade nas pesquisas.

6. Realização de Experimentos

6.1. Seleção dos participantes de uma pesquisa os participantes de uma pesquisa podem ser selecionados como crianças, estudantes, universitários e etc.

6.2. Montagem de cenário é introduzir num contexto de experimento .Ao montar cenário, é preciso esclarecer os participantes explicando o por que o experimento está sendo realizado. É importante que o indivíduo a ser estudado não saiba especificamente do que se trata.

6.3. Medida da Variável dependente

6.3.1. Medidas de auto-relato podem ser usadas para medir atitudes, quanto se gosta de alguém, julgamentos sobre características de personalidade.

6.3.2. Medidas comportamentais medidas diretas de comportamento, medindo os comportamentos.

6.3.3. Medidas fisiológicas são registro das respostas fisiológicas do corpo

6.3.4. Sensibilidade da Variável Dependente deve detectar diferenças entre grupos.

6.3.5. Ética na pesquisa garantindo confiabilidade das respostas dos participantes.

6.4. Controle Adicionais delineamento experimental básico envolvendo dois grupos no caso mais simples, um grupo experimental que recebe a manipulação, e o grupo controle que não a recebe. permite eliminar uma variedade de explicações alternativas

6.4.1. Controle de expectativa dos participantes é qualquer aspecto de um experimento q informe os objetivos de estudos.

6.4.2. Controle de pesquisas experimentador geralmente conhecem o objeto de estudo e consequentemente podem desenvolver expectativas dos sujeitos deveriam responder.

6.5. Eliminação de defeitos do estudo planejando o estudo

7. Classificando exploratórias

7.1. Pesquisas exploratórias tem o objetivo de proporcionar maior facilidade do problema, construindo hipóteses tendo o objetivo de aprimorar ideias e descobrir intuições.

7.2. Pesquisas Descritivas tem o objetivo de descrever características de determinada População. Tendo o objetivo de estudar características dos grupos como idade, se co procedência, nível de escolaridade

7.3. Pesquisas Explicativas tem preocupação de identificar os fatores que determinam a ocorrências de fenômenos

7.4. Pesquisa Bibliográfica é desenvolvida com base em todo material elaborado, de livros e artigos, permitindo investigar melhor.

7.5. Pesquisas documentais são materiais de tratamento analítico

7.6. Pesquisa Experimental visa determinar um objeto de estudo, selecionando as variaveis q são capazes de influencia-lo definindo as formas de controle

7.6.1. Manipulação o pesquisador manipula ao menos uma característica dos elementos estudados

7.6.2. Controle o pesquisador precisa introduzir um ou mais controles na situação experimental criando um grupo de controle.

7.6.3. Distribuição aleatoria a designação dos elementos para participar dos grupos experimentais e de controle deve ser feita aleatoriamente.

7.7. Pesquisa ex- post facto é uma pesquisa que estuda algo q já aconteceu

7.8. Estudo de Coorte se refere a um grupo de pessoas q tem características em comum ´podendo ser contemporâneos e históricos

7.9. Levantamento caracteriza-se pela interrogação direta das pessoas cujo comportamento deseja conhecer o problema a ser estudado

7.10. Estudo de campo procuro ser mais aprofundada em questões propostas de distribuição de características da população sendo determinadas as variáveis

7.11. Estudo de Caso a modalidade da pesquisa seja amplamente nas ciências biomédicas , permitindo seu amplo e detalhado conhecimento.

7.12. Pesquisa ação pode ser definida por um tipo de base empírica concebida e realizada em estreita associação de resolução de um problema coletivo

7.13. Pesquisa participante caracteriza-se sobre a interação entre pesquisadores e membros de situações investigadas, sendo voltada para grupos comunitários, índios, operários e etc